Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Celtics 82 x 97 Pacers

Jogando em seus domínios, com apoio total da torcida e contando com um Jordan Crawford inspiradíssimo, tudo levava a crer que Boston quebraria a sequência de derrotas. Porém, contando com um segundo tempo de partida excelente em contrapartida a um péssimo 2° tempo de Boston, o Pacers segue firme e forte na disputa pelo título da NBA.

Para o Celtics, basta agora reerguer a cabeça depois de mais uma derrota em um jogo onde o time estava com grande chances de vitória. A partida da “redenção” poderá ser a de Sábado, dia 23 às 22:30hrs, na Philips Arena contra o time do Atlanta Hawks, outro time que vem bem no campeonato e tem uma campanha com 8 vitórias e 5 derrotas.

O time do Celtics começou com tudo e com uma marcação forte e bom aproveitamento em arremessos de quadra (65%) ganhou o 1° Período por 25 x 22, com bela atuação de Crawford, que até o momento estava com 100% de aproveitamento em arremessos (5-5). No Q2, o time seguiu se portando bem defensivamente e manteve a diferença sempre em torno de 5 pontos, com boa atuação de Jeff Green que aparecia naquele momento para a partida como um jogador que poderia decidir o jogo ao seu favor .

No final do 2° Período ocorreu talvez o lance que tenha determinado o futuro da partida, pois numa jogada até “despretensiosa” um choque entre Kelly Olynyk e Luis Scola acabou lesionando o jogador celta que torceu o tornozelo e não retornou para a partida. Para o lugar do Olynyk, Brad Stevens surpreendeu e escalou Kris Humphries, jogador que vem atuando pouco e não têm o entrosamento “ideal” com o quinteto titular de Boston. Com uma bola de 3 do meio da quadra do Crawford, Boston ainda foi para o vestiário com o placar de 50 x 42.

Com a volta do intervalo, parece que aquele time vencedor que ganhou 4 seguidas e bateu o Miami Heat fora de casa, ficou no vestiário, o que se viu foi um “Show de Horrores” Celta, um time sem marcação, com um garrafão totalmente aberto e Kris Humphries perdido em quadra. Com isso, aparece para o jogo a figura de Paul George, ele que até então tinha apenas 5 pontos e vinha sendo muito bem marcado pelo Jeff Green, passa a ter bom desempenho em quadra, o que terminaria num total de 27 pontos para ele.

Brad Stevens fez algumas trocas, tentou colocar Vitor Faverani, Brandom Bass, Phill Pressey, mas de nada adiantou, nenhum de seus jogadores renderam o esperado e o time terminou o 3° Período perdendo por incríveis 25 x 8.

No último período o time continuou perdido e atuando muito mal novamente na defesa sofreu para parar o ataque do Indiana que ganhou o período por 30 x 24 e consequentemente o jogo por 97 x 82, melhor para o lider da NBA, que agora está com 11 vitórias em 13 jogos num aproveitamento total de 91,7 %. Já Boston segue sua maré ruim e já tem a 6ª derrota consecutiva, ligando novamente o sinal de alerta caso o time ainda sonhe com uma classificação para os Playoffs…

Destaques do Celtics

Jordan Crawford (24 pontos e quatro assistências)

Jared Sullinger (13 pontos e 5 rebotes)

Jeff Green (20 pontos e 2 rebotes)

 

Destaques do Pacers

Lance Stephenson (10 pontos, 11 rebotes e 10 assistências / triplo-duplo)

Paul George (27 pontos e 3 rebotes)

Luis Scola (17 pontos e 4 rebotes)

Author avatar
Redação Celtics Brasil

10 comentários

  1. Shandyego Nunes

    Os dois primeiros quartos foi muito bom, jogando contra a grande sensação Indiana, mas o terceiro quarto foi horrível, 8 pontos só..Mas em si, eu gosto da forma que a equipe está jogando…vejo potencial…

  2. Everton Paiva

    Acho que eles mostraram que poderiam ganhar o jogo mas no intervalo alguém “GM” falou beleza galera já mostramos nosso potencial agora vamos focar no projeto draft 2014. Só pode ter sido isso, rsrsrsrs

  3. Fernando Nakashook

    Foi o que eu falei, o fator decisivo foi novamente o 3º quarto, tanto para o Celtics como para o Pacers.
    O estilo de jogo do Pacers até aqui foi reservar energia para o dois últimos quartos de jogo, e por isso vem sendo tão eficiente.
    O nosso time carece de uma liderança para manter o pé no chão, e melhorar a consistência após o intervalo.
    Quando Rondo voltar, isso deve melhor, ou até acabar sendo mais positivo.

  4. Pedro

    Temos bons jogadores, mas com certeza esse time não é pra essa temporada

  5. drakes

    O time precisa começar a jogar melhor até para valorizar os seus jogadores para trocar, a janela de fevereiro está aí, as contusões ocorrendo, e as necessidades aparecendo.

  6. prometheu

    8 pontos no 3° quarto…… eunãoentendo…..

  7. […] 2013/2014 da NBA, o Boston Celtics já tem que lidar com uma baixa significativa em seu elenco. Na derrota em casa contra o Indiana Pacers, na última sexta-feira (22), o ala-pivô Kelly Olynyk levou a pior na disputa de um rebote com o […]

  8. […] das partidas do Boston Celtics desde a partida contra o Indiana Pacers no último dia 22 de novembro, quando sofreu uma torção no tornozelo direito em uma lance no garrafão ofensivo com o argentino […]

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.