Prévia – Houston Rockets (18-15) x Boston Celtics (20-13)

Após vitória maiúscula no tradicional confronto de natal diante do Philadelphia 76ers, o Boston Celtics fará sua primeira das três partidas na estrada contra equipes da Conferência Oeste. O oponente da vez será o Houston Rockets, nessa quinta (27), às 23h (horário de Brasília), no Toyota Center, com transmissão do NBA League Pass. Ainda nessa plataforma de transmissão de jogos, o torcedor celta poderá ver o duelo com narração em português.

Esse primeiro embate entre as duas equipes na temporada 2018/19 é marcado pela semelhança no desempenho recente das duas equipes na liga. Ambas vieram de resultados acima do esperado na temporada passada, chegando ao jogo 7 das finais de suas respectivas conferências, e apresentam campanhas irregulares atualmente.

Os Celtics, após sequência de 8 vitórias consecutivas, sofreram 3 derrotas seguidas, para Pistons, Bucks e Suns. No entanto, o Celtão voltou a vivenciar resultados positivos nos últimos dois jogos, realizados contra os Hornets, de maneira tranquila, e contra os Sixers, na terça-feira de natal, com direito à necessidade de uma prorrogação e a show do All-Star Kyrie Irving, que anotou 40 pontos e 10 rebotes, decisivo para o triunfo celta nessa ocasião.

Já os Rockets tiveram um péssimo início de temporada, chegando a estar na penúltima colocação de sua conferência por certo tempo. No entanto, é notório que a equipe do Texas vem se recuperando aos poucos, o que a fez entrar na zona de classificação para os playoffs, e mais recentemente bater o Oklahoma City Thunder no dia de natal, com grande atuação do ala-armador James Harden, atual MVP da liga e principal referência ofensiva da equipe, com 41 pontos.

Para o jogo, a equipe de Massachusetts não poderá contar com o pivô australiano Aron Baynes, que se recupera de uma fratura na mão esquerda. O ala Marcus Morris e o pivô Al Horford, que retornaram recentemente de lesão, tendem a ir para o jogo. Do lado de Houston, o desfalques ficam para o armador Chris Paul e para os alas Marquese Chriss e Brandon Knight. Além disso, o próprio Houston Rockets avaliou Harden como “questionável” para o confronto, se tornando dúvida para logo mais.

FICHA TÉCNICA

Local: Toyota Center (Houston, TX)

Horário (de Brasília): 23h00

Transmissão: NBA League Pass

BOSTON CELTICS: Kyrie Irving, Marcus Smart, Jayson Tatum, Marcus Morris e Al Horford. Treinador: Brad Stevens

HOUSTON ROCKETS: James Harden (Austin Rivers), Eric Gordon, Daniel House Jr, PJ Tucker e Clint Capela. Treinador: Mike D’Antoni

 

Publicidade

Eduardo Marangoni
Eduardo Marangoni
Uberabense, 17 anos, atualmente vive em São Paulo/SP. Futuro estudante de Engenharia de Produção e são-paulino sofredor, sempre adorou esportes, e principalmente, torcer. Acompanha o Boston Celtics fielmente desde 2016, apesar de se considerar um celta desde aquele triste jogo 7 em 2010. Um dos últimos draftados da redação desse blog, e que almeja o ROY.

27 Comentários

  1. Publicidade

  2. Matheus Correia disse:

    O que significam as palavras “Draftar” e “ROY” da reportagem?

    0

    0
    • Fábio Malet disse:

      “Draftar” significa selecionar no Draft (recrutamento de jogadores universitários americanos).

      “ROY” é Rookie Of the Year, que, em português, significa “Calouro do Ano”. Esse é um prêmio dado ao melhor primeiro-anista da temporada.

      1

      0
      • Matheus Correia disse:

        Muito obrigado, Fabio! Sempre acompanhei o Brasil nos Jogos Olímpicos, e, alguns jogos da NBA, onde admirava os Lakers, desde a época de Magic Johnson, mas, nunca soube completamente as regras e alguns termos técnicos deste esporte empolgante. Agora que estou tendo o prazer de morar em Boston, a poucos metros do TJ Garden, vou procurar me aprofundar e assistir mais aos jogos dos Celtics.

        2

        0
  3. Fernando Silva disse:

    Jogo difícil. Mais pela nossa instabilidade. Vitória apertada. Celtics 113 x Foguetes 109

    0

    0
  4. Tom disse:

    Primeiro a e eu já tô puto tentando entender: pra que trocar tanto a marcação e deixar 4x um pivo marcando o barba?resultado 10 pontos atras

    1

    0
  5. JailtonSV disse:

    2º Quarto:

    8:13 no relógio, e já tomamos 50 pts, acredito que podemos reverter, o placar mas é um número assustador.

    0

    0
  6. JailtonSV disse:

    Fui reclamar… Deu certo. De 50 x 33, o quarto terminou 57 x 55.

    Smart muito bem, Morris fará a diferença ofensivamente no último quarto.

    0

    0
  7. Marcos disse:

    Uma das poucas vezes que os juízes estão do nosso lado. Voltamos no jogo.

    Uma historinha para vocês:
    – Hey Ojeleye, vc é um cara gente boa. Hoje vou te dar uma missão bucha de canhão: vai jogar de pivô contra os Bucks.
    – Blz chefe. Acho meio burro, mas vc é quem manda.

    – Grande jogo Semi. Hoje vou te recompensar: Escolhi um jogador aleatório da rotação para jogar no seu lugar. Yabusele vai para 20m hoje contra os Rockets. Depois vc será escolhido aleatoriamente na rotação para outro jogo, Semi.
    ….

    O que acham?

    Abs verdes,

    3

    4
  8. Ricky Brian Lacerda disse:

    Não entendo Brad Stevens prefere botar o yabaleia do q o Robert Williams, já tomamos 6 pontos na custa desse cara q não ficou nem 5 minutos em quadra pqp, não consigo entender pq o Williams não tem uma minutagem boa com tanto rebote q o capela tá pegando, capela vem mantendo o Houston com essa diferença no jogo, sempre pegando os rebotes ofensivos, tá deitando e rolando no nosso garrafão

    9

    0
  9. Rodrigo Ribeiro disse:

    Rolou uma formação com Hayward, Brown, Theis que foi onde o Rockets disparou mais retornamos para o jogo, espero que Stevens não faça experiências insanas após o intervalo, esse poder de reação desequilíbrio o adversário, só de faltas técnicas foram 3 se não me engano, vamos que dá pra sair com essa vitória…

    1

    0
  10. Tom disse:

    Stevems tá de brincadeira
    Essa formação com Hayward Rosier e brown afundou no primeiro tempo e agora vai nos custar o jogo no segundo
    Ridículo, 3 caras sem confiança ao mesmo tempo em quadra e só smart de titular.
    Hayward da do de ver jogar, patético ..

    2

    1
  11. Tom disse:

    Pra ilustrar meu comentário só olhar o +/- desses três, mais o Theis.. todos abaixo de -15 até o momento

    0

    0
  12. Tom disse:

    Detalhe que passou batido: essa formação jogou em quadra enquanto Houston tinha Austin Rivers, Gerald Greenn eenenê em quadra. É brincadeira

    4

    0
  13. Marcelo SM disse:

    Tenho que levantar às 8 para trabalhar…tentando ser equilibrado: Stevens não tem o direito de fazer o que fez hoje. Simplesmente não tem!

    6

    1
  14. Tom disse:

    Acabou. Triste ver o celtao desse jeito. Poseriamos ter ganhado, mas nosso banco foi Doutrinado por Austin Rivers e nenê. Como eu queria um cara igual Eric Gordon vestindo a verdinha.
    Bola pra frente, sequência dura com Memphis e Spurs

    4

    0
  15. Ray disse:

    Cês queriam q ele deixasse o time titular os 48 min? Kkk

    2

    3
    • Marcos disse:

      Não.

      Só que deixasse os jogadores que chegaram na final do leste em 7 jogos terem a minutagem correta em suas respectivas posições, ao invés de usar rotação aleatória e privilegiar alguns jogadores.

      Abs verdes

      3

      4
  16. Fernando salmazo disse:

    Tinha comentado, em jogo anterior, que o Boston era igual o Houston, time de um jogador só, Irving × harden, quando estão de noite de MVP ganham os jogos, quem esteve ontem de MVP? E o Harden tem mais atuacoes de MVP que o nosso! nem vou comentar que eles têm um Capela no time. Boston precisa ser revisto com máxima urgência. Temos amigos que não concordam, que acha tudo normal, que daqui a pouco o time vai engrenar, o que me deixa feliz são vcs, e torço muito que estejam certos.

    2

    1
  17. Marchall disse:

    Foi genial mesmo usar o Theis para marcar o Harden, tanto que tomamos 45 tijoladas do Barba Hehehehe!

    Horford é ex jogador
    Os meninos JJ ainda oscilam
    Hayward está em outro planeta

    Morris, Tatum e Irving são os únicos que se salvam. O resto podemos colocar na trade ano que vem!

    3

    3
  18. Rodrigo Ribeiro disse:

    E o Williams III, sem nenhum minuto na partida em, isso me faz acreditar se o Stevens tivesse o Luka Doncic no elenco manteria ele no banco somente para dar sequência aos seus planos miraculosos de mimo a outros jogadores do elenco como o Yabusele por exemplo kkkkkkk…

    Abraços!

    2

    1
  19. Lucas disse:

    O Brad Stevens tá irreconhecível tbm esse ano, não é só alguns jogadores. E nesse caso é mais temeroso do que se fosse um jogador apenas.

    2

    1
  20. Leo77 disse:

    Estou vendo os comentários dos colegas e concordo em algumas coisas, apesar de ficar muito frustrado, não com a derrota, mas com a atuação, é olha q chegamos a encostar no placar, após eles abrirem boa vantagem. Na minha opinião:
    – os jogadores q fizeram uma excelente pós temporada, como Rozier, Brown até o Tatum estão abaixo do q fizeram, estão sem a confiança de partir pra dentro como fizeram Basten tá, tvz pq perderam a confiança ou oscilação de jogadores jovens.
    – Concordo q a ausência de um pivo dominante faz falta, o Theis é regular mas tem limitações, Holford é um excelente pivo, porém não tem mais o mesmo vigor físico de antes, Baynes faz falta ao time pelo jogo físico q faz.
    – Gostaria de ver mais o Willian III, mas nesse ponto ainda dou um crédito para o Stevens, apesar de ter feito bons minutos, deve ter algo q não saibamos para ele não entrar em alguns jogos.
    – Quem tá segurando a peteca é Irving e Morris, com o Smart e Tatum oscilando bons jogos, para o Tatum acho q deveria tentar mais o um contra um, do q as tentativas de arremesso do perímetro.

    Sou daqueles q acreditam q vamos melhorar, porém os adversários evoluíram e investiram, acho q esta na hora de tbm fazermos o mesmo.
    Abcs verdes.

    9

    0

Deixe um comentário