Com 16 jogadores sob contratos garantidos, o “Paredão do Celtics” está assegurado pelo terceiro ano consecutivo

Ao assinar com o armador Shane Larkin, na última semana, o Celtics garantiu que entrará em sua pré-temporada com 16 jogadores sob contratos garantidos. Esse número, obrigatoriamente, deverá ser reduzido para 15 até o começo da temporada regular, devido às normas da liga. Essa dor-de-cabeça, contudo, tem virado uma constante na vida do maior campeão da NBA.

Afinal, nas duas últimas pré-temporadas, a equipe de Boston se viu com 16 jogadores com contratos garantidos. Em 2015, o dispensado foi Perry Jones III. No último ano, acabou sobrando para R.J. Hunter, que perdeu a disputa, pela vaga final no elenco, para James Young.

“Não é a situação ideal, já que acabaremos jogando dinheiro fora em algum contrato”, admitiu o presidente de operações da franquia, Danny Ainge. “Ao mesmo tempo, encaro esse quadro com bons olhos, já que nos permitirá ter alguma competição pelas vagas finais no elenco, além de nos permitir ver, de mais de perto, alguns jogadores que acompanhamos nos últimos anos. Por fim, é mais um bom indício de que os donos da equipe estão dispostos a gastar dinheiro, ao concederem, a nós da direção, esses luxos. Essas atitudes demonstram o quanto eles querem vencer”.

Por ora, os principais candidatos a serem eliminados no “paredão do Celtics” são os recém-chegados Shane Larkin e Daniel Theis.

Em 2016/2017, quando atuou pelo clube espanhol Baskonia, Larkin angariou as médias de 13.6 pontos, 5.3 assistências e 3 rebotes. O armador, de apenas 1,80 metro, foi recrutado pelo Atlanta Hawks, com a 18ª escolha-geral do 2013 NBA Draft e já passou por Mavericks, Knicks e Nets, ao longo de três temporadas disputadas na NBA. Ao todo, suas médias, na melhor liga de basquete do mundo, são de 5.8 pontos e 3.2 assistências por jogo.

“Quanto a Shane (Larkin), nós sentimos que ele foi um dos melhores jogadores em solo europeu da última temporada”, opinou Ainge. “Ele melhorou sua capacidade de armação e teve um grande ano. Ele é muito veloz e um arremessador acima da média. Nós acreditamos que seus números de aproveitamento nos arremessos não correspondem ao seu real talento para acertá-los. Não menos importante, também apreciamos sua capacidade de atacar a cesta”, derreteu-se, em elogios, Ainge.

Daniel Theis, por sua vez, é um alemão de 25 anos que obteve as médias de 9.5 pontos e 5.7 rebotes pela equipe do Brose Bamberg, na última EuroLeague. Ademais, o jogador, de 2,06 metros, acertou 61.8% de seus arremessos tentados.

“Theis está com uma boa idade e pode nos oferecer bastantes coisas. Ele tem 25 anos e vem de três boas temporadas na Alemanha. Ele é um garoto que não foge do jogo físico e tem bom atleticismo. Theis consegue acertas bolas de longa distância e é polivalente. Esperamos colher bons frutos com ele”, encerrou Ainge.

Para você, caro leitor, quem será o eliminado no “Paredão do Celtics”? Opine abaixo.

Rômulo Portugal
Rômulo Portugal
Rômulo é carioca, advogado, e fã de futebol, NBA e NFL. Acompanha o Celtics desde 2003. Seu fanatismo pelo maior campeão da NBA o fez torcer para os demais times de Boston. Como bom carioca, é Vascaíno. Tem Paul Pierce como primeiro e grande ídolo na NBA.

11 Comentários

  1. Sander disse:

    Libera o Kaden Allen.

    0

    0
  2. Paulo disse:

    Tem que liberar um armador, ou o Allen ou o Larken. Não faz sentido liberar o Theis.

    0

    0
  3. Marcelo SM disse:

    Allen não é “garantido” não é mesmo!?

    0

    0
  4. Rômulo Portugal disse:

    Kadeem Allen e Jabari Bird não contam como contratos garantidos, já que são transitórios.

    Os 16 atletas são:

    Isaiah Thomas – Jaylen Brown – Gordon Hayward – Marcus Morris – Al Horford
    Terry Rozier – Marcus Smart – Jae Crowder – Jayson Tatum – Aron Baynes
    Shane Larkin – Abdel Nader – Guerschon Yabusele – Semi Ojeleye – Ante Zizic – Daniel Theis.

    Um desses terá que ir embora.

    0

    0
  5. Rômulo Portugal disse:

    Meu voto vai no Shane Larkin.

    0

    0
  6. Sander disse:

    Não tem cabimento o Larkin no time. Já temos I. Thomas, Rozier e Smart para jogar na 1 e o Hayward conduz bem a bola.

    0

    0
  7. Daniel disse:

    Ao que parece o larkin veio como um seguro caso acontecesse uma troca que envolvesse Smart ou Rozier.

    0

    0
  8. Bruno Ferronato disse:

    Também votaria no Larkin.

    0

    0
  9. Barros disse:

    Adeus Larkin ou o nigeriano.

    0

    0

Deixe um comentário