Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Boston Celtics contrata três jogadores para treinos e amistosos de pré-temporada

Faltando menos de uma semana para o início da pré-temporada da NBA, o Boston Celtics confirmou três contratações para os jogos amistosos. Depois de anunciar o acerto com o ala Andrew White, o time verde e branco de Massachusetts fechou com os alas-armadores L. J. Peak e Daniel Dixon, que não foram selecionados no NBA Draft 2017.

Andrew White, de 24 anos, defendeu Syracuse Orange em sua última temporada no basquete universitário, e teve médias de 18,5 pontos e 4,6 rebotes em 37,2 minutos. Sem conseguir contrato no Draft, White disputou a NBA Summer League pelo Cleveland Cavaliers.

Mais jovem atleta do trio de reforços celtas, L. J. Peak tem 21 anos e jogou três temporadas da NCAA pelo Georgetown Hoyas. Em sua última temporada como universitário, Peak disputou 30 partidas, com médias de 16,3 pontos e 3,8 rebotes em 32,8 minutos. O ala-armador tem em seu currículo um título mundial sub-19 pela seleção dos Estados Unidos.

Daniel Dixon, por sua vez, tem 23 anos e tenta a sorte na NBA depois de quatro anos a serviço de William & Mary Tribe. Na temporada 2016/2017 da NCAA, Dixon disputou 30 duelos, com médias de 19,2 pontos e 4,7 rebotes em 29,5 minutos.

White, Peak e Dixon participarão dos treinamentos celtas até o início da temporada regular e ganhar alguns minutos de ação, mas dificilmente serão aproveitados por Boston. Mesmo faltando uma vaga para preencher o elenco, o Celtics quer contratar alguém mais experiente, e o destino do trio de reforços deve ser o Maine Red Claws, afiliado celta na Liga de Desenvolvimento da NBA (NBAGL).

Confira como está o elenco do Boston Celtics para a temporada 2017/2018:

Armadores: Kyrie Irving, Marcus Smart, Terry Rozier e Shane Larkin

Alas-armadores: Jabari Bird*, Kadeem Allen*, L. J. Peak** e Daniel Dixon**

Alas: Gordon Hayward, Jaylen Brown, Jayson Tatum, Abdel Nader, Semi Ojeleye e Andrew White**

Alas-pivôs: Marcus Morris, Daniel Theis e Guerschon Yabusele

Pivôs: Al Horford e Aron Baynes

(* – contratos bidimensionais)

(** – contratos de pré-temporada)

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

9 comentários

  1. Sander

    Alguma chance de steal??

  2. Leonardo Pereira

    Só quero ver o Ojeleye “The Terminator” jogando na 4 vindo do banco. O cara é uma patrola atlética, um Weestbrook versão ala.

  3. Sei lá, vendo o rol de jogadores parece que falta algo!!!! Será que não estamos confiando demais nos novatos?

    Só eu estou pensando assim?

    • Leandro silva

      Penso a mesma coisa,creio em um excelente campeonato para o Cs,porém para passar do Cavs ou ser campeão,falta muito ainda pra nóis.Acho que o Boston tem que trazer homens mais cascudos para esse elenco e até pagar taxa de luxo ( acho o momento oportuno ) pra poder ter chances reais de titulos.

      • Digor33

        Então, vendo as movimentações dos outros times tenho a sensação de que o nosso momento não será agora, mas daqui uns 2 anos.

        Tem franquia que montou um quadro de jogadores bem interessante, vai ser um campeonato bem duro, principalmente no oeste, como sempre.

    • Penso o mesmo. E olha esse garrafão como está fraco. Al Horford vive se machucando, e sinceramente nunca achei ele um pivô de verdade, em minha opinião o único pivô do elenco é Aron Baynes, e ele sempre foi meio fraco. Estamos confiando muito em garotos e a distribuição por posições está muito estranha, são muitos alas e poucos jogadores de garrafão, foi assim que passamos mal na mão de (pasme) Robin Lopez nas primeiras partidas dos playoffs passado.

  4. Samucarj

    Estou confiante, o time é melhor tecnicamente isso é fato!

    Temos um time onde todos podem matar bolas, onde não vamos depender de apenas um jogador. Temos uma segunda unidade também tecnicamente muito boa.

    O Cavs é time pra mais um ano só, depois vai cada um para um lado.

    Como disse a base é boa, temos opções vai Draft e provavelmente D. Ainge vai buscar uma troca no meio da Temporada.

    Perdemos bons defensores isso é verdade, eu prefiro um grande jogador que resolva os jogos do que um grande marcador que não saiba o que fazer com a bola.

  5. joao salomao

    O AINGE VAI ATRAS DO A.DAVIS, A DUPLA COM COUSINS NÃO VAI DAR CERTO, O LAKERS VAI SE SAIR MAL E A PICK QUE NÓS TEMOS DELES VAI VALER MUITO!
    HORFORD MAIS PICK LAKERS MAIS UMAS JUJUBAS PELO DAVIS…É CAMPEÃO!!!!

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.