Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Heat 98 X 100 Celtics

O capitão do Celtics, Paul Pierce fez um arremesso no estouro do cronômetro para dar a vitória, por 100-98, no jogo três no AmericanAirlines Arena, na última sexta-feira. Com o triunfo, Boston tem agora uma vantagem de 3-0 nesta primeira série dos playoffs.

http://www.youtube.com/watch?v=_SijKSv6ywU

O Miami começou bem o primeiro quarto, vencendo por 2 pontos, 29 x 27. Wright finalizou uma linda enterrada depois de uma belo passe de Wade. No segundo quarto, o Boston apertou, e venceu por 1 ponto, 21 x 20, encostando no placar geral, 49 x 48. Se um quarto fosse decisivo para a vitória do Celtics, esse quarto foi para o 3º. Jogando um basquete envolvente, e com Paul Pierce dando uma prévia do final, com uma bola de 3 faltando 1.7 segundos para o termino do quarto, o Boston abriu 10 pontos.

Já no ultimo periodo, o Miami empatou, e o jogo foi indo, ponto a ponto. Até que, com 17 segundos, o jogo estava 98 x 98. A bola caiu para Wade. E então vieram as caibras nas pernas. Wade fez um arremesso, e a caibra o mandou para o chão com 11.7 segundos para o jogo. Com seu erro, o jogo permanecia empatado.

Foi quando Pierce tomou o centro do palco. Ele pegou o passe de Rondo e fez o arremesso, dando um passo para trás e matando a marcação. Não havia nenhuma dúvida. Fim de jogo.

“Nós somos um time de veteranos”, disse Pierce, cujo passo para trás matou Dorell Wright, seu marcador. “Isso é bom porque dificilmente algo nos vai atrapalhar, especialmente em situações cruciais.”

O Heat não está jogando bem o playoff, e se continuar desse jeito, será impossivel ganhar a série. Boston esta muito bem, muito confiante e com muito mais cabeça do que o Miami.

E de repente o Celtics ressurgem. O mesmo time que perdeu sete de seus últimos 10 jogos da temporada regular e parecia caminhar para ser do mesmo jeito nos playoff. Os próprios jogadores que levantaram dúvidas sobre a equipe há alguns meses atrás, parecem estar se aproximando da forma que eles ganharam um título há dois anos. Mas, no final, quem parece derrota é o Miami.

“Os Celtics estão começando a jogar bem de novo”, afirmou o pivo de Boston Kendrick Perkins.

“A nossa equipe é boa”, disse o armador do Heat, Dwyane Wade, que deixou o jogo com uma lesão na perna esquerda. “Eles têm vários caras veteranos, e nessa etapa isso ajuda demais.”

O Wade terminou o jogo com 34 pontos e 8 assistências e ele teve a ajuda de Michael Beasley com 16 pontos, Dorell Wright com 15, Udonis Haslem com 10 e 8 rebotes e Mario Chalmers que terminou 10 pontos.

Mas Wade não está recebendo qualquer ajuda do pivo Jermaine O’Neal que marcou apensar 2 pontos, acertando apenas 5 de 31 chutes (0,161%) na série.

Além disso, Wade, estava lutando contra as caibras nas pernas.

“Eu não tinha nada demais”, disse ele. “Eu estava tentando lutar pelo time e ajudar os meus companheiros.”

Enquanto isso, o Boston batia o Heat de todos os lados. Pierce incendiou Miami com 32 pontos. O ala-armador Ray Allen, que fez 25 pontos no jogo 2, tinha os mesmos 25 no jogo 3. O armador Rajon Rondo fez 17 pontos e 8 assistências. Mesmo Perkins, que não marcou nenhum ponto, contribuiu com 12 rebotes. Embora o Celtics só acertou 46.8% dos chutes, o time parecia controlar o jogo durante toda a noite, tendo uma vantagem de 80-72 no terceiro periodo.

“Essa é a verdade”, disse Perkins sobre Pierce. “Ele vive para jogos como este.”

Destaques da partida

Celtics:

Ray Allen: 25 Pts
Kendrick Perkins: 12 Reb
Kevin Garnett: 16 Pts, 6 Reb
Rajon Rondo: 17 Pts, 8 Ass
Paul Pierce: 32 Pts, 8 Reb

Heat:

Dwyane Wade: 34 Pts, 8 Assists
Michael Beasley: 16 Pts

­Por: Guilherme Camillozzi

Author avatar
Redação Celtics Brasil

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.