Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Afinal, quantas e quais escolhas de draft Boston tem para o futuro?

ATUALIZADO EM 20/02/2015

Com tantas trocas efetuadas nas últimas temporadas, em que todas elas envolveram muitas escolhas futuras de draft, o torcedor do Celtics dificilmente tem o conhecimento sobre todas as escolhas que a franquia tem para o futuro. Nem quais são protegidas. Nem como são protegidas. Muito menos quais escolhas o Celtics perdeu.

Por causa dessas constantes dúvidas do torcedor do Celtics quanto a suas escolhas, listaremos a seguir todas as escolhas de draft negociadas pelo Celtics para os próximos 4 drafts. Primeiramente, serão listadas as escolhas adquiridas e após as escolhas negociadas, ordenadas por ano. Além disso, citaremos as escolhas protegidas, descrevendo sua proteção e o resultado de tal.

Dito isto, vamos à lista de escolhas.

Escolhas Adquiridas

Legenda: Escolhas Próprias / Escolhas garantidas Escolhas protegidas / Escolha com direito de troca

2015
Rodada Equipe Proteção Descrição / Resultado de Proteção
Boston Celtics
Não há
Boston Celtics
31-55 Se a proteção permitir, a escolha vai para o Cleveland Cavaliers. Caso contrário, continua em Boston e a obrigação do Celtics se extingue.
Los Angeles Clippers
Não há
Philadelphia 76ers Posições 1-14 2 escolhas de 2ª rodada desprotegidas em 2015 e 2016.
Dallas Mavericks
Posições 1-3 e 15-30 Escolha de 1ª rodada protegida nas posições 1-7 em 2016, 2017, 2018, 2019 e 2020. Se até 2020 a proteção não permitir a cessão da escolha, Boston fica com 2 escolhas de 2ª rodada desprotegidas em 2021 e 2022.
Minnesota Timberwolves Posições 1-12 Escolha de 1ª rodada protegida nas posições 1-12 em 2016. Se até 2016 a proteção não permitir a cessão da escolha, Boston fica com 2 escolhas de 2ª rodada desprotegidas em 2016 e 2017.
Washington Wizards
Posições 31-49 Nada. Obrigação de Washington se extingue.

 

2016
Rodada Equipe Proteção Descrição / Resultado da Proteção
Boston Celtics
Não há
Brooklyn Nets
Não há
Cleveland Cavaliers
Não há
Miami Heat
Não há
Dallas Mavericks
Não há Boston recebe a escolha mais favorável entre esta escolha de Dallas e a escolha de 2ª rodada do Memphis Grizzlies. O Dallas Mavericks fica com a menos favorável delas.

 

2017
Rodada Equipe Proteção Descrição / Resultado da Proteção
Boston Celtics
Não há
Boston Celtics
Não há
Cleveland Cavaliers
Não há
Los Angeles Clippers
Não há
Memphis Grizzlies Posições 1-10 Escolha de 1ª rodada protegida nas posições 1-12 em 2018, 1-8 em 2019 e 1-6 em 2020. Se até 2020 a proteção não permitir a cessão da escolha, Boston fica com 1 escolha de 1ª rodada desprotegida em 2021.
Brooklyn Nets
Não há Boston tem o direito de trocar sua escolha de 1ª rodada com a do Brooklyn Nets.
Caso exerça essa opção de troca, Boston deve enviar sua escolha de 2ª rodada de 2017 para o Brooklyn Nets, com proteção nas posições 31-45. Se a proteção não permitir a cessão da escolha, a obrigação de Boston se extingue.

 

2018
Rodada Equipe Proteção Descrição / Resultado da Proteção
Boston Celtics
Não há
Boston Celtics
Não há
Brooklyn Nets
Não há

Escolhas Cedidas

Legenda: Escolhas protegidas / Escolha com direito de troca

2015
Rodada Equipe Proteção Descrição / Resultado de Proteção
Cleveland Cavaliers
Posições 31-55 Nada. Obrigação de Boston se extingue.

 

2016
Rodada Equipe Proteção Descrição / Resultado da Proteção
Utah Jazz / Memphis Grizzlies
Não há Utah Jazz recebe a escolha mais favorável entre esta escolha de Boston e a escolha de 2ª rodada do Toronto Raptors. O Memphis Grizzlies recebe a menos favorável delas.

Para informações mais aprofundadas, segue o link da fonte utilizada: http://basketball.realgm.com/nba/draft/future_drafts/detailed.

Espero ter conseguido solucionar algumas dúvidas quanto às escolhas futuras e que esta grande lista de escolhas adquiridas possam ter esclarecido o futuro que nos reserva. Resta saber se estas escolhas serão bem utilizadas para torná-las em um futuro promissor. E resta ao torcedor ter muita paciência, pois trata-se de um profundo processo de reconstrução arquitetado por Danny Ainge.

E aí leitor, com tantas escolhas futuras na mão, o que Danny Ainge pode arquitetar para construir um futuro mais próspero para a franquia?

Author avatar
Fábio Malet
Gaúcho de Porto Alegre, bacharel em Ciência da Computação e engenheiro de softwares sênior. Apaixonado por esportes, tem o jornalismo como um hobby e pretende, futuramente, fazer pós-graduação na área. Acompanha NBA desde o começo de 2007 e, pé-quente, viu seu Boston Celtics ser campeão na primeira temporada inteira a que assistiu. Torce também para Grêmio, Tottenham Hotspur, Boston Red Sox e Green Bay Packers.

9 comentários

  1. Fernandinho

    Rumores de trade do Green tbm por picks….
    Acho que é juntar um monte pra trocar por uma mais alta.
    Essas 2 de primeira rodada dos Nets sem proteção pode vim coisa boa em….
    Gosto dessa forma do Ainge de colecionar picks. Um celta em posts passados comentou do Red que fazia a mesma coisa e assim faziamos boas campanhas mas sempre com boas picks em draft, com isso tivemos bons times em 50,60,70,80 e teriamos em 90 se não fosse o destino.
    Bom espero que a nossa fique top10, gostaria muito de ter o Willie Cauley-Stein em boston. E vamos deixar o Smart e o Young jogar pô…….
    Hoje tem jogo 9h.

  2. Fernandinho

    Em 2016 teremos 4 de primeiro roud é isso mesmo??
    A nossa, dos Nets, dos Cavaliers e do Dallas.

    • Carambola

      Teríamos 4 escolhas de primeiro round. Mas por causa das proteções a pick dos Sixers vai se tornar de segundo round e a do Mavs vai ser adiada para um próximo draft. Teremos a nossa e a do Clippers, que se fossem hoje seriam posições altas. Tem que juntar um monte e trocar por uma top.

  3. Renato

    E justamente por essa infinidade de Ativos adquiridos e pela habilidade do Ainge em draftar bons jogadores, que tenho a certeza de estarmos no caminho certo.

    No Brasil a gente se acostuma a conseguir resultados no improviso, sem planejamento, mas na NBA e bem diferente, voce deixa de brigar por titulos durante um periodo para planejar e fazer uma decada de glorias.

    Nossa flexibilidade se torna absurda com todas essas escolhas e aliado a isso temos grandes talentos jovens e espaco CAP.

    E duro separar o sentimento da razao, mas estamos no caminho certo para brigar por titulos em breve.

    O Grande exemplo de time montado sem coerencia e o Nets, que gastou muito, negociou praticamente todas as suas escolhas e agora esta expondo seus atletas como culpados pelos erros da administracao.

    O Ainge pode der defeitos como qualquer GM, mas ele valoriza seus atletas, tanto e que sempre os coloca em equipes competitivas, para nao prejudicar a carreira dos mesmos.

    Tenho certeza que isso gera uma contrapartida de respeito dos jogadores e GMs rivais.

    Como ja disse em outros post, vamos confiar no trabalho do Ainge ate 2017-2018, acredito que sera nesse periodo que a reconstrucao estara completa, se apos esta data ainda nao formos contender, ai sera a hora de critica-lo e pensar em outro caminho para franquia.

  4. Scal

    É aí q mora o meu medo, se essas picks não derem certo, seja por questão de loteria ou por flop mesmo, a rebuild pra mim deixa de ser rebuild, estaremos na merda como foi na década de 90.

    Se não saírem uns 3 all stars daí, pode ficar muito complicado. É um risco q o Ainge está assumindo, mas q se der certo estaremos muito bem daqui a uns 3 anos.

  5. Renato

    Scal,

    Nao tem como da errado, pq temos muito espaco CAP e ja temos muitos talentos jovens que com certeza ira dar frutos.

    Smart, Bradley, Young, Olynyk, Sullinger, Zeller sao 6 jogadores jovens e talentosos, e em ultimo caso digamos que de tudo errado, vamos a agencia livre e buscamos 2 grandes jogadores para esse nucleo, mas e tanta escolha que e IMPOSSIVEL, nao sair um grande jogador do Draft.

  6. Raul toledo

    Acredito muito na estrategia de Ainge. Sullinger, Bradley e Olynik sao escolhas recentes de posições altas. Para um rebuild estamos bastante avancados ao meu ver. Temos CAP e excecao salarial para contratar 2 all star ao final da temporada 2014 – 2015 e varias picks.

    Comparando com NY e LA temos muito mais talentos jovens que podem vir a se tornar all stars e nossa rebuild nao está sendo feita com um all star com mais 3 anos para se aposentar ou um fominha como Melo, que ao meu ver nao tem o espirito de impulsionar os jovens talentos.

  7. Rondonildo

    Picks de primeira rodada:
    2014 => 2
    2015 => 2
    2016 => 4
    2017 => 1 (Com 2 escolhas ficando com a + alta)
    2018 => 2
    É só saber draftar
    Sem contratos do Rondo, Wallace, Bass, Green….
    teremos muito espaço no cap para trazer bons jogadores na FA..
    A competência do Ainge será posta à prova nesses próximos anos. É esperar.

  8. Caboclo

    Eu acompanho a NBA faz poucos anos e não consigo entender esse negócio de proteção de pick. E como parece que as proximas picks serão o futuro do Celtics, pelo memos nos próximos anos, gostaria de entender, se der pra alguem explica ai agredeço.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *