Pré-temporada 2017: Boston Celtics x Philadelphia 76ers

Invicto após duas partidas na pré-temporada, o Boston Celtics disputa, na noite desta segunda-feira (9), o seu penúltimo compromisso antes da edição 2017/2018 da NBA. Depois de derrotar o Philadelphia 76ers em pleno Wells Fargo Center, o time verde e branco de Massachusetts enfrenta novamente a franquia da Filadélfia às 20h30, no TD Garden. Enquanto os celtas lutam pela terceira vitória nessa série de amistosos, o Sixers quer se redimir dos dois tropeços nos duelos anteriores.

Mesmo jogando diante de seu torcedor, a equipe do Boston Celtics não terá força máxima na segunda partida contra o Philadelphia 76ers. Por determinação do técnico Brad Stevens, quatro atletas estão de folga: o armador Kyrie Irving, o ala Gordon Hayward, o pivô Al Horford e o ala-pivô Marcus Morris, que ainda nem fez a sua estreia com a camisa verde e branca. Com os principais jogadores poupados, o Celtics deve fazer alguns testes nesse jogo e dar tempo de quadra para atletas que não estão sendo utilizados com frequência.

Sem quatro titulares, o Boston Celtics deve escalar Terry Rozier e Marcus Smart na armação, Jaylen Brown na ala, e Jayson Tatum no garrafão, ao lado de Aron Baynes. Na rotação, os principais nomes são o armador Shane Larkin e o ala-pivô alemão Daniel Theis.

Em relação ao primeiro jogo contra o Boston Celtics, o Philadelphia 76ers terá três mudanças no quinteto titular. No garrafão, o croata Dario Saric e o pivô Jahlil Okafor substituem Robert Covington e Amir Johnson, enquanto Nik Stauskas ganha a titularidade na ala, entrando no lugar do experiente JJ Redick.

FICHA TÉCNICA

Local: TD Garden (Boston, MA)

Horário (de Brasília): 20h30

BOSTON CELTICS: Terry Rozier, Marcus Smart, Jaylen Brown, Jayson Tatum e Aron Baynes. T: Brad Stevens

PHILADELPHIA 76ers: Ben Simmons, Jerryd Bayless, Nik Stauskas, Dario Saric e Jahlil Okafor. T: Brett Brown

Gustavo Arruda
Gustavo Arruda
Gustavo, 25 anos, é maranhense de São Luís, estudante de Jornalismo e repórter esportivo do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011. Nas horas vagas, é goleiro, armador, consumidor de danone, tio do João Gabriel e dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

10 Comentários

  1. Marco Ferreira disse:

    Parece loucura, mas esse time de hoje está jogando muito mais que com os três principais…

    Smart tem tudo para ganhar o prêmio de sexto homem ou estar no time defensivo do ano, e o melhor é que ele ainda vai evoluir na temporada.
    Rozier incrível no ataque e muito bem na defesa.
    O que foi aquela ameaçada do Smart para um lado para depois dar o passe para o outro sem olhar… Incrível!
    Brown e Tatum não estão nada atras de Fultz e Simmons.
    Nader bem hoje até agora e o Larkin parecido com o primeiro jogo.

    Observação, nossa marcação não esta dando tocos e sim roubando a bola no movimento adversário.

    To gostando de ver…

    Let’s Go Celtic’s…

    10

    0
  2. Sander disse:

    Ojeleye, Yabusele e o Theis como estão?

    0

    0
    • Andre disse:

      Perdi uma grande parte do segundo e terceiro quarto. Mas vejo o Theis consistente na defesa, pegando rebotes (acho que ainda não pontuou até agora), o Yabusele é um trator na defesa e rebote, fazendo uns arremessos bizarros mas tb acertando de 3, e o Ojeleye pontuando!

      3

      0
  3. Andre disse:

    Estou surpreso por 2 motivos! Pelo Celtics estar sem os 3 principais, e porque acreditava que o Sixers seria um ótimo time essa temporada! Ok, eles ainda tem desfalques, mas comparando Fultz com Tatum, e Simmons com Brown, hoje tá parecendo que fizemos escolhas melhores!
    Será que o Ainge vai mitar novamente? É cedo pra falar ainda! Mas vemos o Smart, Rozier muito melhores que ano passado! Temos cara pra pegar rebote! Enfim! Legal de assistir esse time!

    1

    0
  4. Iago Pacifico disse:

    Rozier mostrando que consegue administrar uma partida como armador, mesmo ainda cometendo alguns equívocos.
    Theis não foi tão eficiente no ataque, mas na defesa é muito notável que o mesmo possui muita noção em ajuda, tempo de bola… Ótima adição.
    Yabusele se jogar assim na defesa todo jogo vai ter muitos minutos, muita vontade e inteligência na defesa. Falta escolher melhor os chutes no ataque.
    Semi é gatilho nos 3 pontos, vem mostrando isso desde a summer

    1

    0
  5. Diego disse:

    Sério que vocês estão gostando do Yabusele? Jogador mediano, precisa ser muito lapidado ainda.

    Rozier, com 1,88 fazendo partidas ótimas. Armou o jogo muito bem (Lembrou o Isaiah hoje). Além de ter melhorado nos rebotes!

    Semi, com uma crescente muito boa. Tem tudo para ganhar espaço a cada jogo.

    Nader, quero vê-lo mais vezes. Difícil julgar por apenas um jogo. Vejo potencial.

    Bird, mesma situação do Nader. Vejo muito potencial também.

    Vejo o quinteto titular com:

    Irving – Hayward – Horford – Smart e Tatum

    Com entradas constantes de Rozier, Semi e Nader e Theis.

    0

    4
    • jean lucas dos reis brazuna disse:

      e o Brown, Morris e o Baynes?

      4

      0
    • Bruno Araujo disse:

      É claro que ele precisa ser lapidado, como todos os novatos, ou seja, isso é natural. Entretanto, para um novato, ele mostrou muito potencial, principalmente na defesa. Foi a primeira partida em que pude acompanhá-lo melhor e fiquei muito impressionado, ótima leitura defensiva e ainda consegue puxar o contra ataque. Aquele bloqueio no estouro do cronômetro foi de levantar da cadeira. Rs Agora, é ter paciência para desenvolvê-lo, como com todos os outros jovens talentosos que temos.

      0

      0
    • Marco Ferreira disse:

      Calma Diego,

      Estamos ainda na fase de comparações com temporadas passadas, Yabusele já demonstrou ser muito útil na rotação defensiva, apesar de ele estar pesado, ele já provou que tem sangue verde mergulhando nas bolas e brigando por todos os rebotes, de vez em quando até acerta um chute de 3.

      Rozier realmente jogou muito bem, com muita vontade e não escondendo do jogo, assim como o Smart.

      Nader me impressionou mais no primeiro jogo, porém acredito muito na evolução dele, já provou isso ano passado.

      Theis ainda está se adaptando a NBA, é um mundo diferente para ele ainda, algumas jogadas e alguns movimentos que ele não entende direito, mas já mostrou ser um bom jogador.

      Temos um elenco bom para esta temporada, é saber administrar e já vimos que mesmo sem os 3 principais a equipe deu uma boa resposta e pode sim jogar sem eles.

      Let’s Go Celtic’s…

      1

      0
  6. Antonio Jhennyson de Souza disse:

    Playoffs fácil. Vamos ver como o Cavs vai vir essa temporada mas até agora não tá bem. Já estou vendo Celtão na final.

    0

    0

Deixe um comentário