Mock Draft 2017 Comentado – Final

A poucas horas do 2017 NBA Draft, e após a troca que resultou na ida da primeira escolha do recrutamento, oriunda do Brooklyn Nets e pertencente ao Boston Celtics, para o Philadelphia 76ers, atualizamos o Mock Draft 2017 Comentado do Celtics Brasil, que chega em sua versão final. Nele, analisamos detalhadamente os jogadores cotados para as 14 primeiras escolhas do próximo recrutamento da liga, além de prever todas as 30 escolhas da primeira rodada do Draft. Acompanhe nos próximos parágrafos nossas análises para a classe do recrutamento de 2017.

 

Leia Mais

O que a 2ª rodada do próximo Draft pode oferecer ao Celtics?

 

1. Philadelphia 76ers (do Brooklyn Nets, via Boston Celtics) – Markelle Fultz

Posição: Armador/Ala-Armador
Idade: 19 anos
Altura: 1,93m
Envergadura: 2,08m
Peso: 88 kg
Origem: Washington (calouro)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
35,7 23,2 5,7 5,9 1,6 1,2 48 41,3 64,9 3,2

Markelle Fultz é um combo guard explosivo e com um jogo técnico bastante desenvolvido. Sua envergadura, velocidade e atleticismo impressionam e fazem-no levar bastante vantagem sobre seus matchups na posição, tornando-o praticamente imparável quando parte em direção à cesta. É um dos melhores arremessadores da classe, registrando médias acima de 40% nas bolas de três pontos. Possui ótima condução de bola, passe e visão da quadra, tornando-o também letal quando bem marcado, achando companheiros melhor colocados com facilidade. Além de tudo isso, é bom defensor das duas posições de armação. Precisa melhorar alguns aspectos de seu jogo como o aproveitamento nos lances livres e a tomada de decisões, mas ele é o pacote completo do jogador moderno da NBA. Seu potencial é ilimitado e chega pronto para ajudar de imediato a equipe que o escolher.

Comparação NBA: Russell Westbrook com maior QI de basquete; James Harden com ótimo atleticismo e defesa; um mix de D’Angelo Russell e Zach LaVine.

Análise Completa: Draft 2017 – Markelle Fultz

 

2. Los Angeles Lakers – Lonzo Ball

Posição: Armador
Idade: 19 anos
Altura: 1,98m
Envergadura: 2,01m
Peso: 86 kg
Origem: UCLA (calouro)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
35,1 14,6 6,0 7,6 1,8 0,8 54,7 41,2 67,3 2,5

Lonzo Ball é um armador clássico, de certa forma até meio nostálgico, por fazer lembrar dos anos 1980 e 1990, principalmente. É um jogador bastante técnico e cerebral. Sua capacidade de conduzir o ataque e achar seus companheiros em boas condições de pontuar é invejável. Sua altura e envergadura, comparáveis a de um ala, ajudam-no a ter uma boa vantagem contra seus matchup‘s. É um excelente defensor, que irá impactar desde o primeiro minuto de quadra na NBA. Precisa melhorar alguns aspectos de seu jogo, em especial o arremesso, mas tem todo o potencial para ser bem sucedido na liga. Vale lembrar que com Lonzo Ball, também está incluso no pacote o seu pai, Lavar Ball, que vem aprontando inúmeras polêmicas nos últimos meses.

Comparação NBA: Um mix de Shaun Livingston e Ricky Rubio; Rajon Rondo longilíneo com menor capacidade defensiva; Michael Carter-Williams calouro com potencial ilimitado.

Análise Detalhada: Draft 2017 – Lonzo Ball

 

3. Boston Celtics (do Sacramento Kings, via Philadelphia 76ers) – Jayson Tatum

Posição: Ala
Idade: 19 anos
Altura: 2,03m
Envergadura: 2,11m
Peso: 93 kg
Origem: Duke (calouro)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
33,3 16,8 7,3 2,1 1,3 1,1 45,2 34,2 84,9 2,6

Jayson Tatum é um jogador completo, com praticamente nenhuma falha em seu jogo. O ala de Duke não tem o destaque fisico-atlético de alguns dos outros jogadores da classe, mas compensa isso com invejável técnica e domínio dos fundamentos. O lendário técnico de Duke, Mike Krzyzewski, o “Coach K”, ex-técnico da seleção americana de basquete, é só elogios a Tatum: para Krzyzewski, Tatum é um dos mais dedicados jogadores que passaram por suas mãos, e um dos melhores defensores que já viu no basquete universitário, comparando-o ao seu também ex-comandado, Shane Battier. Ofensivamente, Tatum tem todo o ferramental técnico para impactar na NBA: atleticismo, tamanho, força, velocidade, passe, condução de bola, liderança e um ótimo arremesso. Outra ótima característica de Tatum é seu poder de decisão em momentos decisivos, o chamado clutch. Apesar dos 18 anos na temporada universitária, Tatum pareceu um veterano nestes momentos, lembrando um velho conhecido do Boston Celtics: Paul Pierce.

Comparação NBA: Paul Pierce; um mix de Shane Battier e Jabari Parker; Rudy Gay mais intenso e com maior capacidade defensiva.

Análise Detalhada: Draft 2017 – Jayson Tatum

 

4. Phoenix Suns – Josh Jackson

Posição: Ala/Ala-Armador
Idade: 20 anos
Altura: 2,03m
Envergadura: 2,07m
Peso: 92 kg
Origem: Kansas (calouro)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
30,8 16,3 7,4 3,0 1,7 1,1 51,2 37,8 56,6 2,8

Estupidamente atlético, rápido, forte e com bom tamanho e envergadura, Jackson já tem o que é preciso para se dar bem desde os primeiros minutos na NBA. Trata-se também de um excepcional defensor, líder e hardworker nato, característica a qual é bastante valorizada em Boston. Apesar de não ser dos mais destacados tecnicamente, Jackson é bastante versátil ofensivamente, e faz de tudo para tentar pontuar para sua equipe. Vai ter que trabalhar bastante seu arremesso – inconsistente, apesar das boas médias – e sua tomada de decisões. Além disso, seu aproveitamento nos lances livres, inferior a 60%, preocupam bastante. Mas com sua ética de trabalho e seu potencial, deve mostrar melhoras nesses aspectos já em sua estreia na liga. Sua participação destacadíssima no March Madness, o credenciam bastante para seu primeiro jogo profissional.

Comparação NBA: Kawhi Leonard; Jimmy Butler; Andre Iguodala.

Análise Detalhada: Draft 2017 – Josh Jackson

 

5. Sacramento Kings (do Philadelphia 76ers) – De’Aaron Fox

Posição: Armador
Idade: 19 anos
Altura: 1,93m
Envergadura: 1,99m
Peso: 78 kg
Origem: Kentucky (calouro)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
29,6 16,7 4,0 4,6 1,5 0,2 48,3 24,6 73,6 2,2

De’Aaron Fox é um tipo de armador mais clássico, com boa condução de bola, liderança, visão de jogo e que acha seus companheiros livres para pontuar com frequência. Além disso, Fox também é uma ameaça em infiltrações. Um dos jogadores mais velozes da classe, e com ótimo atleticismo, Fox ataca o garrafão a todo o momento para conseguir bandejas fáceis ou atrair a marcação e encontrar um companheiro em melhores condições. No entanto, o arremesso de Fox é bastante ruim, o que o torna presa fácil em determinadas situações. Por outro lado, Fox é um excelente defensor, que pode impactar na quadra defensiva de imediato. Seu grande desempenho no March Madness, liderando a equipe de Kentucky ao Elite 8, praticamente solidificou-o entre as cinco primeiras escolhas deste recrutamento.

Comparação NBA: John Wall; Rajon Rondo; Elfrid Payton mais explosivo.

Análise Detalhada: Draft 2017 – De’Aaron Fox

 

6. Orlando Magic – Jonathan Isaac

Posição: Ala/Ala-Pivô
Idade: 19 anos
Altura: 2,11m
Envergadura: 2,16m
Peso: 93 kg
Origem: Florida State (calouro)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
26,2 12,0 7,8 1,2 1,2 1,5 51,3 34,8 78,0 1,5

Jonathan Isaac é um prospecto bastante sui generis. Alguém de 2,11m de altura, 2,17m de envergadura e que pode jogar de ala, com tamanha mobilidade, coordenação e controle de bola, é algo raro. Issac tem todos os atributos fisico-atléticos para atuar nas três posições de ala do basquete: altura, envergadura, atleticismo, velocidade e agilidade sobram no combo forward de Florida State. Para ficar perfeito no aspecto físico, basta a ele gastar um tempo na academia para ganhar mais massa muscular. Em termos técnicos, Isaac impressiona ainda mais: ele é um dos melhores arremessadores da classe, um dos melhores reboteiros deste Draft e um grande e versátil defensor. Se tudo der certo para ele na carreira e atingir seu máximo potencial, deverá se tornar uma grande estrela da liga e um verdadeiro steal para quem escolhê-lo neste recrutamento.

Comparação NBA: Kevin Durant; Jabari Parker com melhor defesa e rebote; Giannis Antetokounmpo com melhor arremesso.

Análise Detalhada: Draft 2017 – Jonathan Isaac

 

7. Minnesota Timberwolves – Lauri Markkanen

Posição: Ala-Pivô
Idade: 20 anos
Altura: 2,13m
Envergadura: 2,13m
Peso: 102 kg
Origem: Arizona (calouro)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
30,8 15,6 7,2 0,9 0,4 0,5 49,0 42,3 83,5 1,1

Lauri Markkanen é um bigman bastante móvel e com ótimo jogo de perímetro, em especial por conta de sua condução de bola surpreendente para alguém de sua altura e pelo seu ótimo aproveitamento em arremessos: o finlandês terminou a temporada universitária com uma expressiva marca de 42,3% em arremessos de três pontos e 83,5% na eficácia dos lances livres; números de fazer inveja a muitos armadores da NBA. Além disso, possui boa habilidade para coletar rebotes, em especial defensivos. Por outro lado, sua falta de capacidade física, o atrapalha bastante em muitos aspectos do jogo, principalmente na defesa. Markkanen é facilmente dominado por alas-pivôs mais fortes que ele, assim como pelos que são mais rápidos que o finlandês. Possui pouco jogo ofensivo dentro do garrafão, em especial em jogadas no low post. Em geral, e ainda mais nesta nova fase da NBA que prioriza arremessadores de longa distância, Markkanen é um jogador valiosíssimo e de grande encaixe, por seu tamanho e sua enorme capacidade de jogar no perímetro.

Comparação NBA: Kelly Olynyk; Ryan Anderson com mais jogo dentro do garrafão; Frank Kaminski.

 

8. New York Knicks – Frank Ntilikina

Posição: Armador
Idade: 18 anos
Altura: 1,96m
Envergadura: 1,96m
Peso: 77 kg
Origem: Strasbourg (França)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
18,8 5,2 2,3 1,4 0,7 0,2 47,6 41,7 60,6 0,9

Ntilikina é um prospecto intrigante. Pouco se sabe do jogador francês, por conta do tempo de quadra curto que tem em Strasbourg. Também pudera, trata-se de uma liga profissional das mais disputadas da Europa, e o armador tem apenas 18 anos. Do que se sabe dele, segundo olheiros que o viram treinar e jogar no velho continente, Ntilikina é um armador completo, com boa condução de bola, visão de jogo, passe, arremessos e defesa destacadas. Além disso, seus atributos fisico-atléticos também impressionam, em especial sua grande velocidade. Seu aproveitamento nos lances livres, no entanto, preocupa. Por ter 18 anos, e pelos relatos de que se tem ciência, Ntilikina é um armador de enorme potencial e que, pode vir a se tornar um steal a esta altura do recrutamento.

Comparação NBA: Dennis Schröder com maior capacidade defensiva; Darren Collison longilíneo; Dante Exum.

 

9. Dallas Mavericks – Dennis Smith

Posição: Armador
Idade: 19 anos
Altura: 1,91m
Envergadura: 1,91m
Peso: 88 kg
Origem: North Carolina State (calouro)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
34,8 18,1 4,6 6,2 1,9 0,4 45,8 35,9 71,5 3,3

Dennis Smith é uma aberração em velocidade e atleticismo. Chega ao garrafão adversário com enorme facilidade e em poucas passadas, cravando na cabeça de qualquer um que se meter pela frente. Sua condução de bola, liderança e passes precisos o tornam letal também quando lhe fecham o garrafão e não o permitem resolver tudo na “ignorância” fisico-atlética. Precisa melhorar um pouco seu arremesso e sua defesa, mas não se tratam de falhas tão grandes em seu jogo. Smith tem bastante potencial para se consolidar como um dos grandes armadores da liga na próxima geração.

Comparação NBA: Um mix de Dennis Schröder e Zach LaVine; Eric Bledsoe; Russell Westbrook com menor capacidade nos arremessos.

Análise Detalhada: Draft 2017 – Dennis Smith

 

10. Sacramento Kings – Malik Monk

Posição: Ala-Armador/Armador
Idade: 19 anos
Altura: 1,93m
Envergadura: 1,92m
Peso: 89 kg
Origem: Kentucky (calouro)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
32,1 19,8 2,5 2,3 0,9 0,5 44,9 39,7 82,2 2,0

Malik Monk é um pontuador nato. Ele é, muito provavelmente, o jogador da classe com a maior facilidade para colocar pontos no placar. Sua mecânica de arremesso é perfeita e linda de se ver, tornando-o mortal de qualquer ponto da quadra. Além disso, é um jogador bastante explosivo, com grande velocidade e atleticismo. Apesar de contribuir tanto em pontuação, Monk não consegue ajudar sua equipe em outros aspectos. Sua defesa é apenas regular, com algum potencial de evolução. Sua falta de capacidade em condução de bola, liderança e passe o tornam um jogador que consegue apenas criar seu próprio arremesso no ataque. Se a equipe que escolhê-lo conseguir lapidar estes últimos aspectos de seu jogo, poderá estar adquirindo uma nova estrela da liga.

Comparação NBA: Bradley Beal; um mix de Eric Gordon e Zach LaVine; Dion Waiters.

Análise Detalhada: Draft 2017 – Malik Monk

 

11. Charlotte Hornets – Luke Kennard

Posição: Ala-Armador
Idade: 20 anos
Altura: 1,98m
Envergadura: 1,96m
Peso: 92 kg
Origem: Duke (segundanista)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
35,5 19,5 5,1 2,5 0,8 0,4 48,9 43,8 85,6 1,6

Kennard é o melhor arremessador da classe. O ala-armador de Duke, treinador pelo Coach K, impressiona por seu aproveitamento nos arremessos, seja de 3 pontos, de longa distância, ou lances livres. E, por ser um guard canhoto, torna-se ainda mais difícil detê-lo. Além do arremesso, Kennard também é um bom defensor, apesar de sua desvantagem física à média dos jogadores de basquete. O ala-armador de Duke é o jogador perfeito para quem precisa de bolas seguras convertidas do perímetro.

Comparação NBA: Kyle Korver; JJ Redick; Nik Stauskas.

 

12. Detroit Pistons – Donovan Mitchell

Posição: Ala-Armador/Armador
Idade: 20 anos
Altura: 1,91m
Envergadura: 2,08m
Peso: 96 kg
Origem: Louiville (Sophomore)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
32,3 15,6 4,9 2,7 2,1 0,5 41,5 35,4 80,6 1,6

Mitchell é um dos melhores defensores de perímetro da classe, com capacidade física e atleticismo de nível profissional, indicando que deve impactar desde seus primeiros minutos na NBA. Seu jogo ofensivo, no entanto, é bastante incipiente, com algumas lacunas latentes a preencher. No entanto, mostrou boa evolução em seu arremesso da temporada de calouro para sua segunda temporada, registrando bons aproveitamentos tanto em tiros longos quanto em lances livres. Precisará de grande polimento técnico, mas possui as ferramentas para ser um utilíssimo jogador de perímetro no basquete profissional.

Comparação NBA: Marcus Smart com melhor arremesso; Iman Shumpert; Norman Powell.

 

13. Denver Nuggets – Zach Collins

Posição: Ala-Pivô/Pivô
Idade: 19 anos
Altura: 2,13m
Envergadura: 2,16m
Peso: 104 kg
Origem: Gonzaga (Calouro)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
17,2 10,0 5,9 0,4 0,5 1,8 66,0 47,6 74,3 1,5

Zach Collins foi outro que se beneficiou da boa campanha de sua equipe no March Madness, quando sua equipe, Gonzaga, chegou à grande final do basquete universitário, onde foi derrotada por North Carolina. Collins nem era uma peça fundamental na equipe de Gonzaga, mas nos seus menos de 20 minutos de jogo, produziu bem para sua equipe e chamou a atenção dos olheiros da NBA. Collins é um bigman que defende o garrafão como poucos, distribuindo bloqueios à rodo, abusando de sua boa estrutura fisico-atlética. Ofensivamente, Collins também contribui bastante, com jogo refinado próximo à cesta, e um excelente arremesso de média e longa distância. Por ser jovem, Collins deve sofrer inicialmente na NBA, mas ele possui enorme potencial e ótimos aspectos de seu jogo, que o tornam uma ótima escolha à essa altura do recrutamento.

Comparação NBA: Myles Turner; Channing Frye; Aron Baynes com maior alcance no arremesso.

 

14. Miami Heat – Justin Jackson

Posição: Ala
Idade: 22 anos
Altura: 2,03m
Envergadura: 2,11m
Peso: 88 kg
Origem: North Carolina (Junior)

Min Pts Reb Ast Stl Blk FG% 3P% FT% TOs
32,2 18,4 4,7 2,8 0,8 0,2 44,0 36,8 74,8 1,7

Jackson é um jogador pronto para impactar na NBA de imediato, em uma posição que muitas equipes não possuem profundidade, nem muitas vezes um titular confiável. O título da última temporada do basquete universitário, pela Universidade de North Carolina, com grande atuações suas, o credencia para ser bastante cobiçado a esta altura do recrutamento. Jackson é um ala bastante versátil, que defende múltiplas posições, tem boa visão de quadra, ótimo arsenal ofensivo, incluindo um sólido arremesso de média e longa distâncias. No entanto, Jackson já parece ter chegado ao máximo potencial do seu jogo, principalmente em termos físicos e pela idade. Para equipes que precisam de ajuda imediata na posição de ala, Jackson é o nome certo.

Comparação NBA: Chandler Parsons; Evan Turner; Joe Ingles.

 

15. Portland Trail Blazers – Harry Giles, PF/C, Duke

16. Chicago Bulls – John Collins, PF, Wake Forest

17. Milwaukee Bucks – Jarrett Allen, C, Texas

18. Indiana Pacers – TJ Leaf, PF, UCLA

19. Atlanta Hawks – Justin Patton, C, Creighton

20. Portland Trail Blazers – OG Anunoby, SF/PF, Indiana

21. Oklahoma City Thunder – Tyler Lydon, SF/PF, Syracuse

22. Brooklyn Nets – Bam Adebayo, C, Kentucky

23. Toronto Raptors – Ike Anigbogu, C, UCLA

24. Utah Jazz – Semi Ojeleye, SF/PF, SMU

25. Orland Magic – DJ Wilson, PF, Michigan

26. Portland Trail Blazers – Terrance Ferguson, SG/SF, Australia

27. Los Angeles Lakers – Derrick White, PG/SG, Colorado

28. Los Angeles Lakers – Caleb Swanigan, PF/C, Purdue

29. San Antonio Spurs – Anzejs Pasecniks, C, Spain

30. Utah Jazz – Ivan Rabb, PF/C, California

Fábio Malet
Fábio Malet
Gaúcho de Porto Alegre, bacharel em Ciência da Computação e analista de sistemas. Apaixonado por esportes, tem o jornalismo como um hobby, e, pretende, futuramente, fazer pós-graduação na área. Acompanha NBA desde o começo de 2007 e, pé-quente, viu seu Boston Celtics ser campeão na primeira temporada inteira que assistiu. Torce também para Grêmio, Tottenham Hotspur, Green Bay Packers, e por conta da afinidade com Boston, tornou-se fã de Bruins e Red Sox.

17 Comentários

  1. Marcos disse:

    O Tio Phil colocou o Porzingão de vez no mercado por uma pick top-4.
    Uma possibilidade seria a troca enviando o KO, Rozier, Crowder, Zeller e Mickey + pick para pegar Porzingão e Melo (só 1 ano de contrato após temporada).
    Considerando nossa imobilidade em trazer o Butler, se na FA buscassemos fechar com o Griffin teríamos:

    Thomas-Bradley-Melo-Griffin-Horford
    Nader-Smart-Brown-Porzingis-Stashed guy
    Caras baratos no mercado que podem contribuir: Gerald Green, Zach Randolph, Lou Williams

    Lembrar que o Porzingão pode jogar de center tb, revezamento e descanso para o Horford e Griffin, tem chute de 3 confiável e seria um grande fit no esquema do Stevens.
    Sei que a moda é play small, mas temos um bom backcourt defensivo (apesar do problema da altura) e precisamos reforçar mesmo é o nosso garrafão nanico e sem mobilidade.
    O Melo seria uma boa para desafogar o Thomas, rebotea muito bem e poderia ampliar o arsenal ofensivo do menino Brown.
    Poderíamos arriscar todas as picks de segunda rodada em armadores para satisfazer o Ainge.

    []s verdes
    Obs.: Todos sabem da minha posição que o draft é nada mais que jogo de azar (especialmente pelos olheiros velhacos, empresários e mídia), mas os que fiz do Tatum me impressionou MUITO MAIS do que o vi do Fultz.
    Vem pra uma posição onde daqui alguns anos haverá carência, tem bom jogo de pernas, muito boa envergadura, massa magra, altura e inteligência de jogo.

    0

    0
    • JailtonSV disse:

      Gostei da idéia.

      Phil considera uma boa trade Crowder por Melo. Acho que ele aceitaria esse seu pacote por Melo+Porzingis só pra se livrar do cara.

      No caso é como se tivéssemos uma segunda trade: KO+Rozier+Zeller+Mickey+Pick 3 por Porzingis. Seria uma trade interessante, eles teriam bons role players e uma escolha de draft alta além da própria do Knicks, seria um bom plantel pra início de reconstrução.

      Acredito que o Melo poderia render bem na 4, embora não tenha o perfil que precisamos pra essa posição. Além de rebotear bem, ao meu ver teria menos dificuldades marcando jogadores mais lentos.

      0

      0
  2. drakes disse:

    Na estimava do cap que saiu hoje foi para $99M,a FA ficou ainda mais complicada. Sobre o draft, eu iria se fosse o wolves no zach collins e não no lauri, a defesa deles foi muito ruim esse ano para pegar um jogador abaixo na média nesse quesito.

    Justin Jackson não é um jogador que me agrada, tem jeitão de reserva de rotação na melhor das minhas hipóteses.

    0

    0
  3. Cristian Mauro Soldano disse:

    Que troca e realista pelo Porzingis?

    0

    0
    • Marco Ferreira disse:

      Pelo o que eu li ontem e hoje a troca que o Nicks gostaria era pick 3 + Crowder pelo Porzings.

      Na minha opinião é muito, eu ofereceria o Crowder + picks de segunda rodada e até a nossa pick 2018 (Celtics 2018 sem proteção) já que temos a do Nets e a do Lakers.

      Pelo andar da carroagem o Suns deve ficar com o Porzings, a cada hora que passa a especulação aumenta mais, mas que cairia muito bem no Celtics ele cairia viu!

      Confio no Ainge, Lets Go Celtics…

      0

      0
  4. LUCAS FAGUNDES BUSULO disse:

    To tao ansioso com esse draft que cheguei a sonhar essa noite e ficado puto pq o celtics tinha escolhido um cara que eu nunca tinha visto kkkkk

    0

    0
  5. Roger Paulini disse:

    Eu acho que não vem por menos que a pick 3, ou quiçá pikcs de primeira rodada do ano que vem + jogador (Crowder), enfim, KP pode estar queimado em New York, mas ninguém é burro e todos sabem o potencial do Letão.

    0

    0
  6. Sander disse:

    Crowder, Rozier, pick Celtics 18, pick Menphis 19 e duas de segunda rodada. Essa é a minha proposta pelo Ponzingão da massa.

    0

    0
  7. Maxwell Eugenio disse:

    Ainge vai escolher o Jonathan Isaac podem anotar ai, so espero que ele acerte,pq vindo do Ainge pode acontecer qualquer coisa!

    0

    0
  8. Francisco Machado disse:

    Pra mim deveria trocar a pick pelo KP.
    Se não, é Tatum .

    0

    0
  9. David Pires disse:

    Galera vamos perceber o outro lado , se voçe é GM do knicks ou de qualquer outro time , acha que vai aceitar uma trade por um jogador como Porzingis com 1 pick celtics 2018 primeira rodada mais picks 2 rodada, é obvio que voçe como GM do knicks ou qualquer outro time.vai querer mais , pick nets , pick lakers . Por isso no caso de qualquer trade que aconteca devemos tar preparados para perder parte das nossas principais picks e players , com execepçao de isiah bradley e horford. Esperemos que ainge consiga o melhor. Mas acredito que apesar do fumo nao vai haver fogo. Vamos escolher tatum ou J.J. e só. Resta a free agent. Mas com esta ideia que passou para o interior da liga de os jogadores nao se agradarem com ideia de jogar em boston fica dificil.

    0

    0
  10. Bruno Ferronato disse:

    Pessoal dizendo que a pick 3 + Crowder pelo Porzingis é muito eu respeito mas não concordo. Olhem as médias do Letão em seu ano de rookie e tem um teto muito grande também. Por mais que Tatum também pareça ter futuro, em minha opinião Porzingis já pode ser considerado uma realidade.
    Aí tentaria o Hayward na FA, e se não rolasse dava a chance pro menino Brown ser starter que tem mais teto que o próprio Crowder.
    Outra opção seria também incluir o Melo na troca. Muitos o tratam como ex allstar mas não penso assim. O cara está desmotivado no Knicks e o seu arsenal ofensivo ainda está lá, e isso aliado ao fato do Stevens conseguir extrair o máximo de seus jogadores me faz imaginar que em suas mãos Melo poderia ser útil por mais 2/3 anos ao menos.

    0

    0
  11. Marco Ferreira disse:

    Phill Jackson está brincando com a nossa cara né?

    Pick Nets, Brown e Crowder? Ai não né?

    NBA source confirms NYDN report that NY wants both Nets picks, Brown and Crowder for Porzingis. “(Phil Jackson)”

    0

    0
  12. Chiovato disse:

    Nicks pediram pick3 + pick Nets + Crowder + Brown!

    kkkkk

    parece piada, só isso que tenho pra falar! Querem rebuilds em cima do esforço dos outros, Phil faz as cagadas e depois vem com essas! Oferta ridícula à meu ver, perder 2 picks excelentes pelo produto disponível, além de Crowder e Brown kkk

    Melhor manter a escolha por Tatum, Jackson ou até Isaac (Tatum meio óbvio se aproveitarmos a pick)… e atacar FA!

    0

    0
  13. Só iria por Crowder + pick Celtics 2018 por KP. Entre um Carmelo desmotivado e o Hayward no auge vou de Hayward.

    0

    0
  14. Oq acham de Crowder + Rozier por KP e Hoford + pick Lakers por AD e na FA pegar Hayward?
    Ficaria IT, AB, Hayward, KP, AD!
    Melhor que Cavs não acham?

    0

    0
    • JailtonSV disse:

      Fica bem melhor que o Cavs. Davis faria uma diferença absurda nesse confronto e teríamos Porzingis que é muito superior a qualquer jogador que atuou na posição 4 contra os Cavs nas finais do Leste.

      Porém sendo realista, acho muito improvável a trade por Porzingis somente pelo que você ofereceu. Phill quer jogadores jovens e promissores e gosta muito do Crowder mas seu principal objetivo é Pick alta.

      A segunda eu considero impossível. Liberar Davis somente mediante atletas e Picks de altíssimo nível (é isso que acredito) e você tentou colocar Horford no negócio. Mesmo sendo bom jogador não acredito que equipe nenhuma queira absorver seu contrato, a não ser com uma excelente compensação.

      0

      0

Deixe um comentário