Draft 2013 – Gorgui Dieng

Terceiro estrangeiro entre os quatro prospectos analisados pelo Celtics Brasil até agora, Gorgui Dieng é um Pivô nascido em Senegal e que vinha atuando no basquete universitário dos USA, onde se sagrou nessa temporada, campeão da NCAA pela universidade de Louisville, equipe comandada pelo ex treinador celta, Rick Pitino.

Prós

Dieng é facilmente um dos melhores pivôs desse draft no que se diz a defesa.

Com grande impulsão, explosão física e seus 2,23 metros de envergadura, Dieng é um grande bloqueador e reboteiro.

Ao contrário de alguns atletas famosos por darem muitos tocos, mas também em caírem em muitos “fake shots” como o ex celta Greg Stiemsma,  Dieng tem um ótimo instinto e tempo de bola para o toco e raramente é enganado por seu adversário nesse tipo de situação.

Na defesa um contra um, o senegalês se destaca exercendo uma forte pressão, utilizando muito bem o corpo e os braços para tampar o maior numero de buracos possíveis para o arremesso ou o passe do rival.

Na parte ofensiva Dieng é um operário no maior estilo Perkins. Busca constantemente o contato com seus adversários e exerce grande impacto tático buscando sempre auxiliar seus companheiros com uma infinidade de corta-luzes.

Outro diferencial do atleta é sua qualidade acima do normal para um Pivô defensivo, em distribuir passes. Dieng pode participar ativamente da movimentação da bola no setor defensivo em busca de encontrar brechas na defesa.

Prova disso é que o atleta só tenta a finalização da jogada em 28% das vezes que a bola toca sua mão no ataque, gerando 1,5 desperdícios de bola por partida, o que é um excelente número para um rookie e um pivô que da muitos passes.

Contras

Se você está procurando um homem pra cuidar defensivamente do seu garrafão, Dieng é uma boa opção, porém se a busca é por contribuição em pontuação, aí deve-se passar longe de Dieng.

Suas conclusões ofensivas se limitam em sua maioria em enterradas e arremessos de curta distancia sem marcação postada.

Dieng em alguns momentos demonstra ter um gancho com a mão direita que provavelmente pode ser lapidado, lhe dando mais armas ofensivas, mas o senegalês nunca será um grande contribuinte em pontos sendo que alcançar 2 dígitos de média em pontos na NBA já será algo a se comemorar.

Outra coisa que pode depor contra Dieng é sua idade. O Senegalês já tem 23 anos, sendo um dos atletas mais velhos do atual draft, o que causa alguma incerteza nos gerentes de quanto ele ainda pode evoluir.

Resumo

Dieng é o cara disposto a fazer o trabalho sujo pelos seus companheiros. Vai se dedicar ao máximo na defesa, vai sacrificar seu corpo pelos companheiros e no ataque vai se limitar a fazer o que sabe que é capaz, nem mais, nem menos que isso, pra não comprometer o trabalho de seus companheiros.

É o tipo de cara que com essas atitudes provavelmente será bem visto e terá a gratidão de seus companheiros de time, podendo então se tornar também uma peça importante no vestiário.

É o Perkins 2.0, bem menos forte, o que talvez não faça dele um defensor no mesmo nível do ex celta, porém mais explosivo, um pouco mais inteligente e melhor reboteiro.

Informações do atleta

Posição: Pivô (Center)
Idade: 23 anos
Altura: 2.11m (6.11)
Envergadura: 2.23m (7.4)
Peso: 00kg (230)
Nacionalidade: Senegal
Universidade: Louisville

Médias em 2012-2013

Minutos Pts Reb Ast Stl Blk FG 3Pts FT
31 min 9,8 9,4 2,0 1,3 2,5 53,4% N/A 65,2%

Cotações para o Draft

ESPN – www.espn.com 28ª Escolha
NBA Draft – www.nbadraft.net 24ª Escolha
Draft Express – www.draftexpress.com 20ª Escolha
Hoops World – www.hoopsworld.com 10ª Escolha
CBS Sports – www.cbssports.com 11ª Escolha

Vídeo

[youtube id=”9_PjgRLIhPc” width=”620″ height=”360″]

Daniel Emiliano
Daniel Emiliano

Daniel é publicitário, web designer e ilustrador residente em Campinas/SP.
Em 2008 uniu paixão e profissão e deu vida a um Blog de notícias e opiniões sobre o Boston Celtics.

Com ajuda de outros apaixonados o Blog foi tomando proporções inimagináveis e hoje é este Celtics Brasil, o maior site sobre uma equipe da NBA no Brasil.

13 Comentários

  1. Ailson disse:

    Se recrutarmos outros bons prospectos para pivô, o que vai acontecer o Fab Melo ?

    0

    0
  2. PHABIO PASSOS disse:

    fab melo devia ir pra europa, devia ser trocado por emprestimo com marcelinho huertas, queria uma boa pra ambos….

    0

    0
  3. Marcio Urawa disse:

    Boa pra ambos de que forma?

    Huertas é Líder, Ídolo, MVP e tudo mais lá no Barcelona.
    O que ele ganharia deixando essa posição de lado pra ser reserva do Rondo e jogar no máximo 10 min em Boston?

    Já Melo continuaria sem tempo de quadra, pois Tomić e Jawai são mais jogadores que ele.

    Sem contar que o Barcelona NUNCA aprovaria uma troca dessas.

    0

    0
  4. Matheus Porto disse:

    Gosto muito do Dieng, se a escolha Celta fosse um Center, torceria por ele.

    Ele é bastante inteligente e já podia contribuir de imediato com a equipe, alem de estar cotado para uma posição menor, ai viria a troca para conseguir uma escolha de segunda rodada e escolher um armador(P.Siva).

    Mas isso não vai acontecer, Celtics deve ir de armador mesmo… Ou Shabazz Muhammad…

    0

    0
  5. Lucas disse:

    Se a escolha for de um pivô, na minha humilde opinião esse é o cara certo. Ideal substituto pro Perkins, lembrando que desde sua saída o nosso garrafão está muito desgastante pro KG.

    0

    0
  6. Felipe disse:

    vcs falam do melo como se ele fosse um ótimo jogador… esse menino joga mais que o melo e se depender do seu desempenho na liga de verão irá dar de 10 a 0 no wilcox e se torna uma peça importante….se o celtics pega um pivo

    0

    0
  7. Rafael disse:

    Eu era feliz nos tempos de Perkins. Achei uma boa.

    0

    0
  8. Daniel Ferreira disse:

    Um cara desse tamanho poderia investir no footwork já que jogo mt no post. Enfim eu apostaria nele sem dúvidas.

    0

    0
  9. Oberdan Gonzalez disse:

    Daniel gostaria de propor uma matéria comparando os pivôs possíveis pro Celtics na 16ª.

    Dieng – Adams – Plumlee – Olynyk – Withey – Lucas Bebê – outros ?

    Obrigado.

    0

    0
  10. Fernando disse:

    De todas as opções analisadas Dieng me parece a melhor. Precisamos de um Center e o rapaz parece ter bom desempenho. Está pronto para contribuir de imediato. Achei o jogo dele mais parecido com o do Tyson Chandler. Ótimo para nós. Dos jogos que acompanhei vi o Pumlee como outra boa opção para nosso garrafão.

    0

    0
  11. Anderson Tomás disse:

    Dieng vai sair logo, acho que sem chances…

    0

    0
  12. […] Dieng é o cara disposto a fazer o trabalho sujo pelos seus companheiros. Vai se dedicar ao máximo na defesa, vai sacrificar seu corpo pelos companheiros e no ataque vai se limitar a fazer o que sabe que é capaz, nem mais, nem menos que isso, pra não comprometer o trabalho de seus companheiros. É o tipo de cara que com essas atitudes provavelmente será bem visto e terá a gratidão de seus companheiros de time, podendo então se tornar também uma peça importante no vestiário. É o Perkins 2.0, bem menos forte, o que talvez não faça dele um defensor no mesmo nível do ex celta, porém mais explosivo, um pouco mais inteligente e melhor reboteiro. Veja a avaliação completa do atleta. […]

    0

    0

Deixe um comentário