Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Magic 110 x 91 Celtics

Depois de uma grande vitória contra o Wizards no TD Garden, o Celtics foi até Orlando enfrentar o Magic, adversário este que também vem em ascensão na Liga.

No primeiro quarto, o jogo estava equilibrado sem destaques individuais, o Celtics poderia ter vencido este quarto, mas Turner, Bradley e Crowder perderam cestas embaixo do aro, parece até que isso é treinado porque toda partida acontece. Placar 21×20 a favor do Magic.

No segundo quarto Oladipo desequilibrou o jogo a favor do Magic e o estrago só não foi maior porque Bradley e Lee pontuaram bem, mesmo a sim o quarto terminou 32×25 a favor do Magic.

Terceiro quarto parecia uma continuidade do segundo, falhas infantis, e aí outro jogador do Magic resolveu brilhar no jogo, dessa vez foi Vucevic que parecia não ter marcação dentro e fora do garrafão. Fim do quarto 31×22 a favor do Magic

No último quarto o Celtics tentou uma reação, mas quando tentava se aproximar através do Thomas, vinha Oladipo e Vucevic e acabavam com qualquer chance de reviravolta no jogo. Fim do quarto 26×24 a favor do Magic.

Resumo do jogo:

Magic tem uma grande equipe, talento e juventude em uma combinação muito interessante, o Celtics tentou igualar o jogo no seu melhor que é garra e aplicação tática, mas sem o Smart não tinha como parar o Oladipo.

Alguém tem que avisar para o Thomas que nem sempre é momento para ser peladeiro, durante a partida várias vezes vinha correndo como louco e arremessava de 3 pontos sem ninguém no garrafão sequer para tentar o rebote.

O Celtics já volta as quadras nesta segunda dia 30 de Novembro, contra o Heat na casa do adversário às 22:30h horário de Brasília.

 

https://www.youtube.com/watch?v=umitBQpxatU

 

 

 

 

Author avatar
Renato Machado
Meu nome é Renato Gaspar Machado, formado em Direito, atuo na área de liquidação financeira do Banco do Brasil, tenho 35 anos, Casado com 1 filha de 4 anos. Sou torcedor fanático do Celtics, apaixonado pela NBA. Moro no Rio de Janeiro.

2 comentários

  1. Gbrunus

    Infelismente a lesão do smart não prejudicou apenas o sistema defencivo da equipe, ele tambem é o lider da equipe, ele levanta o time quando ele esta em quadra, entao n sei se ele esta acompanhando o time nessa viagem de 5 jogos mas seria muito bom, sendo uma especie de KG e fazendo o time segurar o sistema defencivo

  2. Fala Renato,

    Ótima observação sobre as cestas perdidas embaixo do aro.
    Isso merece certo destaque, os erros no contra-ataque são terríveis.

    Ontem o Turner também perdeu um fast break sozinho errando a bandeja (o AB tb, mas isso é praticamente todo jogo).

    Parece que o Celtics tem um dos piores elencos da Liga em termos atléticos (compensam isso com alguma inteligência defensiva).

    Vejamos, roubo de bola e passe no ataque a bola cai com:
    1- A. Bradley
    2- E. Turner
    3- KO
    4- Sully
    5- Crowder
    6- IT
    Cara, o único que garante que vão ser 2 pontos com certeza é o Crowder pq é o ÚNICO que consegue cravar sem dificuldades.

    AB e IT são undersized (o IT pelo menos procura sofrer a falta), o Turner vai molenga no fast-break, o KO parece um lesado e consegue andar com a bola nessa situação, o Sully no auge dos seus 450 kilos…
    É meio triste isso.
    Toda equipe tem pelo menos uns 3 jogadores com atleticismo invejável, estamos devendo nesse quesito.

    O Brad sacou isso e armou a jogada que o time repete, principalmente com o Thomas.
    Rouba a bola, sai no contra-ataque e dispara de 3.
    Não sou fã dessa estratégia, mas considerando o exposto acima (falta de jogadores que sequer conseguem cravar), acho que é o que dá para fazer.
    No entanto, estamos trocando 30% por quase 80% de sucesso.

    []s verdes

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.