Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Celtics 91 x 94 Bobcats

Em sua 51ª partida na temporada, o Boston Celtics foi surpreendido e perdeu para o lanterna Charlotte Bobcats, fora de casa, na última segunda-feira (11). Depois de encarar uma partida de três prorrogações contra o Denver Nuggets e uma viagem para North Carolina em menos de 24 horas, o cansaço foi predominante para a derrota celta por 94 a 91. A partida também teve outro ponto negativo: a lesão do brasileiro Leandrinho Barbosa, que machucou o joelho e perderá o restante da temporada.

A partida na Time Warner Cable Arena começou equilibrada, mas com um jogador fazendo a diferença para os donos da casa: Byron Mullens foi o responsável pelos primeiros dez pontos do Charlotte. Pierce e Garnett jogaram pouco mais de sete minutos e deram lugar aos reservas, que seguraram o rojão e venceram o Q1 por 26 a 24, com cesta de Wilcox a dois segundos do fim.

No Q2, com Mullens cometendo muitos erros pelo Bobcats, o Celtics aproveitava para abrir vantagem, chegando a abrir nove pontos de vantagem, com boas atuações de Jeff Green e Jason Terry. No final do período, vitória tranquila por 22 a 18 e o Celtics foi para o vestiário com vantagem de seis pontos: 48 a 42.

A volta para o vestiário, entretanto, foi um pesadelo para o alviverde de Boston. Logo com um minuto e meio de terceiro período, o Bobcats abriu uma corrida de 7-0 para virar o placar. O Celtics chegou a responder, com 9-3 em pouco mais de um minuto, mas a equipe de North Carolina voltou a se impor, com oito pontos seguidos em dois minutos. Daí em diante, o Celtics buscou se aproximar no placar, mas o Charlotte conseguiu se manter com a vantagem, especialmente por causa das bolas de três de Ramon Sessions e Byron Mullens. Wilcox, novamente no final, fez dois pontos para não deixar tão feio assim, mas ficou: 33 a 24 no período, Bobcats vencendo por 75 a 72.

No último período, o Celtics mostrou força logo nos primeiros minutos para se colocar novamente na liderança do jogo, com duas bolas de três de Jeff Green e Jason Terry. Bass e Garnett ainda foram ao ataque para deixar a vantagem alviverde em cinco pontos. Mike Dunlap, técnico do Bobcats, parou o jogo e sua equipe aproveitou erros de ataque celtas para virar o jogo a quatro minutos do fim. Entretanto, o Celtics voltou a pontuar e passou a frente novamente, com Terry e Garnett. Dunlap chamou seus comandados novamente e fez a diferença: com cestas de Henderson e Sessions, o Bobcats assumiu a liderança a 25 segundos do fim.

Em seguida, Garnett ainda tentou fazer a cesta que recolocaria o Celtics na frente, mas errou. Walker converteu dois lances livres para deixar o Bobcats com vantagem por três pontos, a 14 segundos do final. Na última posse, Pierce e Bradley tentaram empatar, mas não obtiveram êxito. Com isso, a zebra se confirmou em Charlotte e o Celtics perdeu sua invencibilidade de sete jogos.

 

Destaques do Charlotte Bobcats

Byron Mullens (25 pontos e 18 rebotes – duplo-duplo)

Ramon Sessions (19 pontos)

Kemba Walker (18 pontos e seis assistências)

 

Destaques do Boston Celtics

Kevin Garnett (16 pontos e 13 rebotes – duplo-duplo)

Jeff Green (18 pontos)

Paul Pierce (13 pontos, oito rebotes e oito assistências)

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

6 comentários

  1. Sérgio Soares

    A nossa cara, essas derrotas.
    Sem comentários…

  2. […] ter sua sequência de sete vitórias seguidas interrompida na última segunda-feira (11), com uma derrota para o Charlotte Bobcats por 94 a 91, o Celtics busca um resultado favorável para seguir crescendo na tabela da conferência Leste. A […]

  3. William de Oliveira

    Eu sei que o time veio de um jogo duro um dia antes contra o Nuggets mais perder pro pior time da liga fiquei puto com essa derrota so o Celtics pra dar uma dessas kkkk.

  4. Rafael Taborda

    rsrsr totalmente normal… Doc fez bem em poupar as ” old stars “… Let’s Go Celtics

  5. […] 16 pontos cada um a favor do Cats. No dia 11 de fevereiro, entretanto, o Cats teve sua revanche e bateu o Celtics por 94 a 91, com grande atuação de Byron Mullens pelo Bobcats (25 pontos e 18 rebotes). Pelo Celtics, Jeff […]

  6. […] vitórias e de um jogo duríssimo de três prorrogações com o Denver Nuggets na noite anterior, o Celtics não resistiu e perdeu por 94 a 91. Byron Mullens, do Bobcats, foi o grande nome do jogo, com 25 pontos e 18 rebotes. Pelo Celtics, […]

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *