Prévia – Toronto Raptors (55-22) x Boston Celtics (53-24)

Restando poucos dias para o início dos playoffs da Conferência Leste, o Boston Celtics terá pela frente, na noite desta quarta-feira (4), o seu compromisso mais importante na temporada 2017/2018 da NBA. Afinal de contas, o time verde e branco de Massachusetts precisa de uma vitória sobre o Toronto Raptors, em pleno Air Canada Centre, para continuar na briga pela primeira colocação do Leste, que lhe garantiria o mando de quadra até uma eventual final da liga. O duelo entre Raptors e Celtics começa às 21h (horário de Brasília) e terá transmissão da ESPN para todo o Brasil. Será o quarto confronto entre as duas franquias na competição, sendo que Boston venceu os dois jogos que disputou em casa e perdeu o único confronto em Toronto.

Mesmo depois de um período de instabilidade e de perder vários atletas por lesão, o Boston Celtics conseguiu uma arrancada espetacular na reta final da temporada regular e voltou com tudo para a briga pelo primeiro lugar do Leste. O time verde e branco poderia estar dependendo apenas de suas forças, mas foi surpreendido pelo Milwaukee Bucks na terça-feira (3), o que torna a vitória fora de casa sobre o Raptors uma obrigação. Bater a franquia canadense no Air Canada Centre é um desafio enorme, mas os comandados de Brad Stevens são especialistas em superar todo tipo de dificuldade.

Diante do Toronto Raptors, o técnico Brad Stevens ainda tem uma dúvida na montagem do quinteto titular do Boston Celtics. Ainda com dores no tornozelo, o armador Terry Rozier só deve ter presença confirmada pouco antes da bola subir no Air Canada Centre. Caso Rozier não possa atuar, o jovem Kadeem Allen deve iniciar o confronto em terras canadenses. Ainda sem contar com nomes como Kyrie Irving, Marcus Smart e Gordon Hayward, o Celtics aposta as suas fichas nos jovens alas Jaylen Brown e Jayson Tatum, além do experiente pivô Al Horford.

O Toronto Raptors, por sua vez, quer garantir logo a liderança da Conferência Leste, depois de um período de instabilidade. Depois de abrir vantagem na primeira colocação, a franquia canadense sofreu cinco derrotas nos últimos oito jogos e permitiu uma aproximação do desfalcado Boston Celtics. Para garantir a vitória que deixa a equipe em excelente situação na tabela, o Raptors aposta na força de sua torcida: em 38 jogos no Air Canada Centre, o time de Toronto conquistou 31 triunfos, segunda melhor campanha como mandante na competição.

Apesar da pressão sobre o Toronto Raptors, o treinador Dwane Casey tem uma boa notícia na reta final da temporada regular: com o Departamento Médico vazio, a franquia canadense vai com força máxima para o jogo contra o Boston Celtics. A força do Raptors vem de seu perímetro, formado pelo armador Kyle Lowry e pelo ala-armador DeMar DeRozan.

FICHA TÉCNICA

Local: Air Canada Centre (Toronto, ON)

Horário (de Brasília): 21h

Transmissão: ESPN e NBA League Pass

TORONTO RAPTORS: Kyle Lowry, DeMar DeRozan, OG Anunoby, Serge Ibaka e Jonas Valanciunas. Treinador: Dwane Casey

BOSTON CELTICS: Terry Rozier (Kadeem Allen), Jaylen Brown, Jayson Tatum, Al Horford e Aron Baynes. Treinador: Brad Stevens

Gustavo Arruda
Gustavo Arruda
Gustavo, 26 anos, é maranhense de São Luís, estudante de Jornalismo e repórter esportivo do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011. Nas horas vagas, é goleiro, armador, consumidor de danone, tio do João Gabriel e dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

6 Comentários

  1. Ojeleye foi muito bem marcando o DeRozan nesse primeiro quarto.

    0

    1
  2. Murilo Gomes disse:

    Segundo quarto deprimente…cada posse de bola é um turnover…sai fora!!

    0

    0
  3. Já era! O segundo quarto derrubou o time! Vamos terminar em segundo, agora é descansar a galera para todos chegarem 100% nos offs

    6

    0
  4. Junior disse:

    Uma coisa é certa com o Kyrie o Smart e o Theis nois passariamos facil…..

    3

    0
  5. eric diegues disse:

    tenho mais medo do cavs na semi do que do toronto em uma possivel final

    1

    0
  6. Sandro disse:

    Jogar só com um armador e machucado ainda…já sabia que seria muito difícil. Tomara que nos offs todos estejam bem, aí encaramos qualquer um. Bem que poderíamos ter uma surpresa e o GH voltar dessa contusão pra jogar alguns bons minutos…Lets Go Celtics!!!

    1

    0

Deixe um comentário