Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Erga a cabeça!

Não fique triste caro torcedor celta, nossa meta foi alcançada com êxito.

Após a tentativa de contar com Kevin Durant e o mesmo ter decidido ir para o Golden State Warriors, a nossa expectativa real era de conseguir ir até a final de conferência. O título era um sonho, mas infelizmente não veio.

Após um início irregular na competição, muito por conta de seguidas contusões de alguns de seus principais jogadores, o Celtics conseguiu engrenar e terminar a fase de classificação na primeira colocação da conferência Leste.

Vieram os playoffs, e com eles uma notícia trágica que abalou toda a equipe: a irmã mais nova de Isaiah Thomas, All-Star e líder do Boston Celtics, veio a falecer de forma trágica, em um acidente de carro. A imagem do armador sendo consolado pelo companheiro Avery Bradley é com certeza uma das cenas mais tristes desta pós-temporada.

Com o time abalado e uma atuação espetacular do ex-celta e agora armador do Bulls, Rajon Rondo, Boston foi batido, mesmo com os 33 pontos de Isaiah na partida. O segundo jogo da série veio e um apagão geral fez o time de Chicago sair de Boston com a vantagem de 2 a 0. Mesmo assim, viu-se uma grande reação do Celtics que virou a série para seguir em frente na disputa.

A segunda rodada dos playoffs colocou o Celtics de frente com o time que, no momento, talvez seja o principal rival de Boston, o Washington Wizards. Em uma série espetacular, com direito a jogo de 53 pontos do Anão, o Celtics eliminou o time da capital e classificou-se para enfrentar o grande favorito da conferência Leste: o Cleveland Cavaliers, de Lebron James e sua turma.

As duas primeiras partidas da final de conferência, em Boston, foram um verdadeiro passeio da equipe de Cleveland. Para completar, o Celtics perdeu sua principal estrela para o restante dos playoffs, com uma lesão no quadril. A varrida na série estava desenhada e parecia provável a todos. Mas nunca para o nosso time. Nunca para os nossos guerreiros.

Os jogos três e quatro da série mostraram que o Celtics pode sim ganhar do Cavaliers e que a equipe de Boston tem um grande poder de superação, e que ainda vai evoluir muito com o tempo.

O Celtics é um time jovem, que deve acrescentar a primeira escolha do próximo Draft e provavelmente mais uma estrela para ajudar na próxima temporada. O time que não passava da primeira rodada, agora é um finalista de conferência. O futuro reserva dias brilhantes para o Celtics. A próxima temporada tem tudo para ser a temporada do Celtics. O verde tem tudo para voltar ao seu lugar de direito.

Portanto, erga essa cabeça torcedor celta, o objetivo traçado foi concluído e nosso futuro será ainda melhor. Danny Ainge e Brad Stevens sabem o que fazem e o 18º título está próximo.

Por Rômulo Lima

Author avatar
Fábio Malet
Gaúcho de Porto Alegre, bacharel em Ciência da Computação e engenheiro de softwares sênior. Apaixonado por esportes, tem o jornalismo como um hobby e pretende, futuramente, fazer pós-graduação na área. Acompanha NBA desde o começo de 2007 e, pé-quente, viu seu Boston Celtics ser campeão na primeira temporada inteira a que assistiu. Torce também para Grêmio, Tottenham Hotspur, Boston Red Sox e Green Bay Packers.

21 comentários

  1. Fernanda

    👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼

  2. Wander Carioca

    Excelente abordagem, Rômulo Lima!
    A manutenção da base aliada a um reforço de expressão e a consolidação da expectativa quanto ao Pick 01 no Draft 17, torna o Celtics,um candidato fortíssimo aos títulos da conferência (Bi) e da Liga.

  3. Fernando C Silva

    Mais um.passo na direção certa!

    Estamos muito mais perto do que os Cavs imagina e alguns de nós mesmos reconhece.

    Teremos um banco mais forte com os atletas que estavam fora.

    Nossos primeiro e segundo anistas mais fortes e experientes.

    KO e Smart muito mais experimentados.

    Provavelmente teremos Fultz e Brown.

    Na minha opinião basta um All Star. PG ou Butler.

    Ainda teremos oportunidades de melhorar o banco na agency: Zac, Taj, e até Varejão melhorariam demais o nosso garrafão, talvez sem grandes esforços financeiros.

    DA é muito capaz. Vale a pena esperar.

  4. Barros

    Acho que o Celtics deveria trazer o Taj e dispensando Amir.

  5. Paulo Kulsar

    Sim, nada de frustração! Fazer a melhor campanha do Leste e chegar às finais da conferência era mais do que imaginávamos. O caminho está traçado, e logo teremos time para brigar de frente com LeBron & cia.

  6. JailtonSV

    Belíssimo texto!

    Só não falo para erguermos a cabeça pq acredito que ninguém baixou-a.

    Resumo do que comemorar:

    Thomas jogando como MVP.

    Bradley apresentando um arsenal ofensivo que ao meu ver o transforma em um jogador de perímetro de elite.

    Rozier mostrando potencial, Brown mostrou potencial e personalidade, substituiu o Bradley como titular diversas vezes e foi muito bem, primeiro ano animador.

    Horford veio para o Celtics mostrando que Boston voltou a ser considerado por grandes FAs. Apesar de valores questionáveis no seu contrato e uma temporada regular com atuações oscilantes, fez um ótimo playoff. Conseguiu se encaixar no esquema do Celtics e até reinventar seu próprio jogo adicionado características interessantíssimas em um curto espaço de tempo como bolas de 3 e assistências dignas de bons armadores.

    Stevens no all star game, ganhando respeito e notoriedade da liga e dos jogadores rivais, jamais entenderei como ele não recebeu um mísero voto para treinador do ano.

    Zizic se destacando na Europa, parece que já chega pra ajudar nosso fragilizado garrafão. Espero que Yabusele renda mais que o Amir. E temos Pick 1.

    O que poderia ter sido melhor:

    Amir passou mais um ano sem produzir, Green foi pouco utilizado e jovens​ como Young e Mickey não mostraram evolução (mesmo em um garrafão tão frágil, Mickey não conseguiu destaque).

    Crowder deu um UP em seu arremesso de perímetro, entretanto decaiu em solidez defensiva.

    Próxima temporada:

    Trocar Pick? Trade em all star? Movimentação na FA? São muitas possibilidades que não comentarei para não alongar ainda mais esse comentário. Só gostaria que nosso garrafão fosse prioridade, pois considero o setor mais débil.
    A única coisa que sei, é que sem dúvida alguma estaremos mais fortes.

    Se você baixou sua cabeça a erga, pois você torce para o maior campeão da NBA, a franquia mais representativa deste esporte apaixonante, o verde e branco mais poderoso do mundo, e da próxima vez, nossa equipe estará muito mais capaz de fazer justiça a alcunha da cidade de Boston. A cidade dos campeões!!!

  7. David Pessoa

    O belíssimo e necessário texto e o maravilhoso comentário do colega Jailton me emocionaram demais.

    É isso aí, essa temporada foi um sucesso e temos tudo para voltarmos ainda mais fortes para a próxima temporada. Estou depositando muita confiança em Fultz, brown, rozier, zizic e yabusele, mas principalmente no danny ainge.

    Por falar em Danny Ainge, estou achando que nosso GM vai mesmo propor alguma troca. Tenho pensado muito no andre drummond no Celtics, o que acham?

    A possibilidade de conseguir o Drummond via trade e o hayward via free agency ainda nessa temporada estão me animando demais, pois ao meu ver, os dois solucionariam dois problemas do Celtics de uma vez, que é o baixo número de rebotes e a falta de mais um grande pontuador para ajudar o Isaiah Thomas.

    Thomas-Bradley-Hayward-Horford-Drummond

    Sinceramente, acho que esse time poderia bater de frente com cavs e warriors ainda na próxima temporada.

    • Fernando C Silva

      Este time, na minha opinião, é mais forte que os Cavs.

    • Rafael Lima

      Drummond e Hayward transformariam nosso time numa máquina! Teríamos o segundo melhor garrafão (atrás de Cousins-Davis dos Pelicans), pontuadores de elite (Hayward-Bradley-Thomas), um técnico top 3 da NBA e um banco com jogadores extremamente promissores (Zizic-Yabuselle-Brown-Fultz-Rozier).
      Isso se a troca de Drummond fosse por Zeller+Smart+pick Nets18.
      Pra completar o time traria Tony Allen e um David Lee na FA e manteria o Olynyk e Green.

    • JailtonSV

      Primeiramente gostaria de agradecer o elogio ao meu comentário.

      A respeito do Drummond, acho excelente jogador. Possui um contrato alto e longo, se estenderia até 20/21 com player option e comprometeria o CAP (como qualquer all star que vier), porém ao meu ver valeria a pena.

      A única questão é se com a vinda dele Horford seria deslocado para PF, nessa função ele acabou não rendendo tão bem esse ano.

  8. Celso Cachali Jr

    Realmente nao temos que nos preocupar. otima visão dos colaboradores do site.

    Mas nosso time ano que vem vai bomba.

    Nao vamos sonhar tão e alto e tão caro.

    De vez do Hayward, PG ou JB estes dois ultimos por trocas. Podemos fazer uma troca muito mais facil por Carmelo Anthony este sim seria um belissimo acrecimo para o nosso jogo, pode jogar de na 3 e 4 colocando o Brown para jogar mais minutos.

    E ainda por cima ir para cima de um Milsap ou Griffin na Free Agent.

    Que eu considero por todo o nosso caminho que ambos olharam para a nossa proposta com muito carinho por tudo que a franquia oferece para agora e para o futuro de glorias.

  9. Renato

    Fomos até o limite, diria que até nos superamos.
    Celtics inicia sua vida de contender novamente na próxima temporada

    Adição de 1 All Star
    Fultz, Zizic, Yabuselle e Nader
    1 veterano para o banco (Tony Allen)
    Trade Bradley ou Crowder + Nets 2018 em pacote por outro All Star

    Titular Thomas Smart George Griffin Horford

    Reservas Fultz Brown Allen Yabuselle Zizic

    Time dos sonhos

  10. LUIZ FILIPI AVELAR FIGUEIREDO

    Ótima reportagem Romulo… mais que orgulhoso do nosso time..

  11. Marco Ferreira

    Sem dúvidas temos vários cenários para formarmos um grande time na próxima temporada.
    Acredito que a unica franquia capaz de quebrar essa hegemonia dos Cavs e Golden somos nós!
    Mas com tantos cenários fico na confiança das loucuras do Danny Ainge com o Brad Stevens.

    Eu particularmente não gastaria tanto com PG ou Jimmy Buttler, a não ser que tivéssemos uma garantia de renovação no final do contrato.

    Situações simples e sem loucuras para resolver o problema Celta, na minha opinião, é o Blake Griffin, ele na posição 4 e a chegada do Fultz para a segunda rotação já transforma nossa equipe em uma das mais temidas do Leste sem dúvida!

    Claro que adoraria ver Drummond ou até mesmo o Demarcus Cousins (Esse com uma cabeça boa, se não sem chances) com a camisa Celta, transformaria nosso maior problema em grande solução.

  12. Antonio Jhennyson de Souza

    Tenho certeza que o Celtics irá trocar essa pick. É acho q será a melhor opção. Go go c

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.