Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Boston, o lugar perfeito para Dwight Howard?

Recentemente, como já foi noticiado aqui no Celtics Brasil, rumores de uma troca envolvendo o Celtics e o Lakers apareceram, e os mesmo levariam Rajon Rondo para LA e nos dariam Dwight Howard.

Pensando nisso, passei a me perguntar, seria Boston o local perfeito para D12?

Depois de muito matutar, cheguei a alguns pontos, que podem provar que a resposta para essa pergunta é sim.

O primeiro ponto positivo seria jogar em uma franquia que tem uma mentalidade compatível com Howard em termos de esquema e estilo… O Celtics sempre foi famoso por ter uma mentalidade que preza pela defesa forte, o jogo de meia quadra e tudo que nós torcedores sabemos.

Para um jogador que foi 3 vezes defensor do ano, e que pelo seu físico e posição preza pelo jogo mais lento, tem mentalidade melhor?

Jogar ao lado de um cara como Kevin Garnett, que em toda a sua carreira sempre foi um monstro em Help Defense e faria desse o melhor garrafão da liga defendendo, não seria um atrativo?

Jogar em um grande centro, forte na mídia, com uma torcida apaixonada, e que lhe colocaria holofotes…O que uma estrela como ele poderia querer além disso?

Isso sem falar que o atual “Franchise Player” e maior ídolo do Celtics é um jogador de 34 anos e que não deve demorar a se aposentar, portanto Howard ocuparia esse espaço brevemente e sem nenhum risco de problemas internos causados por isso.

Tudo somado ao fato de ser um time que tem duas estrelas se aposentando, e que terá espaço suficiente na folha salarial para montar uma equipe em torno dele, que tenha jogadores de qualidade que complementem seu jogo.

Ter como treinador, Doc Rivers, figura querida no mundo da NBA, carismático e que sempre, mesmo sem muitos verem, é fator atrativo de jogadores.

Para terminar, jogar em uma franquia de muita tradição, vencedora, o maior campeão da liga, e onde jogou seu ídolo, Bill Russell…

Howard durante as séries contra o Celtics, sempre rasgava elogios a equipe de Massachussetts, e sempre demonstrou nem que uma pequena queda pelo time de Boston.

Por tudo isso ele teria no Celtics, o local quase perfeito, mas para isso, a troca teria que ocorrer…

E fica a dúvida, valeria a pena trocar?

Author avatar
Redação Celtics Brasil

26 comentários

  1. Fernando

    Penso que o D12 cairia como uma luva no nosso time. Mas, trocá-lo pelo Rondo? Não! Rondo tem identidade com a franquia, é mais confiável em termos de contrato. Como disse, o fato do cto do D12 estar no último ano é problema do Lakers e não nosso. Prefiro fazer uma proposta diretamente ao D12 no final do cto. Se vier ok, senão melhir ficar com Rondo.

  2. Luiz

    Quando acaba o período para realizar trocas e novas contratações?

  3. Lucas

    Pode para heim…”Paint your face clown”

  4. NOSTRADAMUS(Sebas)

    Sou contra.O D12 virou um mala e além de corrermos o risco de perdê-lo no fim da temporada sem nada em troca,sem contar que teríamos de enviar mais jogadores por causa da diferença salarial entre Rondo e Howard.Outra coisa,lembro que no passado ele teria dito que uma cidade que definitivamente não jogaria era Boston.

    Prefiro muito mais uma pequena troca acertada do que uma loucura dessas.Veja por exemplo,o Paul Millsap.Bom jogador de garrafão,bom nos rebotes,bom no ataque e defende muito bem.Seria um belo upgrade em relação ao Bass.Poderíamos enviar ele numa troca pelo Bass e talvez uma terceira equipe entre no negócio pra mandar um jogador de perímetro pro Jazz,que vem precisando.O Sixers precisa de mais uma peça no garrafão que sem o Bynum fica fraco.E eles tem jogadores de perímetro aos montes.

    Ganharíamos um ótimo complemento ao KG e certamente é mais fácil renovar com o Millsap do que com o D12.O Jazz tem jogadores bons pra suprir essa ausência e querem dar minutos para os jovens Favors e Kanter.E ganham um jogador que falta no elenco.E o Sixers ganha um jogador a mais pro garrafão.Se agente reclama do Bass,imagina eles com Kwame Brown e Specer Hawes?Sem contar que reforçaríamos o Jazz na briga contra o Lakers pelos offs.Já o Sixers dificilmente,mesmo com o Bass pega uma vaga.

    Uma troca mais modesta mas que seria muito útil.Pra que ficar inventando de mais?

  5. William de Oliveira

    Pode vim mais nada de trocas por favor principalmente com a nossa futura estrela da franquia RAJON RONDO.

  6. Joao Barros

    Se essa troca ocorrer, eu so digo um nome Irving ou Liliard o celtics tem q ir buscar, pq kg vai se aposentar tb… Prox ano

  7. Do ponto de vista do D12, o Celtics obviamente é um ajuste ideal.
    Ele mesmo nunca cansou de elogiar o Celtics enquanto esteve em Orlando e pra ele seria ótimo ir pra Boston, mesmo.

    Minha duvida porém é sobre o ponto de vista do Celtics.
    Para o Celtics ele é um ajuste ideal?
    Ou melhor, ele é um ajuste ideal em troca do Rondo?

    Porque sim, pro Celtics ele seria o ajuste ideal se o time tivesse o Rondo, mas sem o Rondo, daí minhas duvidas são enormes, por tudo aquilo que falei no tópico do rumor.

    Se desfazendo de Rondo, o Celtics teria que ir atrás de alguém “com saco roxo” vamos assim por dizer.
    Alguém que imponha respeito nos demais e que tenha voz ativa e comando em quadra e no vestiário, pois esse seria o papel do Rondo no futuro, e não vejo como D12 possa tomar esse papel para sí.

  8. felipe

    Como o vinicius perseguidor do barbose comentou em um post passado.. esse draft vai estar recheado de centers bons.. só resta conseguir uma boa posição para consegui-los

    • Vinicius Simões Bravo

      Olá, sou eu, o Anti-Cone haha

      Cara, esse Draft vai estar repleto de Centers. Nerlens Noel, Willie Cauley-Stein, Alex Len, Cody Zeller, Rudy Gobert, Isaiah Austin, Kelly Olynyk. MAS, temos Fab Melo em formação. Não valeria a pena esperar os dois Anos com KG, e quando ele se aposentar, ter Fab Melo mais “lapidado” para a NBA, e tentar buscar um jogador diferente, que pode ajudar como SF e fazer vezes de PF? vejo hoje pela nossa posição de metade de 1st Round tem o Alex Poythress, mas eu gosto mais do Dario Saric. Sei lá, são possibilidades que não devem ser desconsideradas.

    • Teobaldo

      “Vinícius perseguidor do Barbosa”…. Ah, Ah, Ah!

      Boa, Felipe, ri aos montes.

      Legal também o Vinícius que respondeu sem apelar.

      Um abraço a ambos!

  9. Vinicius Simões Bravo

    Vou apenas copiar dois trechos de comentários meus no post de trocar Rondo por D12.

    “Rondo e Howard funcionariam muito bem juntos. Apesar de eu sempre ter sido (e ainda sou) contra ter D12 em Boston (pelo menos enquanto ainda tivermos Garnett), mas é fato que se D12 viesse para Boston, JUNTO com Rondo, o time seria poderoso. E esse é meu maior medo, que D12 vá parar em um time que tenha um PG de Elite, e que vai saber jogar com ele pois não é uma estrela “que se acha” como o Kobe. (Hello, Brooklyn!), Mas, Um Pelo Outro? NÃO!”

    “D12 é o Melhor Center da Liga hoje simplesmente por falta de opção. É um jogador que depende exclusivamente do físico. É fraco tecnicamente, não sabe jogar de costas para a cesta (jogo que Duncan faz muito bem, e que KG também sabe fazer), é totalmente inútil quando está fora da área pintada, só consegue jogar infiltrando e indo pra enterradas, seu jogo de pernas é demasiadamente ruim, e não tem efetividade nenhuma em arremessos, e também não vai aguentar tanto tempo na liga, pois depende exclusivamente do físico, que perderá conforme for ficar velho. Se o Shaquille O’Neal teve queda no rendimento quando ficou mais velho e perdeu os atributos físicos (e olha que Shaq é infinitamente superior a Howard na parte técnica), imagine a queda de D12…
    Ah, e ainda provou que não sabe se portar diante uma situação de trocas com toda a novela que fez para sair de Orlando. Não duvido nada que o ego dele tenha dado problema com Kobe, e não duvido que ele faça a mesma coisa em Boston.”

    Ainda preciso falar que sou contra?

  10. Danilo Jeolás

    A troca é válida apenas com extensão contratual. Gostaria de ver o Howard aqui.

  11. Guilherme Vasconcellos

    Não gostaria de ver o D12 no C’s. Ele já mostrou mais de uma vez ser alguém mimado, que se deixa influenciar pelo comportamento da mídia e da torcida em relação a ele. Sem falar que não demonstra o comprometimento e a entrega tão características da nossa amada franquia verde e branca. Acho que atuar ao lado de alguém exigente igual o glorioso KG só ia fazer ele diminuir e ficar choramingando, igual acontece hoje com Kobe.
    Acho muito mais interessante tentar Josh Smith (obviamente a vontade do atleta do Hawks de conseguir um contrato máximo seria um grande empecilho) ou Cousins, que apesar dos problemas disciplinares, talvez se encaixasse no time justamente pela personalidade forte dos principais jogadores do Celtics.
    Mas não gostaria de D12 no time, acho que ele não tem culhões pra envergar uma camisa com o trevo.

  12. Jean

    Torcida e grandeza de franquia não seriam um grande motivo já que atualmente ele está no Lakers que segue o mesmo modelo. Não trocando o Rondo acho que seria extremamente válido, já que KG e Pierce aparentemente param de jogar mas não mudam de time.

  13. William de Oliveira

    Mudando um pouco de assunto Celtics interessado em Terrence Williams do Sacramento Kings o que acham?

  14. Bruno Bastos

    Trocar D12 pelo Rondo seria uma loucura total, trocar um dos melhores PG ( se não o melhor ) por um cara que ta passando um tempo dificil em L.A ! Sem contar que o Rondo tem a cara do Boston, seria melhor esperar o contrato do D12 acabar e fazer uma oferta a ele diretamente !

  15. Fernando

    Seguindo meu raciocínio anterior eu esperaria o final do cto do D12 e faria uma proposta que possamos pagar. D12, você que jogar com Rondo, PP e KG e ganhar uns anéis? Pois então vai ganhar um pouco menos de $$$. Ele vai ter que decidir. Não tenho dúvidas que com nosso atual elenco saudável e D12 a chance de títulossss é bem grande. Ele pode preferir ganhar mais e ficar como está. Decisão dele…

  16. Fábio Ribeiro

    é aquilo, acabaria com o problema do garrafão, mas e dps que ele não pudesse usar tanto o físico dele, pq a idade pra ele vai chegar e o físico vai pro espaço. é um pivô ridículo, só vive disso, não sabe arremessar fora do garrafão, se estiver a 1 metro longe do garrafão, é peça nula fácil.

  17. joao

    Howard cairia muito bem, por mais que o time perdesse o seu maior cérebro, Rondon. Mas em contrapartida, Howard supriria no quesito da defesa do time e com o elenco que esta formando, vai ficar muito forte o time, se a troca acontecer, o Celtics estará ganhando muito, temos armador, claro que não se compara com Rondon, mais poxa um pivô como Howard ta difícil encontrar e sem falar que o cara gosta do Boston…

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.