Prévia – Boston Celtics (40-16) x Indiana Pacers (30-25)

Menos de 24 horas após um duríssimo confronto diante do Washington Wizards, resolvido apenas na prorrogação, o Boston Celtics volta a jogar pela temporada 2017/2018 da NBA na noite desta sexta-feira (9). Desta vez, o time verde e branco de Massachusetts atuará ao lado de seu torcedor, no TD Garden, e a pressão dos fãs será fundamental para derrotar o Indiana Pacers, que está na sexta colocação da Conferência Leste e precisa da vitória para manter a sua posição de destaque. O duelo entre Celtics e Pacers, que começa às 22h30 (horário de Brasília), será o terceiro entre as duas franquias nesta edição da liga, sendo que Boston venceu os dois encontros anteriores.

Apesar de vencer cinco das últimas seis partidas que disputou, o Boston Celtics não atravessa um momento muito confortável, já que o Toronto Raptors, vice-líder da Conferência Leste, está a apenas um jogo de distância e aguarda por um tropeço celta para assumir a primeira colocação. Ciente da perseguição e do bom momento dos canadenses, o Celtics quer aproveitar essa sequência de três duelos no TD Garden para conquistar vitórias importantes e ampliar o conforto na liderança, e o confronto diante do Pacers é o primeiro passo rumo a esse objetivo.

Para o jogo contra o Indiana Pacers, o técnico Brad Stevens não deve fazer mudanças no quinteto titular, apesar do desgaste da partida diante do Washington Wizards e da viagem de volta para Boston. Os armadores Marcus Smart (lesão na mão) e Shane Larkin (contusão no joelho) desfalcam o Alviverde mais uma vez, assim como o ala Gordon Hayward, ainda em recuperação de uma grave fratura no tornozelo esquerdo. Por outro lado, o pivô Greg Monroe, que fez a sua estreia com a camisa celta diante do Wizards, está disponível na rotação.

O Indiana Pacers chega a Boston disposto a manter o bom momento na temporada: com seis vitórias nos últimos nove jogos, a franquia de Indianapolis se consolidou na zona de classificação para os playoffs da Conferência Leste e já pensa até em ficar nas quatro primeiras posições, o que lhe daria mando de quadra no primeiro round. Apesar do otimismo, o Pacers vem de derrota em casa para o Washington Wizards, e agora precisa de uma vitória sobre o Celtics para não ligar de vez o sinal de alerta.

Contra o Boston Celtics, a equipe do Indiana Pacers terá o desfalque do armador titular Darren Collison, que foi submetido a uma artroscopia no joelho esquerdo, e do ala-armador Glenn Robinson III, em recuperação de uma cirurgia no tornozelo. Sem Collison, o armador canadense Cory Joseph será titular no perímetro, ao lado do ala-armador Victor Oladipo, cestinha do Pacers na temporada e convocado para o All-Star Game. No garrafão, o destaque é o pivô Myles Turner.

FICHA TÉCNICA

Local: TD Garden (Boston, MA)

Horário (de Brasília): 22h30

Transmissão: NBA League Pass

BOSTON CELTICS: Kyrie Irving, Jaylen Brown, Jayson Tatum, Aron Baynes e Al Horford. Treinador: Brad Stevens

INDIANA PACERS: Cory Joseph, Victor Oladipo, Bojan Bogdanovic, Thaddeus Young e Myles Turner. Treinador: Nate McMillan

Gustavo Arruda
Gustavo Arruda
Gustavo, 26 anos, é maranhense de São Luís, estudante de Jornalismo e repórter esportivo do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011. Nas horas vagas, é goleiro, armador, consumidor de danone, tio do João Gabriel e dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

12 Comentários

  1. Rodrigo Ribeiro disse:

    Me desculpem o palavrão, porra, temos que ser mais agrecivos, não podemos entrar em quadra com essa de já ganhamos!

    Acredito na virada, no momento 20 X 40!

    0

    0
  2. Rodrigo Ribeiro disse:

    Agressivos*

    0

    0
  3. Marcelo SM disse:

    Que sova!

    0

    0
  4. jose disse:

    algum site para que possa ver o jogo? sem ser first row ou roja directa!!

    0

    0
  5. Marcelo SM disse:

    QUE BOLA do Rozier!

    0

    0
  6. Acho que temos que trocar o Horford na próxima season. Ele tá com os dias contados, alguns bons jogos, lances decisivos e depois 3,4 jogos ruins. Horford+Brown+caminhão de picks pelo AD.

    3

    4
  7. Fernando Silva disse:

    Estamos no jogo. Porém, mais uma vez deixamos o adversário abrir um caminhão de vantagem para depois correr atrás.

    As vezes não dá para buscar!

    2

    0
  8. Fernando Silva disse:

    E não deu!

    0

    0
  9. Chiovato disse:

    Problema foi que ofensivamente errou-se demais, lances fáceis onde uma bandeja era fácil e óbvia ou uma assistência simples pra finalizar no garrafão, foram deixados de lado pra tentar tiros de fora ou assistências pra tiro de fora! As vezes a vitória vem da boa defesa e aproveitar o máximo de chances dadas, especialmente as bolas fáceis, mas abrimos mãos dessas inúmeras vezes no jogo pra buscar um lance de maior pontuação ou impacto..e não é assim!!!!

    Achei que Stevens demorou muito pra por os principais atletas no 4QT e principalmente, Brown ficou tempo fora demais no último quarto!!! Ele vinha sendo o segundo atleta do time ofensivamente até então, e Stevens o pôs aos exatos 4:01 do último quarto! Acho que nessa rotação, Stevens deu mole e deu chances ao Pacers, Brown marcador nato, Irving tomou vareio do Oladipo no último quarto na hora de decidir, onde ou Oladipo infiltrava passando por Irving ou na troca ficava com Horford inúmeras vezes!!! Isso não pode!!! Time deu mole, não foi bem e perdeu….fica o aprendizado!

    4

    0
    • RafaCS disse:

      Exatamente, Brown ficou fora por tempo demais no Q4…
      Mas o problema foi que todo mundo ficou querendo ser “heroi” e forçou muitas bolas jo ataque quando estavamos para empatar o jogo. Rozier forçou N ataques.
      O time precisa ter tranquilidade para decidir o jogo, isso ainda falta em algumas situações…

      1

      0
  10. Leo77 disse:

    Realmente hj não deu, mais uma vez fizemos um primeiro tempo muito abaixo, para depois ter q correr atras, e não vai ser sempre q dará certo, valeu pela disposição do segundo tempo, não creio em um ou outro culpado, o time jogou abaixo e nada mais, na minha opinião temos um bom time, com um excelente técnico, no futuro quem sabe possamos ter um excelente time.

    0

    0
  11. Esses apagões no início da partida não podem acontecer nos playoffs. Sei que já viramos pra cima do GSW e dos Rockets mais não é todo jogo que isso vai acontecer. Jogo de playoff tem que entrar concentrado e com garra desde o início.

    0

    0

Deixe um comentário