Jogo 5 – Celtics 102 x 135 Cavaliers

O sonho do 18º título da NBA foi adiado pelo Boston Celtics na noite desta quinta-feira (25). Na quinta partida da final da Conferência Leste, o Alviverde contava com o apoio da torcida no TD Garden para surpreender o favorito Cleveland Cavaliers, atual campeão da liga, mas a franquia de Ohio mostrou a sua força, derrotou a equipe celta por 135 a 102, fechou a série em 4 a 1 e garantiu o passaporte para mais uma decisão contra o Golden State Warriors, campeão da Conferência Oeste.

Sentindo bastante a ausência do lesionado armador Isaiah Thomas, o Boston Celtics teve como cestinha o ala-armador Avery Bradley, que anotou 23 pontos e pegou quatro rebotes em 31 minutos. Iniciando a partida no banco de reservas, o experiente ala Gerald Green contribuiu com 14 pontos, dois rebotes e duas roubadas de bola, enquanto o ala Jae Crowder fez 11 pontos e conseguiu seis rebotes.

Pelo lado do Cleveland Cavaliers, a noite foi histórica para o ala LeBron James. Além de chegar perto de um triplo-duplo, com 35 pontos, oito rebotes e oito assistências, o camisa 23 se tornou o maior cestinha da história dos playoffs da NBA, quebrando o recorde que pertencia a Michael Jordan. Destaque no Jogo 4, Kyrie Irving também fez uma boa partida em Boston, com 24 pontos e sete assistências. O ala-pivô Kevin Love, por sua vez, anotou um duplo-duplo: 15 pontos e 11 rebotes.

Mesmo eliminado, o Boston Celtics festeja uma grande campanha na temporada 2016/2017 da NBA. Além do vice-campeonato do Leste, o Alviverde encerrou a fase de classificação em primeiro lugar, com 53 vitórias em 82 jogos, e faturou o título da Divisão do Atlântico. O Cleveland Cavaliers, por sua vez, inicia as Finais da NBA contra o Golden State Warriors na próxima quinta-feira (1º), na ORACLE Arena.

Destaques do Celtics

Avery Bradley (23 pontos e quatro rebotes)

Gerald Green (14 pontos, dois rebotes e duas roubadas de bola)

Jae Crowder (11 pontos e seis rebotes)

Destaques do Cavaliers

LeBron James (35 pontos, oito rebotes e oito assistências)

Kyrie Irving (24 pontos e sete assistências)

Kevin Love (15 pontos e 11 rebotes / duplo-duplo)

Gustavo Arruda
Gustavo Arruda

Gustavo, 25 anos, é maranhense de São Luís, estudante de Jornalismo e repórter esportivo do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando “Let’s go, Celtics!”, e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011. Nas horas vagas, é goleiro, armador, consumidor de danone, tio do João Gabriel e dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

2 Comentários

  1. Felippe Carmello disse:

    Nosso futuro é cada dia mais promissor. Let’s go Celtics!!!

    0

    0
  2. silvio freitas disse:

    Boa campanha para o time atual .Até surpreendente.
    Muita coisa precisa mudar. Se ficar enchendo o time de armadores , não vamos ganhar nunca .Estão esquecendo que se ganha campeonato com defesa e pivôs eficientes . Além de um bom banco .O nosso é horrível.
    Não vejo futuro algum num plantel que tem Olynik , Amir , Jerekho, Young, Green e Zeler . Mandaria todos embora . São péssimos .
    Silvio Freitas.

    0

    0

Deixe um comentário