Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Troca entre três equipes movimenta o elenco celta

Após ser um dos primeiros GMs a se movimentar na pré-temporada com a troca de Kemba, Stevens mostra mais uma vez que pretende fazer uma grande reformulação no elenco celta e inicia o dia pós Draft realizando diversas movimentações no mercado.

A troca entre Celtics, Hawks e Kings foi feita em duas partes separadas, para que o Celtics pudesse utilizar sua TPE adquirida na troca de Kanter, que venceria neste sábado, e com isso adquirir uma nova TPE de 9,2 milhões com o envio de Tristan para Sacramento.

Primeira movimentação:

Celtics envia TPE de 5 milhões (Kanter) e recebe Kris Dunn

Kris Dunn chegou ao Draft de 2016 com grande “hype”.  Sonho de consumo até então do Chicago Bulls, alguns jornalistas especulavam que seria a escolha do Celtics, que em seguida o trocaria com mais alguns ativos por Jimmy Butler.

Como sabemos, isso não aconteceu. O Celtics optou por escolher Jaylen Brown, e Dunn foi parar em Minessota, onde no ano seguinte seria finalmente trocado para o Bulls por Butler.

Armador muito veloz, atlético e de ótima defesa, Dunn acabou sofrendo com diversas lesões e nunca conseguiu se consolidar na NBA.

Segunda movimentação:

Celtics envia Tristan Thompson e recebe Bruno Fernando, pick de segundo round e TPE de 9,2 milhões

Ao fim da temporada, a pergunta nunca foi “se trocaríamos Tristan” e sim “para quem o trocaríamos”.

Recentemente vimos o Jazz tendo que abrir mão de uma pick de segundo round para conseguir se livrar do contrato de Favor, enquanto o Pistons teve que fazer o mesmo para se livrar de Plumlee, então é surpreendente ver que Stevens conseguiu não só evitar a perda de picks, como conseguir ativos interessantes.

Ainge deve estar feliz de ver essa movimentação de seu pupilo.

Resumo da troca

Celtics recebe: Kris Dunn, Bruno Fernando, escolha de segunda rodada de 2023 do Hawks e TPE de 9,2 milhões

Hawks recebe: Delon Wright

Kings recebe: Tristan Thompson

Avaliação da troca

O ativo menos importante aqui é o pivô angolano Bruno Fernando. Em uma franquia que já conta com Horford, RW e Moses Brown para o setor, é pouco provável que o atleta permaneça no elenco por muitos dias. Provavelmente será dispensado ou trocado.

Dunn embora ainda não tenha tido seus dias de glória na liga, pode render algo saindo do banco, principalmente contribuindo com defesa e velocidade de transição. Sua permanência na equipe, no entanto também é incerta.

Sua aquisição foi mais focada em gerar um ativo comercial para a TPE que estava prestes a vencer, e seu contrato expirante de 5 milhões pode ser utilizado em algum pacote por novas trocas nos próximos dias.

Já a TPE de 9,2 milhões é o grande atrativo da troca. Com a contratação de Josh Richardson pela TPE de 11 milhões de Hayward, a exceção comercial adquirida nesse negócio passa a ser uma das mais importantes formas do Celtics reforçar seu elenco nos próximos dias.

Author avatar
Daniel Emiliano
Daniel é publicitário, web designer e ilustrador residente em Campinas/SP. Em 2008 uniu paixão e profissão e deu vida a um Blog de notícias e opiniões sobre o Boston Celtics. Com ajuda de outros apaixonados o Blog foi tomando proporções inimagináveis e hoje é este Celtics Brasil, o maior site sobre uma equipe da NBA no Brasil.

8 comentários

  1. R2

    Achei importantíssima a saída do TT, com RW, Moses e AH não faria sentido tê-lo na rotação, principalmente ganhando o que ganha. Nos livrar de boa parte de seu salário e ainda conseguir essa TPE de 9mi foi perfeito.
    Dunn se ficar, no mínimo, pode colaborar vindo do banco e não compromete o cap para o ano que vem. Ainda acredito que vamos trazer alguém para a posição um, digo alguém, pois estou pessimista com relação a vinda de lonzo.

    Ainda penso que deveríamos trocar smart, é um ativo com valor e que dificilmente vamos conseguir renovar ano que vem.

  2. Os movimentos foram ótimos, seja pelas exceções, seja pela pick e gosto muito do Richardson… ainda mais num momento onde Fournier ficar seria incógnita pelo que outros oferecem…

    Acho que o resumo será atrair Lonzo, gostando ou não dele, pra fechar o quinteto. Trabalhar com Lonzo, Brown, Tatum, Horford e Moses/Williams. Variando com Smart, Fournier caso fique ou Richardson pelo que entendi. Trocaria Smart! Não serve pra ser o PG organizador e creio que não conseguiremos renovar, faria um combo bom com Smart, mais 1 ou 2 novatos e picks pra ver o que o mercado oferece! Eu faria e não é loucura, é calculado!!

    • Marcos

      Sinceramente, Josh é bem mais jogador que o Fournier, se tiver papel definido.
      E é mais atleta – Minha opinião.
      Não entendo a galera morrendo de amores pelo francês que é só ok.

      Agora, podemos deixar de focar preso na negociação do Fournier que quer ganhar muito é focar no resto da organização do time.

      Dá para arriscar com Smart, Payton e Dunn de armadores. O foco deve ser em arrumar um bom PF e se livrar do Gordinho Williams e Ojeleye na rotação desse time.

      Até agora:
      Smart-Brown-Tatum-Parker-Horford
      Dunn-Neismith-Fournier (ou outro FA)-Josh-Rob Williams

      Bom upgrade de banco e altura,

      Abs verdes,

      • Focaria em tentar manter Fournier pra se possível torná-lo um ativo pra somado à picks fazermos movimentos bem mais interessantes com Wizards talvez. Gostei muito dos movimentos e deixaria o time com Horford e Moses titular, além de tentar Smart ou Fournier numa trade pra um PG ou o Beal.

  3. Marcos Pastich

    Gostei dessas movimentações! Acho que já temos um time tão competitivo quanto o do ano passado e ainda teremos flexibilidade na próxima temporada pra trazer um All star ou pelo menos um bom jogador, dependendo das futuras movimentações e do desempenho da equipe. Ainda dá pra reforçar mais esse banco e vamos ver no que vai dar…

  4. Bruno Araujo

    Troca ótima para abrir espaço e tentar algo maior. Quero que o Dunn se mantenha no elenco, jogador de talento mas que nunca se firmou pelas lesões. Pode ficar saudável por aqui e ajudar o time.

  5. Jailtonsv

    Gostei. Pensei que seria mais complicado negociar o Thompson.

    Se o Dunn manter-se saudável pode fazer parte da rotação. Caso contrário, a TPE já está de bom tamanho

  6. Celso Cachali Jr

    Caraca entrei no site… e achei lindo de mais parabens!!! Sobre a negociação achei valida se livrar de Thompson, acredito que Dunn ainda pode ser um bom jogador na NBA. esteve lesionado boa parte na temporada que passou. gostei do movimento, Bruno Fernando é aquele cara forte que faz o trabalho sujo.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *