Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Bucks 128 x 123 Celtics

Pressionado por uma inesperada derrota em casa para o Detroit Pistons, o Boston Celtics voltou a jogar pela temporada 2019/2020 da NBA na noite de quinta-feira (16), diante do Milwaukee Bucks, líder isolado da Conferência Leste. Precisando da vitória para não se distanciar da franquia de Wisconsin na classificação, a equipe celta lutou bastante, mas voltou a apresentar as irregularidades tão comuns nesta edição da liga e foi derrotado pelo Bucks por 128 a 123 no Fiserv Forum.

O início de jogo entre Milwaukee Bucks e Boston Celtics foi um verdadeiro pesadelo para a torcida verde e branca. Além de não encaixar jogadas na quadra de ataque, a equipe celta sofreu com o excelente aproveitamento de arremessos do Bucks, que abriu 27 pontos de vantagem sem maiores dificuldades. Em noite inspirada, o armador Kemba Walker impediu que a partida se transformasse em um vexame completo para Boston, que foi para o intervalo perdendo por 18 pontos de diferença.

Depois de um primeiro tempo lamentável, o Boston Celtics voltou com uma postura mais agressiva, dominou a partida e ficou a seis pontos do empate no Fiserv Forum. A entrada da rotação, porém, atrapalhou a equipe celta, e o Bucks recuperou a larga vantagem pouco depois. Já no ultimo quarto, o Celtics teve mais um momento de valentia e encostou novamente no placar, mas a reação tardia foi insuficiente para frear a boa fase de Milwaukee, que confirmou a vitória diante de seu torcedor.

Sem contar com o ala-armador Jaylen Brown, poupado por causa de uma entorse no polegar direito, o Boston Celtics concentrou suas jogadas na quadra de ataque com o armador Kemba Walker, que não decepcionou: além de anotar 40 pontos, sendo o cestinha celta em Milwaukee, Walker pegou 11 rebotes e registrou um duplo-duplo. Substituto de Brown no quinteto titular, o combo guard Marcus Smart também fez boa partida, com 24 pontos e quatro rebotes, enquanto o ala-pivô Daniel Theis registrou mais um duplo-duplo, marcando 12 pontos e pegando 10 rebotes.

Pelo lado do Milwaukee Bucks, o ala grego Giannis Antetokounmpo fez mais uma partida de alto nível e chegou perto de um triplo-duplo, com 32 pontos, 17 rebotes e sete assistências. Mais uma vez, o fiel escudeiro de Antetokounmpo foi o ala Khris Middleton, que fez 23 pontos e pegou seis rebotes. Entre os reservas, quem se destacou foi o ala-armador Donte DiVincenzo, com 19 pontos e três rebotes.

Com o tropeço em Milwaukee, o Boston Celtics perdeu a chance de reassumir a vice-liderança da Conferência Leste e permanece na terceira posição, atrás do Bucks e do Miami Heat. O Celtics venceu 27 dos 40 duelos que disputou na temporada e tem 67,5% de aproveitamento. O Milwaukee Bucks, por sua vez, continua com a melhor campanha do Leste e desta edição da liga, com 37 vitórias em 43 partidas e 86% de aproveitamento.

Depois da derrota no Fiserv Forum, o time do Boston Celtics terá três partidas consecutivas como mandante, no TD Garden, para se recuperar na classificação da Conferência Leste. O primeiro desses duelos será disputado na noite deste sábado (18), às 21h, contra o Phoenix Suns. Também neste sábado, mas às 20h, o Milwaukee Bucks visita o Brooklyn Nets no Barclays Center.

Destaques do Bucks

Giannis Antetokounmpo (32 pontos, 17 rebotes e sete assistências / duplo-duplo)

Khris Middleton (23 pontos e seis rebotes)

Donte DiVincenzo (19 pontos e três rebotes)

Destaques do Celtics

Kemba Walker (40 pontos e 11 rebotes / duplo-duplo)

Marcus Smart (24 pontos e quatro rebotes)

Daniel Theis (12 pontos e 10 rebotes / duplo-duplo)

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

1 comentário

  1. MARCUS VENICIO CAVASSIN

    FALLLLLLLLTAAAAAAAA UMMMM PIVÔÔÔ!!!!!!! E FAZ TEMPOOOOOOOOOO

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *