Finais do Leste (Jogo 5) – Boston Celtics (2-2) x Cleveland Cavaliers (2-2)

Com a derrota na última partida e o consequente empate na série melhor de sete em 2 a 2, o Boston Celtics encara, na noite desta quarta-feira (23), às 21h30 (horário de Brasília), o Cleveland Cavaliers, pelas Finais da Conferência Leste da NBA. O retorno do confronto para o TD Garden é um alento para o torcedor celta, já que a franquia de Massachusetts venceu todas as partidas disputadas em seus domínios durante os playoffs. Inclusive, contra a equipe de Ohio, o maior campeão da NBA realizou duas excelentes partidas, abrindo a vantagem inicial de 2 a 0. Ainda contando com o mando de quadra conquistado durante a temporada regular, uma vitória hoje significa, no pior das hipóteses, disputar em casa a vaga para as Finais da NBA.

Relembre os duelos anteriores da série entre Boston Celtics e Cleveland Cavaliers:

Jogo 1 – Celtics 108 x 83 Cavaliers

Jogo 2 – Celtics 107 x 94 Cavaliers

Jogo 3 – Cavaliers 116 x 86 Celtics

Jogo 4 – Cavaliers 111 x 102 Celtics

Apesar de ter sido uma das melhores equipes visitantes durante a temporada regular, o Boston Celtics não vem conseguindo reproduzir o desempenho longe de casa nos playoffs, tendo vencido somente uma partida fora de seu ginásio (Jogo 3 contra o Philadelphia 76ers). A inexperiência da equipe, que é bastante jovem, pode estar gerando este impacto negativo.

No entanto, apesar das derrotas, é notável o fato de que os jogadores vem se empenhando em diminuir a diferença no placar, quando muitos times desistiriam de tal tarefa. No último jogo, por exemplo, Jaylen Brown teve um início de jogo muito abaixo do esperado, sendo defensivamente dominado pelo ala Kyle Korver, que apesar de ser um excepcional arremessador de bolas de três pontos, não é conhecido por ser um bom marcador. Porém, Brown manteve a compostura e terminou como o maior pontuador celta, com 25 pontos, a maioria deles anotados no segundo tempo do jogo.

Ainda sobre o último jogo, tudo aquilo que foi feito de forma correta nos dois primeiros encontros, não foi realizado desta vez. LeBron James irá sempre pontuar bastante e também sempre tentará envolver seus companheiros com passes. Nos jogos 1 e 2, o Boston Celtics foi capaz de impedir que isso acontecesse, resultado em duas ótimas vitórias. Porém, no jogo 4, a defesa celta, que foi a melhor da liga na temporada regular, não funcionou no primeiro tempo de jogo, sofrendo 68 pontos e permitindo ao Cavaliers abrir uma larga vantagem que nunca seria recuperada, muito embora o Alviverde de Boston tenha vencido 3 quartos do confronto. Em razão da fraca defesa, o elenco de apoio de James produziu como no jogo 3 da série, com diversos jogadores pontuando em dois dígitos.

As duas derrotas sofridas de forma dura talvez force a mão do técnico Brad Stevens para que promova mudanças na rotação da equipe. Ainda sem poder contar com o armador Shane Larkin, lesionado no ombro durante a série contra o Philadelphia 76ers, após uma trombada com o pivô Joel Embiid, Stevens deverá iniciar a partida com o mesmo time que começou o jogo 4. No entanto, durante a partida, é possível que promova a entrada de Marcus Smart e Aron Baynes antes da hora, a depender do início da equipe.

A intensidade com a qual o Cleveland Cavaliers encarou as duas partidas em casa fez com que o técnico Tyronn Lue não mudasse seu quinteto titular. O Boston Celtics ainda não encontrou a resposta correta para impedir Tristan Thompson de dominar o garrafão, bem como a defesa falha nas últimas partidas permitiram Kyle Korver fazer o que faz de melhor.

Local: TD Garden (Boston, MA)

Horário (de Brasília): 21h30

Transmissão: ESPN e NBA League Pass

CLEVELAND CAVALIERS: George Hill, J. R. Smith, LeBron James, Kevin Love e Tristan Thompson. Treinador: Tyronn Lue

BOSTON CELTICS: Terry Rozier, Jaylen Brown, Jayson Tatum, Marcus Morris e Al Horford. Treinador: Brad Stevens

Eduardo Quirino
Eduardo Quirino
Eduardo, 31 anos, nascido em Niterói/RJ mas é Resendense de coração. Bacharel em Direito, estudante de Administração e flamenguista, é apaixonado por esportes e envolvido com o basquete desde os 14 anos. Ex-pilar do Volta Redonda Rugby, ex-capitão do Resende Rugby e atual ala-pivô do Basquete Resende, tem como espelho a lenda Kevin Garnett, razão pela qual começou a torcer para o Boston Celtics em 2008. KG se foi, mas o amor pelo Celtics é pra sempre! Sou um dos calouros do Celtics Brasil e espero vê-los muitas vezes por aqui!

47 Comentários

  1. Marco Ferreira disse:

    Jogo perigoso…

    Estávamos ganhando por 17 pontos e no final do quarto são só 11. Precisamos corrigir os erros do ataque, a defesa hoje está muito bem.
    Baynes e Smart muito bem defensivamente!

    Agora um recado para a ESPN, é uma falta de respeito imensa esse Zé Boquinha de comentarista, assim como a SporTv são contra os Celtics e totalmente imparcial, esse Zé Boquinha também é um torcedor fanático, no jogo 4, falta claríssima em cima do Tatum em uma enterrada e ele disse que não foi nada, inventou uma falta junto com a arbitragem do Morris em uma bola de 3 e vários outros lances, hoje a saga dele continua, tudo ele comenta a favor do Cavs, até que foi bom o Cavs marcar mais pontos que o Celtics em um momento do jogo para poder dar emoção…

    Já mudei para a Stream para não passar raiva com a transmissão, uma pena uma emissora como a ESPN ter profissionais assim, no futebol tem aquele Mauro que fez com que sua audiência caísse muito, agora jogos Celtas com esse Zé Boquinha estou indo para a Stream sem pensar duas vezes.

    Let’s go Celtics…

    15

    8
  2. Júnior M disse:

    CINCO ataques errados, sendo 2 tentativas seguidas do Smart com chutes de 3 faltando mais de 15 segundos.
    Meu Deus do céu!
    Aí fica difícil, os Cavs estavam desanimados e voltaram para o jogo.
    Tiraram 7 pontos e Brad pe de tempo.

    7

    0
  3. Marcos disse:

    E ainda tinha torcedor no blog querendo colocar o Tatum, Brown e Smart na mesmo padrão…

    Respeito às opiniões contrárias, porém prefiro 1000x o Smart em quadra do que o Rozier contra os Cavs.
    Inclusive acho que ele deveria ser titular no jogo em Ohio.

    O pulso ainda pulsa,

    Abs verdes

    9

    6
    • Túlio disse:

      Concordo Marcos, gosto muito do Rozier, mas infelizmente o jogo deles está baseado em fazer bloqueios para que role trocas e fique Lebron com Rozier, o que mata nossa defesa

      5

      0
  4. Fernando Silva disse:

    Boa Vitória! Um relaxamento ou outro mas no geral, o time esteve bem.

    Gostaria que mantivessemos a sequência dos últimos 3 quartos contra os Cavs do jogo 4.

    Aquele game estava ao nosso alcance e não me conformo com aquela derrota.

    É oportunidade para revermos no game 6.

    Seria bom encerrarmos logo a série.

    Porém, fica o aviso: os Cavs que se virem para ganhar uma fora.

    Passar em 6 ou 7 jogos com 3 OT, tanto faz.

    Seja qual for o resultado dos últimos jogos da série, esta equipe merece somente uma coisa: um TD Garden lotado e aplaudindo de pé!

    14

    0
  5. Paulo Bastos disse:

    Lebron nitidamente exausto com a sequência de jogos e por jogar sozinho!! Se mantivermos essa defesa, a série acaba na sexta-feira! Go Celtics

    10

    0
  6. Marcos disse:

    Só pra não deixar incompleto.
    Smart/Hill-Morris/James-Tatum/JR(matchup de hoje)-Horford/Love-Baynes/Thompson.
    Jogar físico do começo ao fim.

    Vem do banco Rozier e Brown para conter pontuação e marcar contra o banco dos Cavs.

    Abs verdes

    3

    8
    • Marcelo SM disse:

      Só trocaria, no quinteto inicial, o Brown pelo Morris, com Rozier e Morris vindo do banco. Assim não teria, desde o início aquela troca para deixar Lebron em cima do Rozier (sempre será Smart ou Brown).

      0

      0
  7. marco_rio5 disse:

    Vitória muito importante na Série, Time jogou focado, com uma defesa forte. Taticamente time foi muito bem. Na parte técnica deixou a desejar, com um mal aproveitamento de arremessos. Tatum jogou muito bem (Pra mim é o melhor Calouro), Horford o de sempre, Bem e Eficiente. Smart me surpreendeu, jogou muito bem. Morris razoável, mas melhorou muito comparando ao ultimo jogo. Brown eu achei abaixo de suas atuações. Rozier foi mal, está devendo nessa final. E olha que chegaram a descartar o Kyrie pro ano que vem, prevendo que o Rozier era melhor. Sem condições. Kyrie nessa série, já estava finalizada. O que importa agora é chegar firme no jogo em Cleveland, muita intensidade e não dar mole no primeiro quarto. jogar sempre junto no placar. Defesa forte e um bom bloqueio de garrafão. Assim poderemos vencer na casa deles.

    18

    0
  8. Tiago Coelho disse:

    Time jogou bem, foi a melhor partida do Tatum nessa final, Brown ta infiltrando e tomando vários tocos não tô gostando mas ta acertando os lances de 3 pontos. Em relação a narracao brasileira não da pra assistir, parece que sao leigos em basquete, so assisto no stream.

    4

    4
  9. splm disse:

    Só manjarola por aqui..

    Transmissão da ESPN é muito boa, inclusive com opiniões e análises diretas. O Zé boquinha interpreta muito bem os lances sem complicar pro telespectador, os comentários dele sempre agregam muito conteúdo prático em paralelo ao que ocorre no esporte.

    Se quer ouvir transmissão local do Celtics por Stream pode ouvir com Scalabrine e cia, mas esta é piamente, e porque não ultrajante para quem acompanha os jogos de basquete e delicia-se com opiniões mais neutras.

    19

    7
    • Júnior M disse:

      splm, apenas um adendo ao seu comentário.
      O Zé boquinha é um ótimo comentarista no pós-jogo com análises extremamente bem embasadas e objetivas. A ressalva que possuo com relação a ele é durante a partida, momento em que ele é claramente subjetivo. Ontem, inclusive, quado o Celtics travou em 82 (ou 83 pts) e o Cavs baixaram a diferença, durante dois ataques os Cavs erraram arremessos de três e se ouviu claramente ruídos do Zé boquinha esbravejando. Não acho que ele torça contra o Celtics, mas é evidente a torcida descarada pelo Lebron, e isso acarreta em flagrantes imparcialidades.
      Dito isso, concordo com o que você disse: transmissão da ESPN é excelente, e o nível analítico dos comentaristas são ótimos (Buga, Agra e Zé boquinha), com, repito, única ressalva com relação à subjetividade do Zé boquinha.

      Bora Celtão!!!

      2

      0
  10. Teobaldo disse:

    Vencemos! Maravilha! Na partida de ontem anotei 4 destaques: 1 – o forte jogo defensivo e coletivo do Celtics; 2 – o ótimo desempenho do Tatun com 24 pontos (inacreditável que esse cara tenha apenas 20 anos); 3 – o fraco desempenho dos coadjuvantes dos Cavs (nenhum deles teve dois dígitos na pontuação); 4 – cansaço do LeBron, que parece esgotado. Se fizermos um jogo físico em cima dele revesando Baynes, Monroe e Morris, temos chances de fecharmos no jogo 6. Abraços!

    13

    0
  11. N£¥ Pjot∆ disse:

    Como havia dito os jogos em casa tem que ser preponderantes para a classificação, time jogou bem principalmente defensivamente neutralizando os bloqueios ofensivos dos Cavs, porém estou preocupado com as infiltrações do J. Brown está faltando intensidade!

    0

    0
  12. SamucaRJ disse:

    Paul Pierce + Reggie Miller = Jayson Tatum

    Quero jogo 7 em Boston, quero ver a cara do Lebron vendo TD fervendo e a torcida fazendo aquela festa!

    Já chegamos onde muitos não imaginavam, logo, agora na final seja contra quem for é se divertir e fazer o melhor possível…

    Muito orgulho desse time, e certeza de um futuro vitorioso.

    12

    0
  13. Roger Felipe disse:

    A pergunta que não quer calar “quando hayward voltar na próxima season, tatum vai para o banco?”
    Menino ta jogando demais, de terno!!!

    7

    0
    • lucas disse:

      Irving , Brown, Hayward, Tatum, Horford…..Small ball total igual GSW
      Esse time é pra ser o 2 mais talentoso da liga o que força os outros a se adequarem a seu estilo

      0

      0
      • jean lucas dos reis brazuna reis ana maria felix dos reis disse:

        mas um ponto a nosso favor frente aos outros times é o banco…Rozier, Smart, Morris, Theis e Baynes pra mim é bem melhor que o banco do GSW.

        1

        0
  14. SamucaRJ disse:

    Roger Felipe,

    Gordon H. vai ser SG pq já temos SF titular (Tatum), respeito quem acha que ele vai jogar de PF. Durante alguns jogos pode acontecer, mas ele é um SF clássico.

    K. Irving, Gordon H, Tatum, Al Horford e Cousins. Com esse time já podem entregar o caneco em Boston, o dono da Franquia deu uma entrevista essa semana que irá gastar/pagar a multa pelo telo pra voltar a ser campeão novamente.

    Tio Ainge, levou pra almoçar o Donte Divincenzo garoto é bola acabou com final da NCAA.

    9

    0
  15. Vitor S. disse:

    Mas a ESPN americana também é contra o Celtics também, fazer o que…

    2

    0
  16. Vitor S. disse:

    Mas 44 pontos e o Jay Tatum quebra o recorde do Kareem como rookie com mais pontos em playoffs

    8

    -1
  17. Vitor S. disse:

    Proximo ano Celtics o Celtics vai jogar sem Pivo e com dois SF, AL Horford vai fazer o PF e Tatum e Hayward de SF, que nem o Warriors jogando sem Pivô e improvisando o Durant em alguns momentos

    4

    0
    • marco_rio5 disse:

      Acho complicado o Celtics ganhar título sem um cara dominante no garrafão. GSW tem o Green que é um cara dominante em rebotes e defesa no garrafão. Além do Durant que auxiliado pelo Igodala fecha bem aquela area pintada. Estamos presenciando nessa séria como é complicado jogar sem um cara dominante no garrafão, contra um time, que está apostando na altura de garrafão. Finalmente ness ejogo conseguimos equilibrar nosso garrafão decisivo com o Baynes. Nesse caso melhorando muito os rebotes. Mas perdemos a transição rápida muitas vezes. O Baynes não é esse cara pra transição rápida. De qualquer maneira, vamos precisar ano que vem um cara de alto nível para ajudar o Horford nesse garrafão. Seria muito bom ter o Grego ou o Davis. Mas sei que essa tarefa é impossível. Seria interessante tentar um pick menor no draft para pegar um futuro pivô dominante. Vamos ver como fica.

      2

      0
      • Sander disse:

        Mano, o Theis pode nao ser um craque. Mas defende muito bem, pega rebotes e mete umas bolinhas. Ele vai ser muito importante na próxima temporada, do mesmo jeito que estava sendo nessa.

        4

        0
  18. Netto Santos disse:

    GH na 3 e Tatum na 4, como aconteceu no primeiro jogo da temporada.

    2

    0
  19. SamucaRJ disse:

    Aí quando enfrentamos um time que tem Pivô seremos engolidos como sempre acontece, errar é humano, mas continuar no erro por mais tempo é…..

    Precisamos de um Pivô pra ontem.

    4

    0
  20. Sander disse:

    Precisamos de um pivo sim, mas só conseguiremos via trade. O Rozier pela bola que esta jogando, pode acabar sendo negociado. As equipes estao de olho nele, pode ser que o Ainge consiga algo por ele.

    Também poderíamos fazer uma proposta baixa pelo Noel ( Reboteiro nato e bom defensor), com o Stevens ele pode evoluir bastante. Mas é eslerar e ver o que o tio Ainge vai fazer, ele sempre surpreende.

    3

    1
  21. N£¥ Pjot∆ disse:

    Como havia dito anteriormente o fator casa tem que ser preponderante para a classificação, meu destaque positivo vai pra rotação defensiva que dificultou os bloqueios ofensivos dos Cavs, porém as infiltrações do J. Brown me preocupam está faltando intensidade!

    1

    0
  22. silvio freitas disse:

    Transmissão da ESPN é sensacional . Profissionais de alto nível . Se alguém está pensando que são torcedores do celta , podem mudar de canal . Não mostram preferencia por clube algum . Enaltece sempre o bom jogador . Tatum e Lebron são os mais citados .
    Muito boa transmissão . O mesmo não ocorre no Sportv . Profissionais fracos demais .
    Silvio Freitas

    0

    3
  23. silvio freitas disse:

    Nosso time está jogando o fino da bola . Precisamos de um pivô de qualidade pra enfrentar Warrions ou Houston no próximo ano .
    Eles estão ainda na nossa frente . Com Davis ou Cousins , seremos candidatos a tudo .
    Silvio Freitas

    0

    1
  24. Lucas disse:

    Concordo , ele ja se mostrou ser bem útil e essa foi a temporada de adaptação dele ano que vem tem tudo pra ele fechar com uma media de pelo menos 10 pontos e rebotes fora o impacto no garrafão

    0

    0
    • Sander disse:

      Ele é bom mano, fora que é agil.
      Eu no Draft tentaria o Grayson Allen para o lugar do Larkin e um pivô grande para o trabalho sujo ( Pode o Brandon Mccoy). Aí ficaríamos top no presente e com uma grande perspectiva de futuro.
      Nem adianta pensar em um C top, estilo Davis, Cousins, E etc… Só vamos ter um pivô bom se for um achado do Ainge no Draft, alguém que queira baixar o salário para ser campeão ou alguém que tem potencial e quer mostrar serviço ( Noel e Okafor).

      0

      0
  25. Lucas disse:

    To falando do theis em um comentatio do sander la em cima*

    0

    0
  26. Vitor disse:

    Mas o D.A vai trazer o Donte Divincenzo na próxima temporada e provavel que o Larkin vá embora

    0

    0
  27. Vitor disse:

    Bora torcer pro Rockets pq se for Warriors em 5 jogos no máximo a gente perde. Como os caras da ESPN falaram no jogo 4 ” se juntar os melhores de Cle e Bos não bate o GSW”

    0

    3
  28. Tiago Oliveira disse:

    Não existe time imbatível, os Celtics estão provando isso, e o Rockets provou que pode ganhar do GSW, não entendo esse pessimismo todo de que enfrentar o GSW é sinônimo de derrota. Pegue uma sequência ruim de Curry, ou de Durant, uma série só com 1 deles jogando bem. Vai ficar igual a um Cavs que praticamente só tem um Lebron para fazer tudo. Claro que o GSW é mais time do que o Cavs, e é um time pior de ser enfrentado pelo Celtics, mais pela forma de jogo do GSW que é mais parecida com a do Celtics, e por ter Durant em alto nível acaba levando vantagem. Também prefiro enfrentar o Rockets, mais pelo motivo que eles podem sentir o peso que terá uma Final, já o GSW vem no embalo. Pensar em fechar a série, e se for o Rockets, talvez eles venham sem CPaul. Falando sobre pivô, bem que poderiamos ter um ADavis, o cara é dominante demais e pouca idade, jogaria muito com o Stevens.

    0

    0
  29. Netto Santos disse:

    Tbm concordo, não adianta ficar sonhando com AD ou Cousins da vida, isso não vai acontecer, uma trade pra trazer um desses caras teria que envolver Tatum ou Brown, coisa que é inimaginável pra gente agora.

    0

    0
  30. Alex Sandro disse:

    O cara perfeito pro Celtics agora seria o Marvin Bagley, será que a gente consegue ele com a escolha 27? 🙂

    0

    0

Deixe um comentário