Celtics presenteia Kobe Bryant com pedaço da quadra do TD Garden

Antes da partida da última quarta-feira, 30 de dezembro, sua última no TD Garden, Kobe Bryant encontrou-se com a alta cúpula do Boston Celtics, como convidado especial de um compromisso privado promovido pela franquia. Nesta pequena reunião, Bryant fora presenteado com um pequeno pedaço do lendário parquet do Boston Garden, como um singelo presente de despedida.

Encontravam-se no compromisso, da esquerda para a direita na foto abaixo, o presidente de operações de basquete do Boston Celtics, Danny Ainge, o presidente do Celtics, Rich Gotham, o homenageado Kobe Bryant e o co-proprietário da equipe de Boston, Steve Pagliuca.

A placa recebida por Bryant continha um pedaço da antiga superfície da quadra da arena do Celtics, uma foto de Bryant perto do centro da quadra, uma anotação dos jogos que o ala do Lakers fizera em Boston e uma inscrição que diz o seguinte: “Em reconhecimento de seus lendários desempenhos na quadra do Parquet. De seus amigos e rivais, o Boston Celtics”.

O pedaço de parquet dado a Bryant pertencia à superfície original do Boston Garden. Este conjunto de peças de parquet foi instalado no Boston Garden em 1952, movido para o TD Garden na mudança de casa do Celtics em 1995, e utilizado como quadra da equipe do Celtics até 1999, quando o conjunto de peças foi aposentado. Mas não totalmente aposentado, já que algumas porções da quadra foram mantidas no novo conjunto de parquets do TD Garden, no intuito de manter intacta a história da equipe. Já as peças de parquet não utilizadas na nova quadra são guardadas pela franquia para servir de souvenirs para jogadores lendários, muitos da própria franquia, mas também para rivais, como no caso de Bryant.

A última visita a Boston como jogador do Lakers significava tanto para Bryant que ele levou sua família junto para a cidade, com intuito de dividir com seus familiares todas as experiências que tivesse em Boston.

“Está no mesmo alto nível de Filadélfia (cidade natal de Bryant), em termos de (experiência) mais emotiva”, disse Bryant sobre quão importante era Boston em relação a suas últimas partidas como visitante na NBA. “Este lugar realmente significou muito para a minha carreira. Eu não posso salientar o suficiente, mas por isso que eu quis meus filhos aqui. Eu queria que eles pudessem ver isso e sentir isso.”

“Eu lembro da minha filha tendo uma partida difícil numa semifinal no softball, tendo strikeouts, e ela estava chorando. Ela estava furiosa. Então eu mostrei a ela o vídeo de nós perdendo para o Celtics e eu saindo da quadra chorando. Eu disse ‘escute, está tudo bem. Está tudo bem. Você tem que apenas recuperar-se.’ Este é o tipo de impacto profundo que esta quadra teve (na minha carreira).”

Poucas horas depois da homenagem, Bryant liderou o Lakers à vitória, por 112 a 104, anotando 15 pontos e coletando 11 rebotes.

Fábio Malet
Fábio Malet
Gaúcho de Porto Alegre, bacharel em Ciência da Computação e analista de sistemas. Apaixonado por esportes, tem o jornalismo como um hobby, e, pretende, futuramente, fazer pós-graduação na área. Acompanha NBA desde o começo de 2007 e, pé-quente, viu seu Boston Celtics ser campeão na primeira temporada inteira que assistiu. Torce também para Grêmio, Tottenham Hotspur, Green Bay Packers, e por conta da afinidade com Boston, tornou-se fã de Bruins e Red Sox.

20 Comentários

  1. Roberto Rossini disse:

    Homenagem muito legal, rival histórico e um jogador sensacional, merece.

    0

    0
  2. Renato disse:

    É por isso que a NBA cresce a cada ano e sou tão apaixonado por esses esporte.

    Os caras entendem que isso é um negócio, que podemos ser rivais, mas nunca inimigos, que todos vencem quando um bom espetáculo é apresentado.

    Rival ou não, Kobe foi responsável por muitas emoções que tive como torcedor do Celtics, algumas felizes outras tristes, mas como diz Roberto Carlos o importante são as emoções que Eu vivi.

    Obrigado Kobe e Obrigado Celtics por mostrar mais uma vez pq é o número 1 da NBA.

    0

    0
  3. Amanda Albuquerque disse:

    E durante o jogo Kobe presenteou os torcedores do Celtics com uma cesta de 3, calando o TD Garden e freiando a reação dos Celtas.
    Eu amo esse cara, go Lakers!!!

    0

    0
  4. Danilo Jeolás disse:

    Celtics 108 x 102 Nets

    0

    0
  5. Fernando C. da Silva disse:

    B. Lopez está esmagando nosso time. Logo o Jae vai reclamar. Tem gente “olhando” o jogo.

    0

    0
  6. Marcos disse:

    E eu achava que o GWall era ruim… E o KO não toma o seu gardenal há uns quatro jogos…

    0

    0
  7. junior disse:

    esse time é um lixo, o Isaiah thomas em um time que quer ser campeao é banco, o time é tao fraco que o isaiah THOMAS é o cestinha, era melhor ter tankado na temporada passada pra pegar o towns ou o porzingis

    0

    0
  8. Francisco Machado disse:

    E a trade pelo Lopez que eu tanto falei que seria uma boa pro nosso time e ruim pro time deles, mataria 2 coelhos com um time só. Enfraqueceria o time deles e teriamos um pontuador pra ajudar o Thomas, que não precisaria chutar 9 bolas de 3, tendo aproveitamento de 22 porcento.
    Engraçado q o Ainge falou de um C pontuador a uns dias atrás, mas parece que ta mais preocupado em fazer homenagens…..
    Essa doeu mais q a do Lakers

    0

    0
  9. Renato disse:

    Time caiu demais de produção. Parece que só Thomas e Crowder querem vitórias. Perder 2 partidas para o Nets e 1 partida para o Lakers é de repensar muita coisa.

    O Stevens faz milagre, pq nosso perímetro é bom, mas nosso garrafão é com toda certeza o pior da liga.

    Perder para o Nets deveria gerar multa salarial, é um derrota dupla e ainda fortalece os caras.

    O consolo é que a lesão do Jack parece ser séria, e se for o caso vão cair ainda mais um pouco de produção.

    Perdemos para uma equipe onde só 2 jogadores pontuam com frequência Lopez e Jhonson. Parabéns aos envolvidos.

    Sem trade não tem solução, não temos garrafão. Mickey deve ser armador, NÃO É POSSÍVEL. Revolta, muita raiva essa é a sensação.

    0

    0
  10. Fernando C. da Silva disse:

    Os adversários “aprenderam” como parar o Celtics e a maneira de jogar do Stevens. Perímetro, perímetro e perímetro. Faz alguns jogos que nosso aproveitamento nas bolas de 3 é ruim (na casa de 30% ou pouco menos). O adversário marca o perímetro. Temos poucas opções na tábua já que apenas o KO é scorer e quando ele não vai bem no ataque ficamos com o Thomas e o já marcado perímetro. Em outras palavras, apenas o Thomas produzindo no ataque não nos levará às vitórias. Reitero: o Stevens precisa variar a maneira de jogar.

    0

    0
    • Francisco Machado disse:

      Cara, nossa segunda e terceira opção de ataque, são jogadores defensivos, que tem como principal arma a defesa. O Bradley novamente foi mal, e o Crowder começou tão bem, que eu achei que ele iria chegar aos 30, mas foi perdendo o gás.A verdade é que falta peças, o cara de garrafão que veio pra ser titular e pontuar na área pintada, infelizmente não deu certo.
      Ainge tem que se decidir. Ano passado mais ou menos nessa época, entre dez e jan, a discussão era tank, ate que o Ainge começou a fazer trade que nem maluco, se livrou de jogadores que estavam fazendo mal ao elenco (Green e Rondo) e truxe jgadores que deram um up offensivo e denfessivo (Thomas e Crowder).Saimos de tank para offs. Hj somos time de offs, sendo q a conferência ta muito mais difícil. Ainge tem que começar a se mexer, se ele repetir as trades do ano passado, seremos time para segunda rodada, e assim até termos um time contender. Mas tem q reforçar o elenco, principalmente um scorer.

      0

      0
  11. The Real Jay disse:

    Não pode perder pro Nets, é mais importante ganhar do Nets, do q ganhar do Lakers! Inadmissível essa derrota, a segunda já pro Nets no ano.

    0

    0
  12. Fábio de Abreu disse:

    [OFF]
    Eai galera tudo certo?
    queria saber se alguem ai pode me dar uma ajudinha semana q vem to indo viajar pros EUA e queria uma camisa novo do celtao a unica q ja tive ja ta bem velha tal comprei aq no brasil a uns 10 anos entao fui dar uma olhada nos preços de camisa la na internet e achei mt caro faixa de 100 obamas enfim se alguem sabe aonde posso achar uma camisa mais barata por lu ficarei bem agradecido vlw!

    0

    0
    • Pedro Leôncio disse:

      Maioria das cidades grandes dos USA tem loja oficial da NBA. Voce encontra camisa de 40-50 dolares facil nessas lojas ou ate mesmo em centro de compras maiores

      0

      0
  13. Renato disse:

    Notícia importante!!! Jarrett Jack está fora da temporada. Rompeu o ligamento. Dessa forma o Nets perde seu armador titular responsável por 13 pontos – 4 rebotes e 7 assistências de média por jogo. Agora começo a acreditar em uma escolha TOP 3 e na pior das hipóteses TOP 5.

    Parece que eles vão atrás do Wroten, mas ainda assim não é do mesmo nível do Jack e o Larkin então nem se fala.

    0

    0
  14. Sander disse:

    Agora é torcer para o B. Lopez se lesionar tbm kkkkkkkkkkk

    0

    0
    • Renato disse:

      O rendimento de uma equipe passa pelas mãos de seu armador, como Jack fora vai cair a pontuação do Lopez e do Jhonson com toda certeza, tirando o fato que ele também era um dos scores da equipe. Ainda tá rolando o boato que o Jhonson será negociado antes do fim do prazo para trocas.

      0

      0
  15. Francisco Machado disse:

    Pelo menos uma coisa boa saiu daquele jogo.
    Vamos ver o impacto dele no time amanhã. Não posso nem imaginar mais uma derrota

    0

    0
    • Renato disse:

      Pode ter certeza que o impacto será gigante na equipe do Nets. A troca de passes será muito mais previsível e o larkin falha demais para ser titular de uma equipe, fora a questão da liderança do Jack.

      0

      0

Deixe um comentário