Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

1957 – O primeiro grito de campeão

O torcedor celta sabe, e com certeza se lembra orgulhosamente que tem 17 títulos da NBA. Mas será que todo torcedor sabe a história de cada um desses 17 títulos? Nessa série de matérias vamos procurar trazer ao torcedor celta a história de todos os títulos conquistados pela equipe na NBA.

A série será divida em 17 partes, cada uma, abordando um título da equipe. Boa leitura!!

1957 – O Início da Dinastia celta

O ano de 1957 foi o ano do início, o ano em que a equipe mais vitoriosa da NBA conquistaria seu primeiro título. A partir daqui foram 11 títulos em 13 anos. O título de 1957 abriu as portas do sucesso para o Boston Celtics.

A história começou a mudar com a chegada de Red Auerbach para ser técnico da equipe de Boston na temporada de 1950-51. No draft de 1950, contra a vontade da torcida local, Red escolheu o pivô Charlie Share ao invés do cotado Bob Cousy, o que não agradou a torcida. Bob Cousy acabou selecionado pelo Tri-Cities Blackhawks. Porém Cousy queria um contrato de 10 mil dólares que não foi aceito pela equipe do Blackhawks, mediante essa situação Cousy acabou sendo escolhido pelo Chicago Stags.

Quis o destino que a franquia do Chicago Stags fechasse, e os jogadores da equipe foram escolhidos por outros times da NBA, de forma que no fim, sobraram apenas três jogadores. Maurice Podoloff comissário da liga na época, decidiu realizar um draft com esses três jogadores, eram eles: Max Zaslofsky, que estava no All NBA first team de 1949-50, Andy Phillip e Cousy. No fim acabou decido que Cousy iria para o Celtics.

Cousy, em sua temporada de estreia acabou sendo selecionado para o All NBA team. Ajudou o time a ter uma grande melhora, inclusive alcançando 3 semifinais de conferência consecutivas, a equipe estava no caminho certo, mas faltava uma última peça nesse quebra-cabeça, para que o título fosse alcançado.

Em sua busca por essa peça, Auerbach passou a procurar um jogador que atuasse bem dentro do garrafão e que seria um bom defensor. Seu técnico na universidade Bill Reinhart falou sobre o jovem Bill Russell, da universidade de São Francisco. Como a equipe do St. Louis Hawks selecionou Russel, a equipe de Boston agiu rapidamente para mudar esse quadro, trocando Ed Macauley e Cliff Hagan por William Felton Russell. Um tiro certeiro. Além de Russel, o Celtics adicionou em seu elenco o jovem Tommy Heinsohn via draft. Tommy, iria ganhar o prêmio de rookie of the year.

Na temporada regular, a equipe foi muito bem, liderada por Cousy. Terminando com a campanha de 44-28 a equipe foi a melhor de sua divisão. Cousy liderou a equipe em assistências e Russel em rebotes. Abaixo os resultados da equipe na temporada regular:

Aqui também podemos ver os números dos jogadores por partida durante a temporada regular:

As vitórias da temporada regular ainda contaram com ótimos resultados diante dos atuais campeões Philadelphia Warriors.

As finais

Devido a sua campanha, o Boston Celtics se classificou direto para a final do leste, onde acabou por enfrentar a equipe do Syracuse Nationals, de onde saiu vitorioso por 3 a 0. Nas duas primeiras partidas a equipe não tomou conhecimento do adversário, vencendo por 108 a 90 e 120 a 105. A última partida acabou tendo um pouco de drama, e a equipe celta venceu pelo placar apertado de 83 a 80, chegando a tão sonhada final. Na grande final, a equipe celta iria encarar o St. Louis Hawks.

O primeiro jogo acabou sendo uma decepção para o torcedor celta, que viu grande atuação do trio Bob Pettit(37 pontos), Macauley(23 pontos) e Martin(23 pontos) em uma vitória apertada dos Hawks por 125 a 123 depois de duas prorrogações. Russel foi bem marcado e a equipe celta viu a vitória escapar em pleno Boston Garden.

Foi necessário que a equipe celta mudasse sua estratégia de jogo para a segunda partida, focando principalmente em uma defesa forte em cima dos principais jogadores do Hawks. Bob Pettit que havia brilhado na partida passada, acabou convertendo apenas 11 pontos, e o Celtics empatou a série vencendo por 119 a 99.

A terceira partida marcada por muita defesa de ambos os lados e um grande equilíbrio, terminou de forma dramática, quando Pettit(sim, novamente ele) acertou uma cesta no fim do jogo para dar a vitória aos Hawks por 100 a 98.

No quarto jogo da série a equipe celta foi até St. Louis precisando vencer, e liderados por Cousy a equipe celta conseguiu grande vitória fora de seus domínios, 124 a 109, com 31 pontos de Cousy. De volta ao Boston Garden a equipe celta mais uma vez dominou o jogo e venceu por 124 a 109.

Em St. Louis a equipe celta tinha pela frente o jogo que poderia levar a equipe ao seu primeiro título, mas a equipe do Hawks com as costas na parede fez um grande trabalho defensivo, principalmente em Cousy que era o destaque celta. Ao final da partida Pettit que vinha sendo o principal jogador da equipe do Hawks teve a oportunidade de marcar a cesta da vitória e forçar um jogo sete, mas errou, porém Heagan ainda conseguiu empurrar a bola para dentro entregando uma grande vitória para o Hawks por 96 a 94 forçando um jogo sete.

A partida decisiva no Boston Garden enfim havia chegado. E não poderia ter sido melhor, uma partida de tirar o fôlego. Cousy que vinha sendo um destaque dos Cetlics acabou não jogando bem e a responsabilidade acabou ficando com outros jogadores celtas(Bill Russel teve 19 pontos e 32 rebotes, Heinsohn, 37 pontos e 23 rebotes). O jogo foi equilibrado do começo ao fim, o Celtics saiu atrás no primeiro período com uma derrota parcial de 28 a 26. Resultado que virou no segundo período, onde a equipe celta terminou vencendo por 53 a 51. Uma partida memorável, a primeira com uma enorme audiência televisiva nacional.

No terceiro período da partida a equipe celta voltou com força total e se manteve a frente do placar terminando com uma vantagem de 73 a 68. No quarto e decisivo período ao final do tempo, a equipe celta vencia por 102 a 101 após dois pontos de Russel. A equipe do Hawks cometeu uma falta, dando a Cousy a oportunidade de fechar o jogo, porém Cousy errou um de seus lances livres, deixando o placar em 103 a 101. Coleman não desperdiçou a oportunidade e pontuou levando o jogo para a prorrogação.

Ao fim da prorrogação Macauley do Hawks havia ido para o banco depois de cometer sua sexta falta no jogo. Loscutoff converteu os dois lances livres e deixou o Celtics na liderança por 125 a 123. Em uma última oportunidade a equipe do Hawks atravessou um passe pela quadra, para Pettit que em um último arremesso acabou acertando o aro, e o titulo finalmente era do Boston Celtics!!

A comemoração celta ainda deu o direto aos jogadores celtas de raspar a barba de Bill Russel no vestiário.

Abaixo as médias do elenco celta durante os playoffs:

“Foi difícil. O primeiro sempre é o mais difícil e sempre o que mais dá satisfação. Para todo lugar que eu for ao próximo verão, eu posso dizer para mim mesmo ‘eu sou o treinador do time campeão mundial’ e o basquete é um jogo mundial”.
Red Auerbach

O primeiro dos 17 títulos do Boston Celtics. Aquele que começou tudo, o primeiro titulo da equipe mais vitoriosa da NBA. Será que em algum momento os torcedores do longínquo ano de 1957 sequer imaginaram que seu time seria o mais vitorioso da NBA? Que nos anos seguintes veriam uma dinastia verde e branca na NBA? Quem imaginaria a quantidade de astros que vestiriam essa camisa pesada? Fato é que esse titulo foi o primeiro passo de uma trajetória brilhante na maior liga de basquete do mundo. É como dizem, o primeiro passo é sempre o mais difícil.

Bônus:

Author avatar
Henrique Correia
Paulista, morador de Bauru no interior do estado de São Paulo, analista de suporte e corredor de rua nas horas vagas. Apaixonado por basquete, descobriu no jornalismo um hobby e quem sabe futuramente pode encontrar uma profissão. Acompanha a NBA desde 2010, torcedor fiel do Celtics, aguarda ansiosamente pra ver seu primeiro titulo.

4 comentários

  1. Muito bom Henrique; Obrigado por nos proporcionar um pouco desta História de conquistas!

  2. Fernando Silva

    Parabéns pela iniciativa.

    Obrigado pelas informações.

  3. Teobaldo

    Matéria sensacional. Parabéns, Henrique!

  4. PHABIO PASSOS

    parabens herinque, em nos trazer esse presente a nos torcedores do CELTICS, toda nossa dinastia começou esses herois, como é bom ser torcedor do BOSTON…

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.