Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Prévia – Boston Celtics (19-14) x Miami Heat (10-23)

Conhecido em toda a NBA por ter uma torcida vibrante e dificilmente ser derrotado no TD Garden, mesmo em tempos de vacas magras, o Boston Celtics não contou muito com essa vantagem na temporada 2016/2017: nos 33 jogos que disputou até agora nesta edição da liga, o Alviverde atuou 20 vezes como visitante. Entretanto, a situação começa a mudar na noite desta sexta-feira (30), às 22h30 (horário de Brasília), quando o Celtics inicia, diante do Miami Heat, uma série de quatro partidas consecutivas como mandante na competição. Será o terceiro duelo entre Celtics e Heat na temporada: nos dois primeiros encontros, realizados em Miami, foram dois triunfos do time verde e branco.

Derrotado pelo Cleveland Cavaliers na quinta-feira (29), o Boston Celtics tenta virar a página em pouco tempo e já está focado no duelo contra o Miami Heat. Afinal de contas, com o tropeço na Quicken Loans Arena, o Alviverde permitiu a aproximação do Charlotte Hornets na briga pela terceira colocação da Conferência Leste. De volta a Boston, o Celtics quer aproveitar o apoio da torcida e a fragilidade do Heat para conquistar uma vitória, que evitaria a queda de posição nesta virada de ano.

Contra o Miami Heat, o técnico Brad Stevens terá seus principais atletas à disposição. O ala-armador Avery Bradley reclamou de dores no polegar esquerdo durante a partida contra o Cleveland Cavaliers, mas não deve ser problema para o jogo desta sexta-feira. O armador Demetrius Jackson e o ala-pivô Jordan Mickey, a serviço do Maine Red Claws na Liga de Desenvolvimento da NBA (D-League), não serão relacionados.

O Miami Heat, por sua vez, venceu apenas um dos sete últimos jogos que disputou e vem de três derrotas consecutivas, a última delas diante do Charlotte Hornets, nesta quinta-feira. Na 13ª e antepenúltima posição da Conferência Leste, a franquia da Flórida não tem muitas ambições e só deve beliscar uma vitória fora de casa se contar com uma noite inspirada de seus melhores atletas: o armador Goran Dragic e o pivô Hassan Whiteside.

Em sua nona temporada no comando do Miami Heat, o técnico Erik Spoelstra terá duas baixas para escalar a equipe em Boston: o ala-armador Dion Waiters, com problemas na coxa, e o ala-pivô Josh McRoberts, em recuperação de uma fratura no pé, estão entregues ao Departamento Médico. Josh Richardson deve atuar na posição 2, enquanto Luke Babbitt forma a dupla de garrafão com Whiteside.

FICHA TÉCNICA

Local: TD Garden (Boston, MA)

Horário (de Brasília): 22h30

Transmissão: NBA League Pass

BOSTON CELTICS: Isaiah Thomas, Avery Bradley, Jae Crowder, Amir Johnson e Al Horford. T: Brad Stevens

MIAMI HEAT: Goran Dragic, Josh Richardson, Justise Winslow, Luke Babbitt e Hassan Whiteside. T: Erik Spoelstra

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

17 comentários

  1. Renato

    Vitória fácil. Celtics 117 x 98 Heat

  2. Fernando C Silva

    Celtics 113 x Heat 98

  3. Maurício Green

    Celtics 111 x 96 Heat

  4. Soares Philipe

    Zizic fez o seu primeiro jogo na Euroleague.
    16 minutos,4 pontos (2-3 FG) e 6 rebotes.

  5. Rodney Oliveira

    Celtics 99 x 97 Heat

  6. Vamos fechar o ano com vitória Celtics 115 x 90 Heat

  7. Lucas Oliveira

    Bradley fora doente… Único Celta titular que participou de todos os jogos até agora. É uma perda, mas ele precisa descansar também e os calouros de mais tempo de quadra.

  8. Willian Stanley

    Rapaz o que que o IT está fazendo nesse 4/4. 20 pontos por enquanto, 7/11 de 3.

  9. Lucas Oliveira

    So passei aqui para dizer que eu nunca mais quero ouvir aquela baboseira de não franchise player enquanto Isaiah Thomas estiver jogando no Celtics.

    E vou fingir que não lembro a história de que ele devia ser banco.

  10. Francisco Machado

    Nossi six man on fire….
    Brincadeirinha……..

  11. Willian Stanley

    MEU DEUS 52 pontos, 29 PONTOS NO ÚLTIMO QUARTO. hOIASUHoaisuHOIAS

    Ele tava possuído hoje.

  12. Gustavo Miglioretti

    Como eu amo Isaiah Thomas pqp QUE HOMINHO DA PORRA!

    que Durant o que, temos nossa estrela e FP aqui

    só bateu o recorde da franquia de pontos num quarto. Só isso. Recorde em uma franquia de 70 anos e 17 títulos

    tomara que continuem duvidando dele… a Sports illustrated colocou ele em 42 eu acho, em jogadores da NBA, algo assim antes da temporada.. coloca aí lá pra 60, 70… aí ele continua calando mais gente

  13. Sander

    I. Thomas é sinistro!!

    Nurkic insatisfeito no Denver, 5 jogos sem entrar. Seria uma boa para nós???

  14. e ainda escreveram que o Celtics é melhor sem o Thomas em quadra! Cada um tem sua opinião, MAS olha o que o Thomas faz!!!!!!!!!!!!! MDSSSSSSS

    tá jogando muito, aproveitamento fantástico nos chute de fora nesse jogo!!! Temos que valorizar o que é nosso, o que tá no time!!! ele joga demais, dá tudo em quadra, sangra verde!! é nosso all star e tá no lugar que tem que estar!!!!!!!!!!!!!
    Horford contribuiu mais nesse jogo, Smart ofensivamente mal, Crowder também..gostei do Brown!

    jogo mais difícil do que qualquer um pensara, importante a vitória, e enaltecer desempenhos bons e cobrar outros! valeu pela vitória e show do nosso PG!!

  15. Maurício Green

    IT “The Little Guy”!!!!! SENSACIONAL! HISTÓRICO!

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.