Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Prévia – Boston Celtics (43-22) x Portland Trail Blazers (30-37)

Depois de uma dolorida derrota em um jogaço de tirar o fôlego contra o Milwaukee Bucks, o Boston Celtics volta a jogar pela temporada 2019/2020 da NBA na tarde deste domingo (2), diante do Portland Trail Blazers. Enquanto o time verde e branco de Massachusetts quer se recuperar do tropeço para o Bucks, conquistar o primeiro triunfo na “bolha” do Walt Disney World Resort e defender sua posição na Conferência Leste, a franquia de Oregon quer se manter viva na luta pela classificação para os playoffs da Conferência Oeste. Celtics e Blazers se enfrentam a partir das 16h30 (horário de Brasília), na The Arena.

Cada vez mais distante do vice-líder Toronto Raptors, o Boston Celtics luta agora para defender o terceiro lugar na Conferência Leste e recuperar seus jogadores para a disputa dos playoffs, tanto na questão física, quanto na questão técnica. No momento, o time verde e branco tem 1.5 jogo de vantagem para o quarto colocado Miami Heat. Diante do Trail Blazers, além de voltar a vencer na temporada, o Celtics quer convencer a torcida de que está no caminho certo para fazer boas apresentações na fase decisiva da competição.

Mais uma vez, o técnico Brad Stevens contará com todos os jogadores do Boston Celtics à disposição diante do Portland Trail Blazers, mas ainda tem uma dúvida sobre o armador Kemba Walker, que teve minutos reduzidos contra o Milwaukee Bucks por ainda estar em fase de fortalecimento do joelho esquerdo. Caso Walker não possa atuar por muito tempo, Boston terá que aumentar os minutos de Marcus Smart e Brad Wanamaker na posição 1. O Celtics também vive a expectativa pelo “despertar” de Jayson Tatum, que anotou apenas cinco pontos em 32 minutos diante do Bucks.

O Portland Trail Blazers, por sua vez, chega ao duelo contra o Boston Celtics animado pela grande vitória sobre o Memphis Grizzlies, em confronto direto pelo G8 da Conferência Oeste. A franquia de Oregon sabe que a missão não é das mais fáceis, já que restam apenas sete partidas e a distância para o Grizzlies é de 2.5 jogos, mas o time treinado por Terry Stotts aposta as suas fichas em uma artilharia pesada: além da forte dupla de perímetro formada por Damian Lillard e CJ McCollum, o Blazers conta com o veterano ala Carmelo Anthony para dificultar a vida do Celtics.

FICHA TÉCNICA

Local: The Arena (Orlando, FL)

Horário (de Brasília): 16h30

Transmissão: NBA League Pass

BOSTON CELTICS: Kemba Walker, Jaylen Brown, Gordon Hayward, Jayson Tatum e Daniel Theis. Treinador: Brad Stevens

PORTLAND TRAIL BLAZERS: Damian Lillard, CJ McCollum, Carmelo Anthony, Zach Collins e Jusuf Nurkic. Treinador: Terry Stotts

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

8 comentários

  1. PHABIO PASSSOS

    Bem vamos pro jogo,,,,,mudando assunto um pouco aquela derrota do menphis contra portland foi bom pra nos, e hj eles jogam com spurs , essa derrotas sao boas pra ter uma escolha melhor no draft,,,,

  2. Marcos

    A única coisa boa desse ano é que vai acabar.
    Por mim, ficava só Tatum por potencial.

    Aba verdes,

  3. PHABIO PASSSOS

    NOSSA QUASE ENTREGAMOS O JOGO GANHO, ACORDA CELTICS…
    MUDANDO DE ASSUNTO ESSA DERROTA DO MENPHIS CONTRA PORTLAND E ESTA PERDENDO O SPURS…..ESSAS DERRIOTAS DO MENPHIS E BOM PRA NOS PARA TER UMA ESCOLHA MELHOR NO DRFAT ESSE ANO

  4. Fernando Silva

    Boa partida de todos os titulares. Devagar vamos recuperar o ritmo.

  5. Lucas Soares Jardim

    Limitação de tempo em quadra do Kemba tá dificultando muito as coisas, se não fosse a arbitragem + péssima atuação do Tatum contra o Bucks, estaríamos 2-0 na bolha. Sobre hoje, como sempre, o Celtics fazendo um terceiro quarto horrível e quase entregando, se acontecer esses apagões nos playoffs, teremos muitos problemas.

  6. Sandro

    Sejamos realistas, esse time é inconstante demais, assim como nosso projeto de craque, que ainda vai evoluir muito, mas ainda é um projeto. Essas matérias do site de que o time vai chegar nas finais da conferência ou até na final da nba são bem escritas e tal, mas não vão acontecer…estão iludindo o torcedor que se empolga e acaba acreditando. Queria queimar a língua, mas duvido.Um técnico que espera perder uma vantagem de mais de 20 pontos pra pedir um tempo…seloco!
    Vamos continuar torcendo…Lets Go Celtics!!

  7. r2

    Esses cochilos do 3o quarto são sofridos demais mesmo! Acho o time razoável, mas o banco é de doer os olhos…
    Agora definitivamente as novas regras relacionadas a defesa ter tornado o jogo muito menos pegado e divertido de ver… a pontuação cresceu, mas a graça diminuiu muito!

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *