Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Celtics 113 x 109 Pistons

Em grande fase na temporada 2016/2017 da NBA, o Boston Celtics iniciou, na noite de segunda-feira (30), diante do Detroit Pistons, uma série de quatro partidas no TD Garden. Logo de cara, o Alviverde tinha que superar diversos obstáculos: além de bater um rival histórico, a franquia de Massachusetts defendia a segunda colocação da Conferência Leste e tinha que lidar com o cansaço de uma maratona de cinco jogos em sete dias. O Celtics sofreu, deu a impressão de que deixaria escapar o resultado, mas o time verde e branco, com mais uma atuação histórica do armador Isaiah Thomas, bateu o Pistons por 113 a 109, para delírio da torcida em Boston.

Depois de um início hesitante, com direito a vitória parcial do Detroit Pistons por seis pontos, o Boston Celtics conseguiu a virada, venceu o primeiro quarto por um ponto e levou uma vantagem de oito pontos para o intervalo, mesmo sem uma atuação brilhante. O Alviverde manteve o ritmo no terceiro período e deu um passo gigantesco para a vitória, mas o valente Pistons conseguiu virar o jogo. Porém, o desespero celta durou pouco: com 24 pontos de Isaiah Thomas no último quarto e um toco espetacular de Al Horford sobre Reggie Jackson, a 22 segundos do fim, Boston comemorou a vitória.

Tímido no começo de jogo, Isaiah Thomas confirmou a sua fama de “rei do último quarto” e registrou mais uma grande atuação com a camisa do Boston Celtics. Além de cestinha da partida, com 41 pontos, Thomas contribuiu com oito assistências. O principal auxiliar de Thomas foi o ala Jae Crowder, que fez 21 pontos e pegou oito rebotes. O pivô Al Horford e o armador reserva Marcus Smart também tiveram atuação decisiva, com 13 pontos cada.

Pelo lado do Detroit Pistons, o personagem principal foi o pivô Andre Drummond. Mesmo com o seus famosos erros em lances livres, Drummond registrou um duplo-duplo expressivo em Boston: 28 pontos e 22 rebotes. O ala-armador Kentavious Caldwell-Pope, com 18 pontos, também fez uma boa partida contra o Celtics, e o ala Tobias Harris, que começou o jogo no banco de reservas, contribuiu com 15 pontos.

Com a vitória sobre o Detroit Pistons, a quarta consecutiva, o Boston Celtics permanece na vice-liderança da Conferência Leste, com 30 vitórias em 48 partidas e 62,5% de aproveitamento. Além disso, o time de Massachusetts abriu uma vitória de diferença para o terceiro colocado Toronto Raptors e está a 2.5 jogos de distância do líder Cleveland Cavaliers. Já o Pistons, com apenas 21 triunfos em 48 confrontos, está na 10ª posição do Leste, fora da zona de classificação para os playoffs.

Após se enfrentarem no TD Garden, Boston Celtics e Detroit Pistons terão um dia de descanso e voltam a jogar pela temporada 2016/2017 da NBA na noite desta quarta-feira (1º). Enquanto o Alviverde faz um confronto direto pela vice-liderança do Leste, a partir das 22h30 (horário de Brasília), diante do Toronto Raptors, no TD Garden, o Pistons recebe o New Orleans Pelicans no Palace of Auburn Hills.

Destaques do Celtics

Isaiah Thomas (41 pontos e oito assistências)

Jae Crowder (21 pontos e oito rebotes)

Marcus Smart (13 pontos, oito assistências e cinco rebotes)

Al Horford (13 pontos, seis rebotes e seis assistências)

Destaques do Pistons

Andre Drummond (28 pontos e 22 rebotes / duplo-duplo)

Kentavious Caldwell-Pope (18 pontos, três rebotes e três assistências)

Tobias Harris (15 pontos e quatro rebotes)

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

1 comentário

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.