Prévia – Boston Celtics (19-4) x Phoenix Suns (8-15)

Phoenix Suns

Depois de derrotar o Philadelphia 76ers, resultado que lhe manteve como a equipe de melhor campanha na temporada 2017/2018 da NBA, o Boston Celtics encara o Phoenix Suns na tarde deste sábado (2), às 16h (horário de Brasília), no TD Garden. Será um duelo de extremos: enquanto o time verde e branco de Massachusetts quer continuar na liderança isolada da Conferência Leste, a franquia do Arizona luta para deixar as últimas posições da Conferência Oeste.

Após surpreender toda a liga e engatar uma série de 16 vitórias consecutivas, o Boston Celtics atravessa um momento de natural oscilação, com três triunfos nos últimos cinco jogos e algumas atuações abaixo das expectativas. Entretanto, a campanha celta ainda é muito satisfatória, e a equipe não está disposta a entregar sua posição de destaque. Diante do Phoenix Suns, o Celtics quer aproveitar o apoio da torcida e a fragilidade do rival para conquistar uma vitória sem sustos.

Eleito melhor técnico da Conferência Leste em outubro/novembro, o técnico Brad Stevens tem uma dúvida no garrafão do Boston Celtics. Contra o Philadelphia 76ers, o pivô australiano Aron Baynes foi titular, mas a entrada do ala-pivô Marcus Morris não está descartada. A equipe celta terá três baixas nessa partida: além do ala Gordon Hayward, em recuperação de uma grave fratura no tornozelo esquerdo, Boston não contará com o ala Abdel Nader e o ala-pivô Guerschon Yabusele, que foram enviados temporariamente para o Maine Red Claws, da NBA G-League.

Enquanto o Boston Celtics tenta se manter no topo, o Phoenix Suns tenta sair do fundo do poço. Sem disputar os playoffs há sete temporadas, a franquia do Arizona faz mais uma campanha ruim, que já resultou na demissão do técnico Earl Watson e na saída do armador Eric Bledsoe, negociado com o Milwaukee Bucks. Com apenas uma vitória nos últimos quatro jogos, diante de um Chicago Bulls também em crise, o Suns espera, em Boston, fazer um jogo equilibrado contra o Celtics. Pensar em vitória, no primeiro momento, não está nos planos.

Além de lidar com uma campanha ruim e a saída de seu principal jogador, o técnico interino Jay Triano terá problemas para escalar o Phoenix Suns em Boston. O combo guard Brandon Knight, o ala-armador Davon Reed e o pivô Alan Williams, submetidos a cirurgias, não estão disponíveis para enfrentar o Celtics, e o pivô ucraniano Alex Len, com dores no tornozelo esquerdo é dúvida. No quinteto titular, os destaques são o pivô Greg Monroe, que veio do Milwaukee Bucks na troca por Bledsoe, e o ala-armador Devin Booker, que fez inacreditáveis 70 pontos no último jogo contra o Celtics, no TD Garden.

FICHA TÉCNICA

Local: TD Garden (Boston, MA)

Horário (de Brasília): 16h

Transmissão: NBA League Pass

BOSTON CELTICS: Kyrie Irving, Jaylen Brown, Jayson Tatum, Al Horford e Aron Baynes (Marcus Morris). Treinador: Brad Stevens

PHOENIX SUNS: Tyler Ulis, Devin Booker, T. J. Warren, Marquese Chriss e Greg Monroe. Treinador: Jay Triano

Gustavo Arruda
Gustavo Arruda

Gustavo, 25 anos, é maranhense de São Luís, estudante de Jornalismo e repórter esportivo do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando “Let’s go, Celtics!”, e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011. Nas horas vagas, é goleiro, armador, consumidor de danone, tio do João Gabriel e dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

4 Comentários

  1. Marcos disse:

    Estou aguardando o Celtics ser (novamente) 8x campeão da NBA em sequência para ver se o Sportv ou a ESPN decidem transmitir um jogo do time de Boston.
    É lamentável a escolha dos jogos para o BR (ESPN corta jornadas duplas).
    O Grizzlies e os Nets já tiveram mais transmissões, especialmente no Sportv.

    []s verdes

    13

    0
  2. phabio passos disse:

    E O PESSOAL DO CELTICS BRASIL, ESQUECERAM DO JOGO CELTICS, DE HJ A TARDE, COLOCARAM NADA SITE NO FACEBOOK…..SERA ESTAO DE FERIAS….;)

    1

    0
  3. Lucas Oliveira disse:

    Tudo o que o Smart está fazendo de bom, armando e fazendo boas escolhas ofensivas o Rozier está fazendo o contrário… Carregando mais do que deveria a bola, forçando arremessos desnecessários, apressando jogadas com o time na liderança… E a cada erro da para ver ele ficando mais e mais frustrado e cometendo ainda mais erros na esperança de tentar mudar a maré.

    0

    0
  4. Leo disse:

    O jogo foi mais difícil do que parecia. Booker adora jogar no TD Garden. Destaque para Horford com 11 assistências e Brown com mais uma ótima partida se consolidando como referência celta
    https://www.youtube.com/watch?v=AMYEZT0ZL4E

    1

    0

Deixe um comentário