Prévia – Portland Trail Blazers (44-27) x Boston Celtics (48-23)

BOSTON, MA - FEBRUARY 4: Al Horford #42 of the Boston Celtics reacts to a play during the game against the Portland Trail Blazers on February 4, 2018 at the TD Garden in Boston, Massachusetts. NOTE TO USER: User expressly acknowledges and agrees that, by downloading and or using this photograph, User is consenting to the terms and conditions of the Getty Images License Agreement. Mandatory Copyright Notice: Copyright 2018 NBAE (Photo by Brian Babineau/NBAE via Getty Images)

Passada a euforia pela incrível vitória sobre o Oklahoma City Thunder na última terça-feira (20), o Boston Celtics terá pela frente um importante e difícil desafio: visitará  o Portland Trail Blazers, terceiro colocado da Conferência Leste e que conta com a perigosa dupla de armadores Damian Lillard e C.J. McCollum. Ainda sofrendo com muitos desfalques, a equipe de Massachusetts, segunda colocada na Conferência Leste, terá que superar os seus problemas para continuar sendo uma das melhores equipes visitantes de toda a NBA. A partida acontecerá no Moda Center e terá início às 23h (horário de Brasília).

Apesar de todos os problemas enfrentados, o maior campeão da NBA tem encontrado meios de vencer jogos que pareciam ser desafios muito complicados. Na última sequência de dez jogos disputados, o time celta acumulou seis vitórias, sendo uma sobre o forte Minnesota Timberwolves (em Minneapolis) e outra sobre o Oklahoma City Thunder com seu big 3 em quadra. A forma como estes jogos foram vencidos é motivo para o torcedor celta se orgulhar, já que em razão dos diversos desfalques, jogadores como Terry Rozier, Jayson Tatum, Marcus Morris e Greg Monroe subiram sua produção justamente a poucos dias do início dos playoffs. 

O técnico Brad Stevens ainda terá dificuldade para encontrar a rotação ideal na partida desta sexta-feira (23). O ala Gordon Hayward, lesionado em seu tornozelo esquerdo desde a primeira partida da temporada, ainda encontra-se em processo de recuperação. O pivô Daniel Theis, que operou o joelho esquerdo, desfalcará a equipe pelo resto da temporada. Marcus Smart, por sua vez, segue fora da equipe após ter sido submetido à cirurgia no polegar da mão direita e só deverá voltar na pós-temporada. Jaylen Brown está próximo de retornar ao time, já que foi visto treinando com seus companheiros em Portland. No entanto, será desfalque na partida de hoje. Por fim, a situação mais preocupante. O astro Kyrie Irving, que buscará uma segunda opinião médica sobre o problema em seu joelho esquerdo, segue fora do time, sendo certo que só irá retornar quando estiver 100%.

O Portland Trail Blazers é um time pouco comentado pela imprensa que cobre o melhor basquete do mundo. Porém, a terceira colocação na Conferência Oeste e a recente sequência de 13 vitórias, sendo duas delas sobre os atuais campeões da NBA, o Golden State Warriors, demonstram que a equipe do Oregon é um time a ser respeitado. A talentosa dupla formada pelos armadores Damian Lillard e C.J. McCollum é responsável por 42,61% dos 7.533 pontos marcados pelo time até então na temporada 2017/2018 da NBA.

O ponto chave da partida será o balanço entre a forte defesa do Boston Celtics, que é a terceira que menos leva pontos de seus oponentes, contra o pior ataque em distribuição de assistências, já que o time de Portland anota somente 19.4 passes para cestas em média por jogo. A equipe celta poderá explorar tal fragilidade ofensiva se conseguir inibir as jogadas de isolação da dupla de Portland.

O técnico Terry Stotts não terá muitos problemas para escalar a sua equipe. Ambos com dores na lombar, o pivô Jusuf Nurkic e o ala Evan Turner estarão disponíveis para a partida de hoje (23). Shabazz Napier, que enfrentou dores no dedão do pé esquerdo, também está listado como disponível. O único desfalque certo é o ala C.J. Wilcox, que se recupera de uma cirurgia no joelho e não se sabe ainda quando poderá retornar às quadras.

FICHA TÉCNICA

Local: Moda Center (Portland, OR)

Horário (de Brasília): 23h

Transmissão: NBA League Pass

BOSTON CELTICS: Terry Rozier, Jayson Tatum, Marcus Morris, Al Horford e Aron Baynes. Treinador: Brad Stevens

PORTLAND TRAIL BLAZERS: Damian Lillard, C.J. McCollum, Al-Farouq Aminu, Maurice Harkless e Jusuf Nurkic. Treinador: Terry Stotts.

Eduardo Quirino
Eduardo Quirino
Eduardo, 30 anos, nascido em Niterói/RJ mas é Resendense de coração. Bacharel em Direito, estudante de Administração e flamenguista, é apaixonado por esportes e envolvido com o basquete desde os 14 anos. Ex-pilar do Volta Redonda Rugby, ex-capitão do Resende Rugby e atual ala-pivô do Basquete Resende, tem como espelho a lenda Kevin Garnett, razão pela qual começou a torcer para o Boston Celtics em 2008. KG se foi, mas o amor pelo Celtics é pra sempre! Sou um dos calouros do Celtics Brasil e espero vê-los muitas vezes por aqui!

13 Comentários

  1. 🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏🙏
    Hj estou esperando uma derrota.
    Blazers estão jogando o fino da bola.
    Tomara que Tatum, Rozier e Morris estejam inspirados.

    1

    4
  2. Christiano Costa Novo disse:

    Alguém com uma notícia sobre o Kyrie, li no Globo Esporte que ele se submeteria a uma intervenção cirúrgica hoje à tarde.

    2

    1
  3. Murilo Gomes disse:

    Marcus Morris é foda mano….tá jogando muito na ausência dos principais jogadores do time…se manter essa pegada nos playoffs…vai ajudar muito..

    5

    0
  4. Marcelo disse:

    Marcus Morris MVP! rsrsrs

    2

    0
  5. Andre disse:

    Pois é! Morris tá se destacando! Tatum foi bem no último lance, no qual ele infiltra no garrafão e passa a bola para o Horford, se não me engano, para gastar o tempo! E ele, por fim, se analisarmos os números não foi bem. Tem uns lances dele que da raiva, quando quer saindo com a bola como se fosse o armador, e acaba perdendo a bola por falta de coordenação! Mas nos minutos finais foi muito bem, acertando uma bola de 3, dando um toco, acertando seus lances livres e pegando o último rebote ofensivo!!!

    4

    0
  6. Marchall disse:

    Qual a chance de conseguirmos Blake Griffin, Anthony Davis, Cousins ou Drummond na próxima temporada envolvendo Smart, Horford + pick?

    0

    0
    • Netto Santos disse:

      Acho que por esse pacote só seria possível Griffin ou Drummond.

      0

      0
    • Murilo Gomes disse:

      Eu sinceramente acho que não vai haver troca alguma…pelo menos no começo da temporada que vem, o Ainge é meio cauteloso na hora de fazer as trocas, provavelmente ele vai esperar a volta do Hayward, e avaliar o desempenho do time com Ele. E acho que agora com as contusões do Smart o valor dele para os outros times da liga pode ter diminuído, assim os celtics tem a chance de oferecer um contrato um pouco mais barato, o que na minha opinião tem grandes chances de acontecer, então acho que não vai haver trocas envolvendo o Smart também…Mas vai que…kkkkkkk. Ultimamente a NBA me surpreende nas offseasons…só ver o que aconteceu com o proprio boston nessa temporada!

      1

      0
    • Christiano Costa Novo disse:

      Eu não aprovo trocar o Smart neste momento, apesar de todas as irresponsabilidades dentro e fora de quadra eu apostaria mais um pouco no seu desenvolvimento. É inegável sua raça dentro de quadra e seu esforço defensivo, inclusive faz falta neste momento. De qualquer forma aguardaria pra ver o time com o Gordon saudável para a partir daí buscar reforços. no sentido contrário aprovo totalmente o Antony Davis a qualquer momento no nosso time. Lets Go Celtics ☘️.

      1

      0
  7. Marcos disse:

    Pessoal que falava mal do Morris anda cada vez mais sumido…

    Libera logo o Kyrie para cirurgia, traz o Crawford com a medical exception e os caras da G League para o banco.

    Brad Stevens é o herdeiro legítimo do Pop.
    Não seremos campeões, mas será jogo 7 em todas as séries.

    Temporada que vem é renovar com todos e dinastinar.

    Abs verdes

    7

    0
    • Christiano Costa Novo disse:

      Concordo com vc em quase tudo, com uma exceção, nosso time não compara com Pop, está longe, mas porque não sonhar com o Red Auerbach.

      0

      0
  8. Fernando Silva disse:

    Ao meu ver o único obstáculo para a próxima season é MANTER o time.

    Eu só mexeria com AH maia algumas picks por Griffin, Drummond ou alguém melhor (no garrafão).

    Caso contrário deixe como está.

    Pelo que vi (rapidamente) a cirgurgia do KI é simples.

    0

    0
  9. Marchall disse:

    Griffin cairia como uma luva nesse time…

    Hayward – Morris – Irving – Tatum e Griffin

    Que time…

    0

    0

Deixe um comentário