Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Celtics 104 X 87 Suns

Parece que o Boston Celtics deixou mesmo a má fase para trás. O time Green venceu em seus domínios o Phoenix Suns e agora tem uma série de 5 vitórias consecutivas.

http://www.youtube.com/watch?v=jOjQjD1c9GU

O destaque da partida foi o armador Celta Rajon Rondo que terminou a partida com 23 pontos, 5 rebotes e 7 assistências. Ray Allen marcou 20 pontos, pegou 2 rebotes e deu 3 assistências. Paul Pierce anotou 12 pontos, pegou 8 rebotes e distribuiu 8 assistências. Kevin Garnett terminou a partida com 16 pontos, 3 assistências e 8 rebotes. O suplente Glen “Big Baby” Davis foi o melhor jogador vindo banco de reservas, com 9 pontos e 9 rebotes.

Pelo Suns o destaque foi o pivô veterano Shaquille O´Neal que anotou um Duplo-Duplo (dois digitos em dois fundamentos), com 16 pontos e 11 rebotes. O armador Steve Nash, bicampeão do prêmio de MVP (melhor jogador da temporada), em 2004/05 e 2005/06 também teve uma boa tuação, marcou 12 pontos, pegou 4 rebotes e distribuiu 8 assistências. O brasileiro Leandro Barbosa não fez uma boa apresentação e marcou apenas 3 pontos.

A equipe Celta começou muito bem a partida e logo abriu uma grande diferença no placar. O Phoenix Suns não conseguiu encostar (o único empate foi antes do apito inicial, quando o placar estava zerado). O time Green tinha um bom ataque, que sempre pontuava e uma defesa sólida, que não permitia ao Suns converter muitos arremessos. O Celtics terminou o período vencendo por 30 X 15.

No segundo quarto o Boston Celtics manteve o mesmo ritmo, com um ataque poderosíssimo e uma defesa bem postada. Rajon Rondo e Paul Pierce anotaram juntos 17 dos primeiros 21 pontos do período, para abrir uma liderança de 41 X 19. O time Celta acabou vencendo o quarto por 34 x 19 e foi para o intervalo vencendo por 64 X 34, uma diferença de 30 pontos.

Na volta do intervalo o time de Massachussets diminuiu o ritmo, para administrar a bela vantagem que havia conquistado. O técnico Doc Rivers foi tirando aos poucos os titulares de quadra, para que descanssassem. Mesmo com um time misto o time Green venceu o 3° período por 25 X 24.

No último quarto todos os titulares Celtas estavam descansando no banco de reservas, enquanto os suplentes estavam em quadra. Com uma grande diferença no placar, o período serviu apenas para dar ritmo de jogo aos reservas. O Suns aproveitou-se disso e acabou vencendo seu único quarto da partida por 29 X 15. Mesmo com a derrota nesses 12 minutos o Boston Celtics venceu a partida por 104 X 87.

Após ter uma péssima série, onde venceu apenas 2 partidas em 9 disputadas, o time Green mostra uam grande reação, com 5 vitórias consecutivas.

O Celtics não contou com o suplente Tony Allen, que ainda se recupera de uma lesão no tornozelo direito e com o pivô titular Kendrick Perkins, que não atua pelo quinto jogo consecutivo, por conta de uma lesão sofrida no ombro esquerdo em uma partida disputada contra o Cavaliers, no último dia 09/01.

Por: Flávio Di Donato Catandi

Author avatar
Flávio Catandi
Jornalista e Radialista apaixonado por basquete. Participa do Celtics Brasil desde 2008. Já foi redator, colunista e hoje é editor do site. Nas horas vagas gosta de escrever roteiros e gravar curtas e documentários. Pode ser encontrado na cidade de São Paulo com uma camiseta Celta.

1 comentário

  1. Xandinho

    Boa vitória, Nash só elogios ao Rondo. Eles tem o memso agente e Nash falou que acompanha Rondo a muito tempo.
    Nash é um verdadeiro profissional. Gosto de seu caráter, pelo que conheço.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.