Após sofrer queda assustadora, Jaylen Brown é incluído no protocolo de concussão

Publicidade

Apesar da vitória por 117 a 109 sobre o Minnesota Timberwolves e da classificação antecipada para os playoffs da Conferência Leste, conquistadas na noite de quinta-feira (8), os atletas, comissão técnica e torcedores do Boston Celtics deixaram o Target Center em um clima de total apreensão. Durante o terceiro quarto, o ala-armador Jaylen Brown fez uma enterrada e sofreu uma queda logo em seguida, batendo violentamente a cabeça e o pescoço no chão. O camisa 7 celta ficou imóvel por alguns minutos, mas logo se levantou, sem precisar do auxílio de uma maca. Em belíssimo gesto, a torcida do Timberwolves aplaudiu o atleta de Boston em seu trajeto até o vestiário.

Pouco depois da queda, Jaylen Brown foi transferido para um hospital em Minneapolis, onde foi submetido a uma tomografia computadorizada. Liberado pelos médicos, o ala-armador encontrou o restante do elenco celta no aeroporto e viajou de volta para Boston. Em seu perfil no Twitter, Brown disse que estava bem, agradeceu a todos pelas palavras de incentivo, mas confirmou que estava com uma forte dor de cabeça.

As notícias são animadoras, mas o Boston Celtics não vai deixar de tomar suas precauções: nesta sexta-feira (9), o Alviverde informou que Jaylen Brown foi incluído no protocolo de concussão, será monitorado de perto nos próximos dias e não tem previsão de retorno às quadras.

Sem Jaylen Brown, o técnico Brad Stevens deve promover a entrada do armador Marcus Smart no perímetro titular do Boston Celtics, ao lado de Kyrie Irving. Vice-líder da Conferência Leste, com 46 vitórias em 66 partidas, o time verde e branco de Massachusetts volta a jogar na noite deste domingo (11), às 20h30, contra o Indiana Pacers. A partida será disputada no TD Garden e terá transmissão do SporTV para todo o Brasil.

Gustavo Arruda
Gustavo Arruda
Gustavo, 26 anos, é maranhense de São Luís, estudante de Jornalismo e repórter esportivo do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011. Nas horas vagas, é goleiro, armador, consumidor de danone, tio do João Gabriel e dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

3 Comentários

  1. Publicidade

  2. Renato disse:

    Foi assustador. Fiquei em choque na hora da queda, pq podia ter tido lesão na coluna, ainda bem que aparentemente foi apenas um susto.

    3

    0
  3. VINICIUS DELLANO disse:

    Por mim ao botava ele de volta nos últimos cinco jogos. Só pra ritmo de jogo prós playoffs. E esperemos que ele melhore nos próximos dias. Smart ou até rozier o substituirá a altura.

    0

    0
  4. Fernando Silva disse:

    A queda foi feia mesmo. A forma como caiu impressionou. Ainda bem que é jovem e flexível.

    0

    0

Deixe um comentário