Celtics 117 x 104 Timberwolves

Mais uma vez, o Boston Celtics mostrou que manda em sua casa e que está muito vivo na briga pela liderança da Conferência Leste na temporada 2016/2017 da NBA. Em partida disputada na noite desta quarta-feira (15), no TD Garden, o Alviverde teve um início irregular diante do Minnesota Timberwolves, mas reagiu nos dois últimos períodos e conquistou uma vitória por 117 a 104, para delírio da torcida verde e branca. Foi a 11ª vitória consecutiva do Celtics em casa sobre a franquia de Minneapolis.

O cestinha do Boston Celtics foi o armador Isaiah Thomas, que anotou 27 pontos e distribuiu quatro assistências em 31 minutos. O pivô Al Horford também foi fundamental na vitória celta e flertou com um triplo-duplo: além de marcar 20 pontos, o camisa 42 pegou nove rebotes e deu oito assistências. Outro destaque do Celtics foi o ala-armador Avery Bradley, que fez 18 pontos. Na rotação, o armador Marcus Smart e o ala-pivô Kelly Olynyk anotaram 10 pontos cada.

Pelo lado do Minnesota Timberwolves, o destaque foi o armador espanhol Ricky Rubio, que fez 23 pontos e distribuiu sete assistências. O ala canadense Andrew Wiggins e seu reserva imediato, Shabazz Muhammad, também fizeram boas atuações, com 21 pontos cada. Calouro do ano em 2016, o pivô Karl-Anthony Towns anotou um duplo-duplo, com 17 pontos e 14 rebotes.

Com a segunda vitória consecutiva diante de sua torcida, o Boston Celtics manteve a vice-liderança da Conferência Leste, com 43 vitórias em 68 jogos e 63,2% de aproveitamento. Além disso, o Alviverde abriu 1.5 jogo de distância para o terceiro colocado Washington Wizards. Já o Minnesota Timberwolves, que tem 28 triunfos em 67 confrontos e aproveitamento de 41,8%, permanece na 11ª posição da Conferência Oeste, com quatro vitórias a menos que o oitavo colocado Denver Nuggets.

Tanto Boston Celtics quanto Minnesota Timberwolves voltam a jogar pela temporada 2016/2017 na noite desta sexta-feira (17). Enquanto a franquia de Massachusetts enfrenta o Brooklyn Nets às 20h30, no Barclays Center, o time de Minneapolis encara o Miami Heat na AmericanAirlines Arena.

O jogo

Contando com o apoio da torcida, o Boston Celtics abriu sete pontos de diferença nos primeiros minutos de jogo, mas o Minnesota Timberwolves reagiu e venceu o primeiro quarto por 32 a 30, graças a um arremesso de Andrew Wiggins a dois segundos do fim. Embalado pela reação no período anterior, o Wolves manteve o ritmo no segundo quarto e abriu 10 pontos de liderança no placar. O Celtics, entretanto, contou com boas jogadas de Isaiah Thomas para manter as suas chances no jogo.

No terceiro quarto, o Boston Celtics iniciou a sua reação: com uma defesa sólida, uma rotação atenta e uma ótima atuação de Al Horford nos dois lados da quadra, o Alviverde virou o jogo e levou uma vantagem de oito pontos para o último quarto. Já no período decisivo, com Isaiah Thomas e Avery Bradley cirúrgicos no ataque, o Celtics dominou as ações e garantiu a vitória sobre o Timberwolves.

Destaques do Celtics

Isaiah Thomas (27 pontos e quatro assistências)

Al Horford (20 pontos, nove rebotes e oito assistências)

Avery Bradley (18 pontos e quatro assistências)

Destaques do Timberwolves

Ricky Rubio (23 pontos e sete assistências)

Andrew Wiggins (21 pontos, quatro rebotes e quatro assistências)

Shabazz Muhammad (21 pontos e três rebotes)

Karl-Anthony Towns (17 pontos e 14 rebotes / duplo-duplo)

Gustavo Arruda
Gustavo Arruda

Gustavo, 25 anos, é maranhense de São Luís, estudante de Jornalismo e repórter esportivo do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando “Let’s go, Celtics!”, e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011. Nas horas vagas, é goleiro, armador, consumidor de danone, tio do João Gabriel e dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

6 Comentários

  1. Digor33 disse:

    Imaginem se tivéssemos pego a primeira escolha no último draft? Estaríamos bem no garrafão.

    0

    0
    • Marco Ferreira disse:

      Bom Digor, estaríamos com uma boa esperança no garrafão, mas precisaríamos ver o Ben Simmons jogando uma sequencia de jogos na NBA para ver a adaptação dele na liga, mas sem sombra de dúvidas estaríamos com uma grande expectativa!

      Confesso que gostei muito da nossa escolha no Draft (Jaylen Brown), a evolução que ele já apresentou neste inicio de temporada é animador.

      0

      0
  2. Rafael disse:

    Otima vitoria, vendo nossa sequencia, acho que conseguinos manter pelo menos o segundo lugar no Leste.

    Mas quem curtiu mesmo o jogo foi o JB kkkk

    http://uolesporte.blogosfera.uol.com.br/2017/03/16/novato-dos-celtics-e-trollado-com-pipoca-no-carro-e-sofre-para-deixar-ginasio/

    0

    0
  3. A Antonio disse:

    Isaiah Thomas dominando o jogo sem dificuldades. Essa temporada nasceu um novo Isaiah Thomas. Impressionante

    0

    0
  4. ap142Walmir disse:

    Me tornei fã de NBA este ano…e gostando demais do Boston Celtics!!!

    0

    0

Deixe um comentário