Os 10 momentos mais marcantes da temporada

top 10

A equipe Celtics Brasil separou dez momentos marcantes da temporada celta em 2016-17. Confira abaixo o top 10:

10. Bem-vindo à NBA, Jaylen!

No primeiro jogo de Jaylen Brown como titular, jogando fora de casa, o Celtics enfrentou o temido Cleveland Cavaliers e seu superastro LeBron James. É óbvio que um calouro sentiria a pressão, certo? ERRADO. Mesmo com o matchup mais difícil do planeta, o menino Brown demonstrou confiança no ataque, e também conseguiu bons lances defensivos. Apesar da derrota, Jaylen terminaria a partida com 19 pontos e 5 rebotes, conseguindo inclusive uma enterrada pra cima de LeBron, que ao final da partida demonstrou respeito pelo calouro, tecendo elogios na coletiva pós-jogo.

 

9. Feliz Natal, freguês!

Em Dezembro de 2016, o Celtics foi até o Madison Square Garden enfrentar seu rival New York Knicks no dia de Natal. Para orgulho de seus fãs, a equipe fez bonito vencendo a partida por 119-114 em um final de jogo eletrizante. Com o jogo empatado e restando 40 segundos no relógio, Marcus Smart acertaria uma bola de 3 após boa jogada desenhada por Stevens. No lance seguinte, Avery Bradley parou Carmelo Anthony que tentava recolocar sua equipe na partida, mas viu a bola ser roubada de suas mãos pelo melhor defensor da equipe visitante. A partir desse jogo, começaria a derrocada do Knicks na temporada. E o Celtics, que recebeu uma partida contra seu maior freguês de presente de Natal, não hesitou em aceitar.

 

8. Isaiah Thomas entra na conversa para MVP

Na véspera do Ano Novo, Isaiah Thomas queria terminar 2016 com chave de ouro aos olhos de sua torcida. O “capeta em forma de guri” entrou em quadra impossível, anotando pontos de todos os jeitos e, em um jogo apertado, ainda foi decisivo no último quarto com 29 pontos. Atuação monstruosa que começou a colocar Thomas entre os melhores da temporada, conquistando o respeito definitivo da NBA.

 

7. Thomas vai ao All Star Game para… enterrar?

Com uma temporada sensacional, Isaiah obviamente foi selecionado para o All Star Game. Os 20 pontos que marcou durante a partida foram apenas detalhe. O que realmente surpreendeu foi a quase-enterrada de Thomas logo no primeiro período de jogo. Ao receber passe de John Wall no contra-ataque, o baixinho de 1,75m elevou a bola em um movimento digno de streetball e pulou para completar a enterrada. Uma pena que ela não entrou, pois após esse show, certamente Isaiah teria sido cotado para receber o MVP da partida!

 

6. 53 pontos de Thomas no aniversário da irmã. 

Após a tragédia que Chyna, irmã mais nova de Thomas sofreu, o armador celta teve que encarar um Playoffs ainda mais difícil, estando carregado de emoções e com um peso no coração. No dia em que Chyna completaria 23 anos, Isaiah entrou na quadra iluminado pela irmã, que do céu, sorria ao ver IT dedicar uma grande vitória à ela. Mesmo tendo passado 6 horas na cadeira do dentista na noite anterior, recuperando o dente perdido no Jogo 1 da série, ele terminaria o jogo com incríveis 53 pontos, sendo esta a maior atuação em Playoffs de um guard desde 2003, quando Allen Iverson anotou históricos 55 pontos. Essa também foi a segunda maior pontuação na história de um jogador celta nos Playoffs. O Celtics abriria 2-0 na série contra o Wizards.

 

5. Celtics ultrapassa o Lakers em número de vitórias durante o Encontro Celtics Brasil

No maior clássico da NBA, Boston e Los Angeles se enfrentaram no TD Garden com casa cheia. Aqui no Brasil, era dia de Encontro da torcida celta, que se reuniu no Rio de Janeiro e São Paulo em evento organizado pelo Celtics Brasil e movimentou cerca de 70 torcedores. Isaiah Thomas com 38 pontos e Jaylen Brown com 12 pontos e 7 rebotes foram os destaques da partida que terminou como deveria: vitória de Boston por 113-107. A partida ficou marcada pelo fato de o Celtics ter passado o Lakers em número totais de vitórias na liga, assumindo o posto de franquia que mais venceu jogos na NBA.

 

4. Vitória na Final do Leste. 

Com 2 vitórias incontestáveis de Cleveland nos primeiros dois jogos da série, poucos torcedores acreditavam que jogando em Ohio a primeira vitória celta viria. Mas foi exatamente isso que aconteceu. Mesmo estando com uma desvantagem de mais de 20 pontos no placar, a equipe do treinador Brad Stevens cavou sua volta para o jogo e no final o arremesso de Avery Bradley chorou mas caiu para calar a Quicken Loans Arena.

 

3. Última cesta de Pierce no TD Garden

Melhores momentos completo:

Sem comentários. Apenas dê o play nos vídeos acima e curta o último jogo de The Truth em Boston.

 

2. Jogo 7 contra o Wizards. Olynyk incorpora Michael Jordan. 

No primeiro jogo 7 da carreira de Brad Stevens e de Isaiah Thomas, o Celtics entrava na partida pressionado por jogar em casa e tinha a obrigação da vitória. Após perder o Jogo 6 no último segundo, a equipe não aceitaria levar a virada na série para o adversário da capital. Com a certeza de um jogo eletrizante, o torcedor lotou o TD Garden para empurrar o Boston Celtics de volta à Final de Conferência após 5 anos. E foi o que aconteceu. Em uma partida tensa e equilibrada, o Celtics se beneficiou da grande atuação de um herói improvável: Kelly Olynyk teve um segundo tempo de jogo praticamente perfeito e terminou a partida com 27 pontos.

 

1. Celtics ganha a loteria! A primeira escolha geral é nossa!

Um dia após ter vencido a série contra o Wizards e se classificado para a Final do Leste, o Celtics vivia um momento importantíssimo para seu futuro na liga. Com 25% de chance de garantir a primeira escolha geral do NBA Draft 2017 (via Nets), Wyc Grousbeck, um dos donos da franquia, foi para a loteria representar o Celtics e mostrou ser pé quente: trouxe a primeira escolha geral para casa, ficando à frente de seu maior rival, Los Angeles Lakers.

 

Bônus: Abraço de Bradley no Thomas

Um momento bastante emocionante que ficou marcado neste final da temporada. O abraço de Bradley, consolando seu amigo Isaiah Thomas, momentos antes do jogo contra o Chicago Bulls demonstra a união da família celta.

 

O que acharam das escolhas? Sentiu falta de algum momento marcante? Qual é o seu Top 10? Deixe sua opinião nos comentários!

Bruno Penna
Bruno Penna
Nascido e criado no Rio de Janeiro, é estudante de Administração e apaixonado por esportes.Começou a se interessar por basquete em 2005 ao assistir um tal de Kevin Ganett em quadra.Se apaixonou pela história do Boston Celtics e desde então dividiu o fanatismo que antes era ocupado só com o Botafogo.

4 Comentários

  1. SOARES disse:

    Também colocaria o game winner do Isaiah Thomas contra o Atlanta Hawks.

  2. Celso Cachali Jr disse:

    No primeiro jogo do Brown contra o Lebron, Ja podemos esperar que ele será um jogador de muita personalidade e atitude.

    Acredito que ele será o nosso Ala para o futuro. Aposto muito nisso.

    Fultz e Brown serão um futuro brilhante.

  3. Pedro Leônico disse:

    Muito boa matéria. Faltou mencionar a vitória em março contra o Warriors e outro jogo que me marcou foi contra o Pistons que vi ao vivo o baixinho destruir o último quarto!

  4. Quem não chorou nesse ultimo jogo do Paul Pierce no Garden não tem coração.

Deixe um comentário