Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Em rede social, Vitor Faverani anuncia retorno a Boston

Xodó dos torcedores do Boston Celtics na última temporada, o pivô brasileiro Vitor Faverani deu boas notícias aos fãs na última quarta-feira (11): através do Instagram, o camisa 38 postou uma foto de sua escala na Cidade do Panamá e seu retorno a Boston. Já na capital de Massachusetts, o brasileiro comemorou a sua volta: ‘lar, doce lar’. Se não for negociado durante a pré-temporada, o brasileiro irá para a sua segunda temporada com a camisa mais vitoriosa do basquete mundial.

Contratado junto ao espanhol Valencia, Vitor Faverani se destacou em suas primeiras atuações pelo Celtics e chegou a ser titular na rotação do técnico Brad Stevens, mas acabou tendo seus minutos reduzidos, o que culminou na sua transferência temporária ao Maine Red Claws, franquia afiliada do Alviverde na Liga de Desenvolvimento da NBA (D-League). Depois da boa passagem por Maine, o brasileiro foi convocado por Stevens para compor o elenco, mas uma lesão no menisco do joelho esquerdo afastou Faverani do resto da temporada. Em 37 jogos, Vitor teve médias de 4,4 pontos, 3,5 rebotes e 0,7 tocos em pouco mais de 13 minutos por partida.

De volta a Boston, Faverani ainda não sabe se volta a defender o Celtics em uma temporada regular, mas sua presença está praticamente confirmada na NBA Summer League de Orlando, que será realizada no mês de julho. A expectativa é que o brasileiro componha o time ao lado de Phil Pressey, Chris Babb e Kelly Olynyk, além dos reforços do NBA Draft e alguns atletas convidados pela gerência. A estreia do Alviverde será no dia 5 de julho, contra o Miami Heat.

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

33 comentários

  1. rafael taborda

    acho que, infelizmente, vai engrossar alguma troca…

  2. Tiago Coelho

    Tem nada de xodó

  3. Vinicius Simões Bravo

    O ruim é que ele retornou. Mas o bom pode ser que ele seja envolvido em alguma troca.

    O Gustavo Ayón é melhor que ele.

  4. Augusto

    xodó? seloko ai pego pesado kkkk

  5. Jota

    Eu acho que o Bradley não ficará, cara. Ele é um ativo para trocas, assim como Green e Sullinger. E eu não quero o Love, não, justamente por ser o pior deles para negociação, porque nos levará muitos ativos, que impossibilitará de trazer outros jogadores.

    Meu time dos sonhos e muito mais possível, ainda que eu não goste muito do Carmelo, mas ele é amigo pessoa e de longuissima data do Rondo:

    Rondo – Stephenson – Carmelo – Aaron Gordon – Monroe

    Usando o Sullinger, 17# 2014, picks de 2015 e 16, exceção,, Green, Bradley, Wallace, Bogans, Humphries, Faverani, Bayless e etc. Temos MUITOS ativos, e muitas possibilidades para fazer trocas e agradar a deus e o mundo.

    Se pedirem muito pelo Carmelo (O que não faz sentido, já que ele é irrestrito), que se investe no Gordon Hayward, que é um bom jogador. E se pedirem muito pelo Monroe, que tragam o Gortat, que tá forçando a vinda mesmo (Retuetou uma montagem dele com a camisa do Celtics ontem, se não me engano).

    Trocas perfeitamente possível. A única mais difícil de se fazer aí é a do Monroe, mas vale à pena um esforço, porque esse cara será dominante demais. Agora imagina um garrafão com Gordon e Monroe daqui há 2 anos, no máximo. Vai ser igual ou melhor que Griffin/Jordan dos Clippers.

    Nosso Big 3 inicialmente Rondo/Carmelo/Monroe, pode ser um big 5 com Stephenson e Gordon evoluindo em 2 anos. Será um time contender MUITO fácil.

    O que acham?

    • Fernando Nakashook

      É uma boa, apesar de eu não gostar da ideia do Aaron Gordon como PF, preferia deixar ele jogar como SF apesar de não ter lá um bom aproveitamento de arremessos… Mas isso se trabalha com o tempo, o AB conseguiu.

      Acho que o Gordon vindo do banco com o Olynyk seria o ideal, já que um completa o outro; Gordon carece de versatilidade ofensiva e Olynyk de intensidade defensiva.

      • Jota

        Em qualquer outro cenário eu também prefiro o Gordon na 3, sem dúvida. Encaixei ele na 4 justamente por causa do Carmelo. E por pensar que com um C que marca bem e pontua bem, seria uma boa dupla.

        Mesmo com todos os rumores e trades, não imagino o Celtics trocando a pick6#, em nenhum dos casos.

        • luiz eduardo

          eu acho que com esse time, boston ficaria parecido com o NY, dependente quase que totalmente do carmelo, e eu não gosto nada disso, por isso que eu prefiro trazer o love e o deng, pra seria o perfeito, e claro que trazer monroe ou gortat

          • Jota

            O Love precisaria de MUITOS mais ativos que qualquer outro jogador, e isso inclui sacrificar nossos jovens valores e futuros jogadores d’um draft extremamente valioso, o que nos tiraria um pouco de poder de fogo para completar o time.

          • Rafael Turin

            Gostei muito da tua ideia de time! só não gostei do Stephenson pq é um mala, vendo a sua ideia de time adaptei as minhas;
            1- RONDO-STAUKAS-CARMELO-SULLY-MONROE
            2-RONDO-BRADLEY-CARMELO-RANDLE-MONROE
            3-RONDO-EXUM-CARMELO-SULLINGER-MONROE
            4- RONDO-BRADLEY-CARMELO-VONLEH-MONROE
            Qual dessas vc mais gostou?E vc acha que o Monroe pode evoluir defensivamente?

  6. Jota

    Olha os números dele de 13 minutos de quadra. Com mais tempo ele terá média de double-double fácil. Mitou demais na D-League, e é “novo” ainda.

    Se ficar para a rotação pode ajudar muito. Só depende do contrato.

  7. Marco

    Foi estranho ele vinha bem e do nada saiu , é um ótimo pivô pro banco sim.

  8. drakes

    Ele pegou um momento ruim do celtics em termos de acertos, o time errava muito, marcava mal etc, sacrificou-se ele que teve bons jogos para resolve-los através de um jogador melhor ofensivamente.

    Quando muda-se tudo com a volta a troca, volta do Rondo etc, não se deu tempo para ele para continuar evoluindo o Olynyk.

    Ele precisa melhorar a velocidade lateral, ele é o tipo do jogador que jogou na Europa, isso leva também a ter uma visão diferente em termos de passe, ele não tenta resolver primariamente, a ideia é passar para melhor colocado, agora um time com AB e Green, mesmo o Bass, não é assim um time que saída rodar a bola.

    Mas, não adianta trocar um jogador assim por um rookie para começar tudo de novo, paciência com novos jogadores é uma virtude vide o Spurs.

  9. Jean

    Jogou bem quando chegou mas acabou caindo de rendimento, vamos ver o que acontece né…

    Galera uma pergunta sem ter muito a ver com novidades celtas, vi rumores que o Heat/Investidores estão pensando em levar o Carmelo pra miami pra formar um Big4, como isso é possíve? Como é possível ter Lebron, Wade, Bosh e Melo em 1 só time? E o Cap? Além disso ainda tem Ray e outros com altos salários, não consigo entender isso. Valeuu e desculpe a pergunta, só queria entender mesmo!!

    • Jota

      Ele teve uma lesão, e quando voltou foi mandado para a D-League, se não me engano. Faverani começou muito bem, e não me surpreenderia que ele tenha sido mandado para a D-League para não atrapalhar o “tank”.

      Quanto ao Carmelo, acho impossível isso acontecer. Os 3 que já estão lá, teriam que ter seus contratos cortados pela metade. Cada um teria que ter um contratado de 10milhões, por exemplo, par se encaixarem no CAP.

      Carmelo hoje em dia recebe 22milhões, LeBron 18milhões, Wade 19milhões e Bosh 18milhões.

      Quais são as chances deles aceitarem receber 10milhões para se encaixarem num mesmo time? Ninguém é maluco de rasgar dinheiro, ainda. Nesse caso é muito mais fácil o LeBron ir para NY, o que não me surpreenderia.

      • Jean

        Pois é! Por isso eu achei estranho, estão falando muito disso lá fora. Valeu a resposta ae Jota. o/

      • rafael taborda

        Estrelas da NBA já tem dinheiro demais… e nessas horas o que vale mesmo é a AMIZADE e OS TÍTULOS…

        • luiz eduardo

          será que a NBA vai permitir essa negociação ? kkk, quanto ao carmelo, eu tenha uma pergunta, se ele é free-agent, outro time precisa oferecer outra coisa por ele ?! não né ?! é só ele querer sair, certo ?!

          • rafael taborda

            Não sei se permitira cara… acho que se ele for irrestrito sai e o Knicks não ganha nada!

          • sebas

            Luiz,não precisa oferecer nada por ele além do contrato.

            O máximo que pode acontecer é em caso de alguma equipe que não tenha espaço no Cap pra contratar ele,mas ele tope jogar lá,renovar com a equipe atual(que pode oferecer um contrato muito maior) e em seguida ser trocado.É chamado de sign-and-trade.

            É uma forma de aumentar seu “leque de alternativas” já que ele não ficaria apenas com as poucas equipes abaixo do teto salarial como opção pra jogar,bem como a equipe atual não sai de mãos abanando.

            Mas é um movimento complicado,não lembro de cabeça a última vez que ocorreu.

  10. Walisson

    Eu ainda acho que perdemos uma ótima oportunidade de usar este ano de tank para ter desenvolvido o Faverani. No mínimo, teríamos um bom pivô reserva neste momento.

  11. Raphael

    eu acharia bem mais interessante o Carmelo que o Love mas até agora não vejo nenhuma materia falando sobre isso seria magico Rondo e Carmelo no celtics e seriamos protagonistas na proxima temporada com certeza

  12. Rodrigo

    Meu time dos sonhos:
    Starters: Rondo – Leonard – Anthony – Randle – Monroe
    Bench: Pressey – Afflalo – Pierce – Bass- Faverani

  13. Thiago

    Boa noite povo!

    Carmelo estará livre para assinar com quem quiser?

    Monroe tb? Como são esses contratos?

    Abraço familia Celta!!

    • sebas

      Melo se quiser pode sair do atual contrato e testar o mercado pra assinar com quem quiser,desde que essa equipe tenha espaço no teto salarial pra acomodar o contrato desejado.

      Monroe pode assinar com qualquer equipe nos mesmos moldes mas com uma diferença essencial,qualquer acordo que ele fizer,o Pistons(time dele) pode igualar e manter o jogador.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *