Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

E as vaias superaram os aplausos

Grande parte da expectativa para o jogo de Boston Celtics e Miami Heat estavam voltados para como seria a recepção celta para Ray Allen em seu primeiro jogo no TD Garden.

As perguntas eram muitas:

– Rondo e Garnett cumprimentariam o ala dessa vez?

– A organização do Celtics faria um vídeo em homenagem a Ray, como sempre faz a seus ex-atletas em seus retornos a Boston?

– E a torcida, iria vaiar, ignorar ou aplaudir Ray?

Bom, tivemos um pouco de tudo nessa noite.

Para começar, sim, a organização colocou um vídeo de homenagem a Ray Allen, que pode ser visto ao fim da matéria.

De início a reação do público no ginásio foi de uma sonora vaia, mas com o passar do vídeo e com cenas estrategicamente escolhidas de Ray Allen fazendo uma enormidade de cestas contra o arqui rival Lakers, as vaias foram dando lugar a alguns aplausos e ao fim do vídeo  com a cena de Ray comemorando o título de 2008 com seus companheiros e uma mensagem de agradecimento pelos serviços prestados, o que se ouviu em sua grande maioria foram aplausos.

Ok, mágoas de lado e tudo resolvido? Bemmm…não…rs

Poucos minutos depois lá estava Ray Allen em quadra, não com seu número 20 e camisa verde, mas com seu numero 34, o mesmo de Paul Pierce e nas cores vermelha.

Aí então o volume de vaias deve ter sido possível de ouvir a quarteirões de distancia e esse mesmo barulho seria repetido em menor intensidade, mas pela partida toda, a todo momento em que Ray Allen encostava suas mãos na bola.

Rondo machucado não estava lá em quadra para que sua reação fosse vista e KG que ignorou Ray Allen na ultima partida, dessa vez se quer foi incomodado pelo ex companheiro.

Sendo assim, se a reação da torcida era incerta antes da partida e ficou ainda mais confusa no momento em que a homenagem foi feita, o decorrer da partida deixou estampado o sentimento dos torcedores de Boston para com o atleta.

Seja isso bom ou ruim, o fato é que as vaias venceram!

 

[youtube id=”4yytREuopRA” width=”620″ height=”360″]
Author avatar
Daniel Emiliano
https://danielemiliano.com.br
Daniel é publicitário, web designer e ilustrador residente em Campinas/SP. Em 2008 uniu paixão e profissão e deu vida a um Blog de notícias e opiniões sobre o Boston Celtics.Com ajuda de outros apaixonados o Blog foi tomando proporções inimagináveis e hoje é este Celtics Brasil, o maior site sobre uma equipe da NBA no Brasil.

12 comentários

  1. Eduardo Calvoso

    Daniel o q tu achou da entrevista do Rondo falando q volta em 2 semanas ?

  2. João Paulo dos Santos

    cara no decorrer do jogo ele foi realmente vaiado e tudo…mais eu nao achei q as vaias venceram nao…gostei do reconhecimento da franquia e dos torcedores de aplaudi o video…ele nao foi um jogador qualquer ele deixou 1 titulo na franquia…foi embora mais deixou um legado com a nossa camisa…e não só pelos resultados obtidos,mais pelas atitudes, pela paixao e principalmente pelo comprometimento q teve enquanto esteve em boston.Sei q a maioria aqui vai discorda d mim mais essa e a minha opiniao!!!

  3. Felipe

    Gosto do ray allen, mas foi um mercenario.

  4. Lucas

    Achei até pouco… Merecia mais vaias!!

  5. Vinicius Simões Bravo

    Achei inaceitável essa homenagem feita em Vídeo para ele. Ele não merece nenhuma homenagem, nenhuma referência, nenhuma lembrança em Boston, de nada.

    Mas alguém vem e fala “ah, ele jogou 5 anos com a gente, foi campeão, fez a bola do recorde dos 3 pontos jogando com a gente e contra o Lakers, e mimimi, e blá blá blá…”. E Daí? Não foi ele que preferiu se vender, apenas por mais um anel?

    Sim, ele preferiu jogar tudo isso fora. Os feitos históricos que ele conquistou conosco pouco importam para ele, pois ele saiu motivado a “buscar mais um título”, que passou para “problemas com Rondo”, e depois “problemas com Doc”…
    Foi ele que deixou o Título de 2008 para trás. Foi ele que deixou o Recorde dos 3 Pontos contra o Lakers para trás. Foi ele que deixou a marca de ser o maior pontuador Celta em Playoffs (51 Pontos) para trás. Foi ele que deixou a chance de ser imortalizado em Boston para trás. Foi ele que jogou fora de ter a sua camisa aposentada. Foi ele que escolheu deixar de ser venerado por uma das torcidas mais fanáticas dos esportes no Mundo. Ele preferiu trocar tudo isso, por mais um anel. Como se apenas ser campeão da NBA fosse a única coisa que importasse…

    Como se não bastasse tudo isso, ainda alegou como desculpas: “Dinheiro” – Boston ofereceu 12 Milhões por 2 anos, e ele foi ganhar 9 em 3 anos em Miami. “Ser banco de Bradley” – Para mim era evidente que ele iria recuperar a titularidade pois ele estava machucado. “Problemas com Rondo” – Jogaram muito bem por anos, e pra usar de desculpa agora? Palhaçada.

    Vejo que todo o planejamento do time (chegada de JET, Lee,…) foi feito para que ele ficasse. Tudo foi feito para que ele ficasse. Mas não. Ele preferiu dar as costas para tudo isso para se vender, apenas para tentar ser campeão de novo.

    Diante disso tudo, não há como defender esse cara. Diante dos fatos, sabemos que ele preferiu se vender por um título (que não virá). Preferiu trair um grupo que o venerava. Preferiu ser Mercenário. Mas deixa, tudo isso tem suas compensações. Terei o prazer de ver a queda do Miami Heat nos Playoffs.

    E sim, ele merece todo e qualquer tratamento Hostil em Boston. Merece vaias, sonoras vaias, e toda e qualquer hostilidade e prova de ódio contra o vendido, contra o traidor que ele é.

    E que o Celtics não seja louco de querer aposentar o número que ele usou.

  6. allan

    vinicius disse tudo sem mais

  7. Renato TD

    Realmente vale muito mais ser ídolo de uma nação e certamente ter uma camisa aposentada e ser lembrado para sempre do que apenas ¨mais um anel¨ por um time em que os idololos sao James e Wade e que em 2 ou 3 anos nao vai nem lembrar que ele esteve por lá !
    È isso aí Vinicius mete bronca ! È mercenário sim !

  8. Renato Lgb

    Se ele estivesse com a gente era o momento de ressurgir o BIG 3 , mas não, ele quis ser um coadjuvante das estrelas do momento…
    Anel o Juwan Howard tbm tem.
    Eu nem chamo ele de mercenário, vejo ele como um fraco que quis ir pra onde o título tem como chegar a ele com mais facilidade!!!

  9. Diogo Braga

    Olha sou Cs até o fi, na vitoria ou na derrota e não aceito traição, Ray Allen foi para o Miami e que se foda la… Espero que o Boston não cometa o mesmo erro com o Pierce pois seria a mesma coisa, negocia-lo seria uma traição tb, ele que lutou tanto quando tinha jogadores fracos ao seu lado, que foi fundamental no titulo de 2008, nas boa campanhas posteriores, espero que PP seja recuperado pois esse sim é um Celta e não merece as fofocas que o cercam!!! go Celtics KG e PP nos levarão ao titulo eu acredito!!!!

  10. Edemar

    Já tive mais raiva do camisa 20, mas agora mais frio penso no que eu faria… Talvez na idade dele deixaria o time por mais um anel. Já ouvi gente falar que o Barkley ñ pode ser um dos grandes pq ñ tem um anel.
    No fim o que vale é o anel, ninguém mais lembra do resto.
    Eu respeito o ex-camisa 20.

  11. Fernando

    Ele fez a escolha que o Vinicius comentou. Preferiu jogar.como.reserva e ter a chance de ser campeão. Será que o Ray não observou que por muito pouco não.derrotamos o Heat nos Offs, mesmo com ele bem abaixo? Enfim, faltou apostar no próprio talento e nos companheiros que conhecia. Na minha opinião ele preferiu sim tentar um anel mais fácil ( título que poderia vir conosco), preferiu arranhar a imagem que construiu em Boston. Escolha dele, triste e pequena.

  12. Renato TD

    O detalhe é que ele já tem um anel pelo Celtics !
    È mercenário sim !

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.