Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

KG, Rondo e Tony Allen no top 5 defensivo

Apesar do pivô do Orlando ter ficado em primeiro lugar, e Tyson Chandler em 3º, tivemos Kevin Garnett como 2º melhor jogador defensivo da liga, Rondo como 5º e Tony Allen como o 4º no ranking geral de jogadores defensivos.

Essa classificação não representa os melhores times defensivos, apenas o top 5 da escolha para o melhor jogador defensivo, o DPOY.

Mas, possivelmente, algumas vagas para o time defensivo da liga, serão decididos com esses dados. Howard dificilmente fica fora, assim como Tony Allen e Rondo. Kevin Garnett tem mais chances de ficar com a posição 4 do que Chandler, que é pivo, mas também pode fazer a função.

O interessante é que, mesmo com 2 dos 5 melhores defensores da liga, após a saida de Perkins, a coisa mudou totalmente. Isso prova que esse prêmio é importante, com certeza, mas não representa nada pra um time, já que apenas um jogador não faz tanta diferença! Alias, nem 2 ultimamente fizeram essa diferença

E, outro fator legal de se ver, é Tony Allen, nem sempre tão aproveitado, agora, com tempo pra jogar e mostrando ser o que é. E Allen ainda só foi manter sua posição a partir de janeiro, talvez se tivesse sido titular desde o inicio ficasse mais a frente.

Percebe-se também uma preferencia muito nitida em homens de garrafão, sendo estes ‘mais defensivos’ do que marcadores de perimetro. A prova está nitida, dos 3 melhores, 3 são ala-pivos ou pivos. E também no tempo, percebe-se que a maioria dos jogadores não jogam no perimetro.

O Top 10 ficou assim:

Dwight Howard Magic 585 pontos
Kevin Garnett Celtics 77 pontos
Tyson Chandler Mavericks 70 pontos
Tony Allen Grizzlies 53 pontos
Rajon Rondo Celtics 45 pontos
Andrew Bogut Bucks 32 pontos
Grant Hill Suns 30 pontos
Andre Iguodala Sixers 29 pontos
LeBron James Heat 25 pontos
Luol Deng Bulls 24 pontos

E os vencedores do premio em toda a historia foram:

1982-83 Sidney Moncrief, Milwaukee
1983-84 Sidney Moncrief, Milwaukee
1984-85 Mark Eaton, Utah
1985-86 Alvin Robertson, San Antonio
1986-87 Michael Cooper, L.A. Lakers
1987-88 Michael Jordan, Chicago
1988-89 Mark Eaton, Utah
1989-90 Dennis Rodman, Detroit
1990-91 Dennis Rodman, Detroit
1991-92 David Robinson, San Antonio
1992-93 Hakeem Olajuwon, Houston
1993-94 Hakeem Olajuwon, Houston
1994-95 Dikembe Mutombo, Denver
1995-96 Gary Payton, Seattle
1996-97 Dikembe Mutombo, Atlanta
1997-98 Dikembe Mutombo, Atlanta
1998-99 Alonzo Mourning, Miami
1999-00 Alonzo Mourning, Miami
2000-01 Dikembe Mutombo, Philadelphia
2001-02 Ben Wallace, Detroit
2002-03 Ben Wallace, Detroit
2003-04 Ron Artest, Indiana
2004-05 Ben Wallace, Detroit
2005-06 Ben Wallace, Detroit
2006-07 Marcus Camby, Denver
2007-08 Kevin Garnett, Boston
2008-09 Dwight Howard, Orlando
2009-10 Dwight Howard, Orlando
2010-11 Dwight Howard, Orlando

Fonte: NBA

Author avatar
Redação Celtics Brasil

20 comentários

  1. O premio de Dpoy é muito baseado em numeros, o que eu acho bem incorreto.
    Jogadores que são monstros defensivos como Perkins e Battier nunca aparecem nessas listas, pois ele snão são jogadores de números.
    Você nunca vai ver eles com muitos rebotes, muitos tocos e muitas roubadas, mas eles não focam sua defesa nisso e sim em obstruir passagem, dificultar arremessos, etc.
    Essas coisas não aparecem nos numeros “simples”, e sim em estatisticas MUITO avançadas.

    Recentemente saiu uma mostrando que em média, os jogadores de garrafão que enfrentam Perkins, tem uma queda de 36% nos seus numeros ofensivos. Iso é MUITA coisa e mostra todo o poder defensivo dele.

    Por outro lado, Rondo e Allen estão aí devido ao alto numero de roubos de bolas que tiveram. Só que se olhar esses mesmos numeros, vê se que a eficiencia de seus matchups não cai tanto assim. Até cai, mas não com numeros absurdos como os de Battier e Perkins.

    Sendo assim, acabo por ficar um pouco com restrição a esse premio, assim como tenho restrições a TODOS os outros prêmios dados pela NBA, em ESPECIAL o prêmio de MVP, que ao meu ver tem um critério bastante errado.

    • Guilherme Camillozzi

      Concordo com quase tudo, exceto pela parte que diz que o fator preponderante se deu por numeros de roubadas. Se fosse assim, o maior fator, CP3 seriam sem sombra de duvidas top 5.

      Tony Allen e Rondo fazem uma das melhores marcações homem a homem, e também ao perimetro. Não exclusivamente em numeros. Alias, Rondo tem evoluido bastante nisso. Mas, defesa é dificil de ver em numeros, assim como o trabalho do Perkins, de outro que voce nao citou, Varejão.

  2. Liu

    Tony Allen não é do Boston mais não gente…

  3. Anderson Tomás

    Opa…
    No conjunto da obra realmente o Nene é melhor jogador que o Varejão, mas especificamente na parte defensiva o Varejão é melhor que o Nene. Ele é mais chato, e mais intenso. O Denver nos últimos anos apesar de bons times não tinha grandes defesas. No conjunto da obra tbm sou mais o Nene, mais na defesa Varejão é melhor.

  4. Anderson Tomás

    Apesar de Gangsta de Chicago, e jogador do Menphis, o Tony ainda é Celta na alma sim hehehehe…

  5. gustavo

    saiu na imprensa de boston que o Shaq ta fora do Celtics! Vamo esperar a confirmação pq pode ser só boato….

    c for verdade uma pena, e um desrespeito a historia do cara

  6. Ever

    Concordo com o Daniel sobre os critérios serem excessivamente baseados em números.

    Mas também não tem como negar que os cinco que estão na lista são monstros na defesa.

    Mas o importante é que dos cinco dois são Celtics, um é ex-Celtic. Isso mostra um pouco da cultura Celta de jogar basquete.

    Excelência em defesa é com a gente.

  7. Ever

    aaaa

    E eu acho o Varejão bom de defesa sim.

    Sempre duvidei dele, principlamente pelo porte físico. Mas ele me fez morder a língua, sou fã dele, principalmente pela sua defesa.
    Sabe se posicionar e tem raça de sobra, mas que muitos pivos americanos. Ja vi ele marcar, e muito bem, o D 12 e vários outros pivos top.

  8. allan brito cavalcante

    sefalosha defende pra caraleo tbm gosto muito dele

  9. Wesley Lacerda

    Varejão é considerado um dos melhores defensores de garrafão do mundo, Baseados em estudos e fatos.

  10. Daniel Ferreira

    Na boa eu num gosto do basquete do varejao !! e nem um pouco

  11. Você não tem que gostar, tem apenas que saber da eficiência e da ajuda que ele dá a equipe.
    Perkins tem um basquete muito feio, de porrada, sem técnica nenhuma, mas você viu o que a saída dele fez a equipe, né.

    Não tem que gostar nem achar bonito. Tem apenas que reconhecer

  12. Vinicius Lopes

    O Perkins jogou pouco mais de 10 jogos nessa temporada com o Celtics, a boa campanha do time foi feita toda com o Davis(que não é um grande marcador), KG e as vezes o Shaq no garrafão, e a queda do time nessa temporada é por causa dele… Estranho isso!

    • Vinicius Lopes

      Se falaram que a saída do Perkins foi sentida de forma afetiva no grupo, pode até ser, mas dentro de quadra, jogamos muito bem sem ele, não da pra dizer agora, que o motivo do mal desempenho da equipe tenha sido a falta dele.

      Muitos reclamam do Krstic na marcação, mas o Erden por muito tempo foi titular, e se vocês não lembram, ele jogou muitas partidas machucado, sofreu muito na defesa, tanto ou até mais que o Krstic, a diferença é que estávamos ganhando, nas vitórias ninguém é o culpado, já nas derrotas…

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *