Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Celtics 108 x 95 Nuggets

Sexta(06) o Boston Celtics recebeu o Denver Nuggets e fazendo uso de um ótimo jogo coletivo a equipe celta alcançou sua décima sexta vitória na temporada. Apesar do ótimo jogo coletivo, destaque a parte para Tatum com vinte e seis pontos e sete rebotes, e Nikola Jokic, do Nuggets, que terminou a partida com trinta pontos e dez rebotes.

No primeiro quarto de jogo a equipe celta teve seu ataque apoiado principalmente em Jaylen Brown, que era muito bem acionado. Se aproveitando do ‘pick and roll’ a equipe celta foi capaz de atuar bem diante de uma defesa muito forte, enquanto o Nuggets tinha mais dificuldade em passar pela defesa da equipe celta. Placar do período 33 x 26.

No segundo período Jayson Tatum começou a aparecer no ataque celta e foi o principal acionado da equipe nas jogadas ofensivas. Pelo lado do Nuggets Jokic começou a chamar a responsabilidade, mas não foi o suficiente para superar a forte defesa celta, que segurou o ataque do Nuggets a 1/15 nos arremessos para três pontos. Mantendo a equipe da casa na frente no intervalo. 53 x 45.

No terceiro período a dinâmica do jogo não mudou muito. O time do Nuggets seguia com dificuldades diante da defesa celta, Jokic tentava colocar o time novamente na partida, mas não era o suficiente, pois do outro lado o ataque celta funcionava muito bem com a dupla Brown e Tatum. A defesa celta forçava ‘turnovers’ e o ataque era eficiente em converter isso em pontos. Para fechar o período com chave de ouro Tatum deu bela assistência para Brown decolar e descer com uma cravada monstruosa que levantou a torcida no Garden, parecia que não poderia ficar melhor… Mas ficou, antes do período acabar Tatum ainda acertou um lindo arremesso de três pontos, e sacramentou um período fantástico da equipe celta. Placar do período 85 x 64.

O ultimo período de jogo foi da equipe celta apenas administrando o resultado para chegar a sua décima sexta vitória. Tamanha a vantagem construída ao longo do jogo, principalmente no terceiro período que no final do jogo a equipe celta pode deixar alguns jogadores menos utilizados como Vincent Poirier ter um tempo em quadra. Placar final 108 x 95.

A equipe celta soube usar suas principais peças no jogo e foi capaz de dominar a partida o tempo todo. Kemba, Tatum e Brown combinaram para sessenta e seis pontos e foram os principais destaques da equipe, que também apresentou uma ótima defesa durante todo o jogo, principalmente anulando a maior parte dos arremessos de perímetro do Denver Nuggets. A equipe do Boston Celtics volta a jogar na segunda(09) contra o Cleveland Cavaliers no TD Garden às 21h30 horário de Brasília.

A equipe do Denver Nuggets não conseguiu ser eficiente dos dois lados da quadra. A equipe teve dificuldade no ataque, e não conseguiu parar o ataque da equipe celta, o que deixou a equipe atrás o tempo todo. O destaque da equipe foi Nikola Jokic com trinta pontos e dez rebotes. A equipe do Nuggets volta a jogar domingo(08) contra o Brooklyn Nets no Barclays Center às 17h horário de Brasília.

Destaques do Celtics

Jayson Tatum (26 pontos, 7 rebotes e 5 assistências)

Jaylen Brown (21 pontos e 7 rebotes)

Kemba Walker (19 pontos)

Destaque do Nuggets

Nikola Jokic (30 pontos e 10 rebotes)

Jamal Murray (10 pontos)

Michael Porter Jr. (9 pontos)

Melhores momentos

Author avatar
Henrique Correia
Paulista, morador de Bauru no interior do estado de São Paulo, analista de suporte e corredor de rua nas horas vagas. Apaixonado por basquete, descobriu no jornalismo um hobby e quem sabe futuramente pode encontrar uma profissão. Acompanha a NBA desde 2010, torcedor fiel do Celtics, aguarda ansiosamente pra ver seu primeiro titulo.

13 comentários

  1. Marchall

    Cadê o pessoal comentando aqui?

    Estou gostando do entrosamento dos JJ e do Kemba. Subiram de produção.

    Fico aqui pensando no que o Stevens enxerga no Ojeleye? Ele é exótico, muito bom. Só é ruim quando entra em quadra.

    Imagina se tivéssemos um Ala Pivô de qualidade?

  2. Silvio Freitas

    No Celtics e proibido contratar pivô. Por isso não vamos ganhar nada . Silvio Freitas

  3. Fernando Silva

    Marchall, eu tenho uma visão positiva da nossa companha e da equipe.

    Acredito que Kemba, Brown, GH e Tatum formem um dos melhores perímetros da liga.

    No meu entender precisamos de uma peça.

    Dependendo de quem, disputamos a conferência ou os anéis.

    O problema é: quem?

    Depois de muito pensar, cheguei a um nome, dentre outros, que acredito possa nos elevar um degrau ou mais: Gobert.

    É o 5 defensivo que queremos, mas que talvez não jogue exatamente ao estilo Stevens.

    Certamente teríamos que enviar Smart, mais algum jovem e picks. Não seria fácil bater às portas do Jazz e falar “queremos outro titular da sua equipe”.

    Justifico minha escolha pela posição 5, e não pela 4: Tatum.

    Tatum ganhou corpo, cada vez está mais atlético e, embora tenha dificuldade contra PF mais pesados, penso que faça e sempre possa fazer um trabalho ok na defesa nestes casos.

    Em contrapartida, no ataque, seu jogo contra 4 mais pesados pode nos conduzir a pontuação mais fácil, saindo do garrafão ou optando por jogadas em velocidade.

    Imagine a chegada de um 4 para ocupar uma vaga dentre titulares.

    Quem sai do time?

    Assumo que GH volte com o mesmo desempenho prévio à contusão.

    Eu detesto a ideia de perder Smart, que seria enviado junto a Carsen ou RW (por exemplo) e algumas picks.

    Mas, se queremos disputar o banner, precisamos de uma peça.

    Podemos chegar longe sem tal movimentação?

    Penso que sim, a depender do desempenho de Theis (que apresenta um trabalho bem decente), Kanter (se não melhorar a defesa, nem sonhe) e de RW.

    É difícil que os 3 (e estão sim se revezando em minutos) tenham a mesma noite infeliz em quadra.

    Porém é certo que, contra Phylla por exemplo, estaremos em apuros no garrafão.

    Nem se fale em possível final contra AD.

    Utilizar Smart como meio para obter nosso 5, por outro lado, nos deixa em situação bem delicada no que se refere ao banco.

    Eu teria optado, desde o inicio da season, e talvez ainda haja tempo, por dar mais minutos a RW.

    Podemos descobrir a peça que nos falta em casa.

    RW é cru, em algumas jogadas lembra a NCAA (algumas fintas me deixam aflito), mas sofrendo na regular season ele deve amadurecer.

    Em resumo:creio que cheguemos o quão longe o nosso bench (Smart e Kanter) puderem ajudar e Theis puder nos levar (salvo alguma surpresa de DA).

  4. Marcos Pastich

    Estão rolando boatos de trocas por Kevin Love ou Blake Griffin. O que você acham? e quem seriam os envolvidos nas trocas?

    • Nic

      Provavelmente Hayward teria que estar envolvido para bater os salários.

    • R2

      Kevin Love acho que não acrescenta muito…

      • R2

        Explicando, ganhamos no rebote e no potencial ofensivo, tanto perto do garrafão quando no perímetro, mas não resolve o problema de termos um garrafão soft.
        Griffin me agrada muito mais, apesar de não saber de seu potencial defensivo… mas seu histórico de lesões não colabora.

        Preferia um cara que fosse até menos badalado mas que colaborasse mais na questão defensiva, protegendo bem o aro. Caras como Capela, Myles Turner, Domantas Sabonis, Derrick Favors, Ibaka…

    • Marcos Pastich

      Na verdade eu não gosto de nenhuma das duas opções para o encaixe nesse grupo do Celtics. perderíamos muita coisa e não resolveríamos nossas deficiências. Principalmente se o Smart estiver envolvido (segundo os boatos, e espero que sejam apenas boatos mesmo).

      • Marchall

        Kevin Love não tem absolutamente nada a ver com o Celtics. Era preguiçoso ao lado do James, imagina aqui?

        Fora que ta velho já! Precisamos trocar o Hayward, Smart + pick e tentar o Blake Griffin!

  5. mylles turner pra mim seria o ideal. oque podemos oferecer que agrade os pacers?

  6. Gabs

    Hayward + Rob. Williams + Pick por Warren + Turner

    Kemba Walker
    Marcus Smart
    Jaylen Brown
    Jayson Tatum
    Myles Turner

    Brad Wanamaker
    Carsen Edwards
    TJ Warren
    Daniel Theis
    Enes Kanter

    Tremont Waters
    Romeo Langford
    Semi Ojeleye
    Grant Williams
    Tacko Fall

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.