Por que o Celtics trocou a primeira escolha do 2017 NBA Draft?

De forma um tanto inesperada, em notícia que parou o mundo do basquete nos últimos dias, o Boston Celtics negociou a primeira escolha do próximo recrutamento com o Philadelphia 76ers. Embora a negociação ainda não tenha sido oficiliazdada, reporta-se que a equipe de Massachusetts deva receber, em troca, a terceira escolha do próximo Draft, além de uma escolha futura de primeira rodada. Esta escolha futura poderá ser oriunda do Lakers no recrutamento do próximo ano, ou, por conta de proteções nesta escolha de Los Angeles, a do Kings no Draft de 2019.

Mas a pergunta que todos devem se fazer é a seguinte: por que a alta cúpula do Celtics decidiu fazer esta negociação? E por que o negócio foi realizado tanto tempo antes do Draft, afinal, esse tipo de movimentação só costuma ocorrer durante a noite do recrutamento, às vezes segundos antes das escolhas? São boas perguntas, e a resposta exata para elas, só Danny Ainge pode responder. No entanto, nos próximos parágrafos, vamos especular aqui alguns dos motivos que podem ter levado a tal desfecho.

Leia Mais

Draft 2017 – Markelle Fultz

Fultz não agradou o Celtics

Essa é a resposta mais óbvia de todas, e provavelmente, tem um grande peso no negócio, embora não creia que seja somente esse o motivo da troca. O fato é que Fultz não foi nada bem em seus treinamentos em Boston, fato que o próprio assumiu em suas declarações recentes à imprensa local. Além disso, especula-se que Fultz também não se saiu bem na entrevista concedida a Danny Ainge e seu staff.

Há uma série de dúvidas sobre a capacidade do armador de ser um líder (dentro e fora de quadra), bastante destrinchadas na análise detalhada do atleta. Além disso, muitos questionam o quanto o atleta realmente se importa com o fato de vencer ou perder. O fato de ter escolhido uma universidade pequena, mesmo sendo cobiçado pelas maiores e melhores universidades do país, deixou a sensação de que Fultz buscava o caminho mais fácil para si, atuando em uma equipe onde poderia ser, sem concorrência alguma, a principal estrela.

Fultz também realizou vários exames médicos e físicos, com resultados não divulgados pelo Celtics. Por conta disso, não se sabe até que ponto tais avaliações podem ter sido levadas em consideração na avaliação do prospecto. O fato, no entanto, é que até sua visita a Boston, Fultz era uma unanimidade no Celtics. E logo no dia seguinte, já não parecia ser mais esse o caso. Isto nos leva a acreditar que algo de muito errado deva ter ocorrido em sua visita à cidade, algo que fez a franquia rapidamente reconsiderar sua certeza no jovem.

 

Ainge está fechado com a dupla Thomas e Bradley

A dupla de armação celta é, de fato, uma das melhores da NBA. Thomas acaba de sair de uma temporada onde foi o terceiro maior pontuador da liga e manteve-se sempre entre os principais nomes na corrida pelo MVP, figurando, inclusive, no segundo time ideal da NBA. Já Bradley mostrou mais um ano de evolução em seu jogo e consolidou-se como um dos melhores ala-armadores da liga. Além de ser reconhecidamente um dos melhores defensores de perímetro da NBA, Avery terminou a temporada como 8º maior pontuador e 3º maior reboteiro da posição em toda liga.

Dessa forma, Ainge simplesmente pode ter avaliado que Fultz teria seu desenvolvimento afetado por não ter o espaço desejado para uma 1ª escolha de Draft, com minutos limitados na posição de armação. Por isso, as pretensões de Ainge tornaram-se buscar um atleta de outra posição mais carente no elenco do Celtics.

 

Fultz agrada, mas Ainge simplesmente considera que existam outros jogadores com o mesmo potencial

Embora Fultz seja quase que um consenso na primeira posição geral do Draft, a distância dele para alguns outros atletas da classe de 2017 não parece tão grande. Também pudera, o Draft desse ano é considerado e bastante anunciado como um dos melhores da história recente da NBA e que traz inúmeros prospectos com potencial de tornar-se All-Star no futuro.

Com a terceira escolha do Draft, o Celtics terá a sua disposição Josh Jackson ou Jayson Tatum, atletas que atuam em uma posição menos concorrida em Boston e, que para muitos especialistas, têm um potencial de crescimento superior a Jaylen Brown.

 

Liberar espaço no salary cap

Esse é um detalhe muito pequeno, que não deve ser o principal responsável pela troca, mas que certamente não passou desapercebido por Danny Ainge. Muito se fala sobre o Celtics ter flexibilidade suficiente para oferecer um contrato máximo para vários agentes livres, mas isso não é totalmente verdade. Na verdade, o Celtics poderia chegar muito perto de poder ofertar um salário máximo para algum veterano, faltando apenas 1 milhão de dólares de espaço para conseguir comportar tal salário.

Mas adivinhe só, com a troca da primeira escolha para a terceira do próximo recrutamento, esse espaço não falta mais. A diferença de salários de um calouro escolhido com a primeira escolha para um recrutado com a terceira, é de justamente 1 milhão de dólares. Desta forma, o Celtics passa a ter o espaço necessário para realmente dar o contrato máximo para algum All-Star. E esse valor pode ser realmente importante nas pretensões de adquirir Gordon Hayward ou Blake Griffin, dois atletas cobiçados em Boston.

 

Adicionar mais ativos comerciais para facilitar trocas

O Celtics esteve em contato com várias equipes durante a última trade deadline para buscar trocas por alguns atletas de renome, como Jimmy Butler e Paul George. Por isso, Danny Ainge deve ter uma boa ideia do que as franquias ao redor da liga estão buscando em troca de suas principais estrelas. Bulls e Pacers, equipes das duas estrelas citadas, muito provavelmente devem entrar em processo de rebuilding na próxima temporada, ainda mais agora que Paul George já declarou oficialmente que não vai renovar com Indiana quando vencer seu contrato em 2018.

Dessa forma, o Celtics acumulou mais escolhas de Draft na troca realizada com o 76ers. E estas escolhas são tudo o que uma franquia em processo de reformulação deseja. Junte a essas duas equipes o Pelicans, que também ouviu de Cousins essa semana que o atleta não vai renovar seu vínculo, também expirando em 2018, e alguns alvos do Celtics vão ficando bem claros. Não se surpreenda se a troca das picks for apenas um movimento inicial para uma troca maior. Na verdade, essa parece ser a maior das probabilidades até aqui.

 

Por que a troca foi feita com tantos dias de antecedência antes do Draft?

É aí que fica mais claro a intenção de Danny Ainge em realizar uma segunda troca, em seguida. Com a troca realizada a essa altura, Ainge já pode entrar em contato com as franquias de interesse, oferecendo suas picks, e essas franquias terão tempo hábil para avaliarem e decidirem quais jogadores são mais indicados para recrutar com estas escolhas, caso concretizem a troca. Em seguida, mostro um exemplo de um possível cenário consequente da troca realizada.

O Bulls tem atualmente a 16ª escolha do próximo Draft. Então, não está realmente se preocupando em avaliar jogadores como Josh Jackson, Jayson Tatum, De’Aaron Fox, Jonathan Isaac, entre outros que devem sair nas dez primeiras escolhas do recrutamento, pois tem ciência de que eles jamais terão a oportunidade de selecioná-los. Agora, se Ainge oferecer-lhes a 3ª escolha do recrutamento ainda no começo dessa semana, a gerência de Chicago terá tempo para avaliar todos os cenários possíveis, e até marcar entrevistas com atletas que sejam seus possíveis alvos, algo que não ocorreria se toda a negociação entre Celtics e 76ers ocorresse na noite do Draft.

Daniel Emiliano
Daniel Emiliano
Daniel é publicitário, web designer e ilustrador residente em Campinas/SP. Em 2008 uniu paixão e profissão e deu vida a um Blog de notícias e opiniões sobre o Boston Celtics. Com ajuda de outros apaixonados o Blog foi tomando proporções inimagináveis e hoje é este Celtics Brasil, o maior site sobre uma equipe da NBA no Brasil.

23 Comentários

  1. Luiz Fellipe disse:

    Mais uma vez, Parabéns pela excelente matéria!
    Vejo muitos torcedores aqui crucificando nosso GM por esta troca mas não consigo entender o real motivo!
    Concordo com todos os argumentos levantados acima e ainda incluo a perspectiva de um próximo draft repleto de ótimos prospectos jogando nas posições 4 e 5 que são as maiores necessidades do nosso elenco.
    Falando da troca em si, acho que foi uma baita jogada do Danny Ainge que apenas desceu duas posições em um draft com inúmeros talentos e ainda adquiriu uma grande chance de ter mais uma futura escolha Top5 (excluindo a primeira escolha).
    Está claro que Fultz não agradou nos treinos que fez em Boston e por isso mesmo não seria ele o escolhido por nossa equipe, logo DA não abriu mão de absolutamente nada para adicionar mais ativos aos Celtics.
    Ainda espero mais uma troca até quinta-feira, mas de qualquer forma já estou bastante animado com o futuro que nos espera.

    0

    0
  2. drakes disse:

    Entender as razões é simples, agora o retorno dado para fazer o negócio não me parece grande coisa. afina pick do lakers de 2018 como divulgado, ficou com valor complicado, pode valer muito ou quase nada, a primeira divulgação picks com a do sixers de 2021 e sem restrições a pick lakers seria um preço ótimo, mesmo que coloca-se um pick protegida no 1. e mais sacramento de 2019 que não parece um draft tão forte assim tem o Marvin Bagley e o queridinho do youtube pelas enterradas o Zion.

    O que vai fazer esse time pular de degrau nas próximas duas temporadas é a FA, por isso em termos de competitividade pouco muda o draft,as vitórias vão vir, mas quem analisa sabe que o risco agora é muito grande, eu diria que quase certo que daqui a 3 anos estarem no top4 da conferência leste: Celtics, Bucks, e sixers.

    0

    0
  3. R Green disse:

    Parabéns pela matéria!
    Final de semana só lendo criticas agora eu li argumentos!
    Estava ansioso por uma crítica mais detalhada como esta!
    Meu ponto de vista é simples…

    O negócio nem aconteceu ainda e a grande maioria já está reclamando!
    Eu respeito a opinião de todos, pq ngm é o dono da verdade mas às vezes me parece que muitos pensam que o Ainge faz oq quiser, oq que vier na cabeça dele na hora!!!

    Rapaziada, é uma das maiores franquias da história americana, todo passo é calculado, claro que não isenta de cometer erros, mas nessa hora tão importante tem uma equipe fodida e extremamente profissional examinando todas as possibilidades.
    Calma pessoal, vamos esperar e ter paciência e humildade de saber que o time que torcemos está em boas mãos, ou todos já se esqueceram de como essa Pick1 veio até nós?
    Será que anos atras na troca que nos deu essa Pick não fazíamos parte do pessoal que esculachou nosso GM?
    Estamos todos ansiosos e é normal mas temos que saber que estamos no lugar mais confortável pra negociar nesse momento.
    Vamos com tudo e bons negócios pro nosso time.

    0

    0
    • Isso sem contar que o Ainge falou na entrevista que TODA A CÚPULA do Celtics foi unanime em realizar a troca. Ou seja. Todos os Donos, Treinador, assistentes, equipe de análise, etc… Todos foram a favor.

      Não é uma decisão unilateral, onde o Ainge diz…”quer saber?”, “vou trocar!”..rs

      É uma decisão de 100% do pessoal lá dentro. Ou seja, Fultz fez algo de MUITO RUIM nesses treinos e entrevistas, pra que todo mundo seja a favor de não pegar ele…hahahahah

      1

      0
      • R Green disse:

        É nisso que eu acredito Daniel!
        O mlk apresentou alguma coisa que não agradou a todos em Boston!
        E acho que foi muito favorável isso acontecer.

        1

        0
  4. Ranieri disse:

    Daniel boa matéria, queria te perguntar se vc não acredita na possibilidade do Ainge só bater o martelo nessa troca com os Sixers em caso dele encaminhar essa segunda troca, seja por Davis, George ou Butler, no srumores a confirmação seria dada hj, ainda não aconteceu, então essa possibilidade num existe??

    0

    0
  5. Cristian disse:

    Fiquei olhando artigos e falam que o GM de Phoenix quer JJ seria interessante trocar a 3 pela 4 pick nos pegar Tatum e ainda um Big de Phoenix??

    0

    1
  6. Caio Martins disse:

    Legal. Concordo com os 4 primeiros, mas tenho dúvidas quanto à adição de ativos comerciais e novas trocas. Existiria ativo maior que a Pick 1?

    Infelizmente, parecem ter sido os outros argumentos que pesaram na operação do Ainge.

    0

    0
    • Ranieri disse:

      Caio eu acho que nesse caso depende da negociação feita, digamos que o Ainge vá tentar o Anthony Davis, antes dessa troca poderíamos oferecer a pick 1 desse ano, a pick do broklin de 2018, talvez a nossa de 2018, talvez mais alguma futura(Clippers ou Memphis), o que pode ser considerado pouco pelo pelicans, com essa troca podemos oferecer 3 escolhas de loteria entre esse ano e ano que vem, com boas chances das 3 serem top 5, o que pra um time que estaria entrando em reconstrução como o Pelicans seria de extrema importância tendo em vista que perderiam AD e o fato de Cousins ja ter dito q não vai renovar, a partir daí ja teriam 3 jogadores de potencial draftados e ainda se recuperando da negociação do Cousins que pelo fato de ele não renovar já pode ser considerado um mau negócio. Agora numa negociação por Jimmy Butler ou Paul George não haveria necessidade de se oferecer tudo isso, mas eu li que o Bulls ofereceram pra os Sixers o JB em troca da pick 3 deles, então imagina vc conseguir o JB com essa escolha e ai ter a escolha do Lakers top 5 do ano que vem, seria uma jogada de mestre!!!

      0

      0
    • Melhor que a pick 1 são duas picks top 5, que é o provável de acontecer..rs

      0

      0
  7. Cristian disse:

    Hoje olhei num artigo que o GM de Phoenix eata interessado em JJ não seria uma boa ideia troca da 3 pela 4 pick assim pegamos Tatum e ainda um Big player de Phoenix?

    0

    0
  8. Henrique disse:

    Ótima matéria. Eu acredito que o Jackson é o jogador mais próximo do que os Celtics buscam e, somando a grande necessidade dos 76ers de ter um armador, a troca ficou boa para ambos.

    0

    0
  9. Tomás p disse:

    Tudo isso é verdade, e entendo os motivos de Ainge. Mas achei um retorno baixo, e arriscado.
    E também por Fultz, vai doer ver o moleque explodir junto com esse 76s daqui uns 3 anos

    0

    0
  10. Marcos disse:

    Temos que confiar no Danny Ainge. Até agora o cara está conseguindo fazer esse árduo trabalho de reconstrução com maestria! Confesso que no começo fiquei muito chateado com a notícia da troca, mas existe uma equipe muito competente trabalhando para fazer a melhor escolha possível. Depois de ler essa matéria fiquei um pouco mais tranquilo. Só nos resta esperar!

    0

    0
  11. Rossini disse:

    Essa troca valerá se for por trade ou pelo motivo de realmente Fultz não ter agradado nos treinos e entrevista, nesse caso só o tempo dirá se Angie está certo, com o desenvolver da carreira do garoto.

    0

    0
  12. Celso Cachali Jr disse:

    Materia mais que completa… o Melhor Blog Brasileiro de todas as equipes da NBA.
    Cara, eu ainda estou em choque, vejo o Futlz fazendo DUpla no Futuro com o Brown… de muito potencial. Realmente ainda nao sei o que dizer sobre a troca é esperar para ver.

    Jackson ou Tatum. que seja o Tatum.

    0

    0
  13. Ranieri disse:

    Agora é oficial galera, o Celtics trocou mesmo a primeira escolha, o que recebemos em troca foi um pouco diferente do que se comentou no fim de semana, mas é isso trocamos. E mais uma noticias estaremos fazendo hj um treino fechado com o Jayson Tatum de Duke, isso é um sinal de que se formos draftar acho que será ele o escolhido, a não ser que até quinta role um treino com Jackson também, mas a noticias que essa escolha seria usada pra trazer Jimmy Butler. nos resta esperar até quinta pra ver o que o Ainge Preparou

    0

    0
  14. Pedro disse:

    Confesso que de início fiquei um pouco frustrado com a troca, mas lembrando do histórico do Danny, a gente tem a certeza de que ele tem algo muito bom na manga (Anthony Davis? Vamos começar a sonhar?). Mas no geral acho que foi uma boa troca sim, Jackson ou Tatum me parecem futuras estrelas e como foi dito, não estão tããão distantes assim de Fultz enquanto prospectos. Na pior das hipóteses teremos um dos dois + a possibilidade real de uma escolha dentre as 5 do ano que vem (um draft que já consideram bem melhor que o desse ano por ter tantos bigs). Então acho que o Danny mandou bem, mas se ele conseguir realmente o AD, putz, aí é a melhor jogada da história! Prefiro aguardar pra ver o que vai rolar ao longo da semana.

    0

    0
  15. Hugo disse:

    Sobre a avaliação física não divulgada: ele tem hiperextensão nos joelhos (dá pra ver melhor na foto que ela tá com DA na fila de um restaurante aí). Pode ser caso de hipermobilidade ligamentar (se não for um caso isolado, ou seja, se ocorrer nas demais articulações). Se for esse o caso, ele está propenso a ter mais lesões (pode não ter. Espero que não tenha. Mas aumenta o risco – principalmente o desgaste da patela dele, no caso específico do joelho). Talvez seja isso. Se vocês do blog acharem alguma coisa sobre isso, favor compartilharem.

    0

    0
  16. Paulo Sérgio disse:

    Pra nós que queríamos o Fultz, já é hora de passar da fase da raiva pra fase da aceitação e projeção de futuro. Esse Draft, é excelente pq todos os jogadores projetados até Pick 8, poderiam ser top 1.
    Fultz não treinou bem. Já Josh Jackson, Tatum e Izaac foram excelentes. Todos de bom nível de evolução.
    E podemos estar perto de uma big Trade (nada de Butler, por favor. Queremos Anthony Davies).
    Então vamos esperar. Ainge é maluco, mas trabalha na maior franquia da NBA. Sabe o que ta fazendo

    0

    0
  17. Marcus disse:

    Em relação em trocar a 3 escolha por a.Davis ou bultler.Não seria melhor trocar pelo bultler pois apesar de mais velho ele se machuca menos e tem menos lesões.

    0

    0
  18. Renato disse:

    Se como você mesmo escreveu que o mais provável é trocar esse caminhão de picks por algum top player, porque não segurar a pick 1 que tem um valor muitor maior do que a pick 3 e uma futura escolha dos próximos anos e ai sim tentar trocar por algo bom (AD to falando de você!).
    Muito boa análise, mas gostaria de estar muito errado, porém acredito que não vem ninguém, provavelmente vamos “apenas selecionar” algum calouro top 3 e as demais escolhas para preencher o elenco…

    0

    0

Deixe um comentário