Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Prévia – Boston Celtics (11-14) x Minnesota Timberwolves (12-12)

Sem atuar no fim de semana, o Boston Celtics volta a jogar na noite desta segunda-feira (16). Disposto a continuar transformando sua crescente em vitórias, o time verde recebe, em seu TD Garden, o Minnesota Timberwolves. É o 26º compromisso celta na temporada e o 13º atuando diante de sua torcida, em Boston.

Após ver um bom desempenho na última semana ruir por causa de duas derrotas consecutivas, o Celtics voltou a reagir na última sexta-feira (13), quando bateu o New York Knicks em um jogo bastante disputado. A vitória sobre o rival nova-iorquino serviu não só para acalmar os ânimos, mas também para consolidar o Alviverde na liderança da Divisão do Atlântico e também na própria conferência Leste, onde já tem a quarta melhor campanha mesmo sem contar o topo na divisão.

Para enfrentar o Wolves, Brad Stevens terá quase todo o elenco do Celtics à disposição, exceto o armador Rajon Rondo, que já foi autorizado pelos médicos para treinos mais pesados, mas que só deve retornar em janeiro. Sendo assim, o técnico celta manterá o quinteto com Avery Bradley e Jordan Crawford alternando a criação de jogadas. Kris Humphries, com uma lesão no joelho direito que o afastou dos últimos duelos, deve voltar nesta segunda.

Destaque da NBA nas primeiras semanas, o Timberwolves lida agora com uma queda no rendimento. Com oito derrotas nos últimos 12 compromissos, os Lobos estão fora da zona de classificação na conferência Oeste e, caso sejam derrotados em Boston, ficarão com uma campanha inferior a 50%, o que prejudica ainda mais a equipe em torno de seu principal objetivo, que é voltar aos playoffs após quase dez anos de ausência.

Sem contar com o ala Chase Budinger e com o pivô francês Ronny Turiaf, o treinador Rick Adelman aposta na força de seu garrafão, formado por Kevin Love e Nikola Pekovic, para surpreender o Celtics. Além deles, a sua ‘criação internacional’, formada pelo espanhol Ricky Rubio, pelo porto-riquenho J. J. Barea e pelo russo Alexey Shved promete dar muito trabalho a Bradley e companhia.

Ficha Técnica

Local: TD Garden (Boston, MA)

Horário: 22h30 (horário de Brasília)

Transmissão: @Celtics_Brasil

Boston Celtics: Jordan Crawford, Avery Bradley, Jeff Green, Brandon Bass e Jared Sullinger. T: Brad Stevens

Minnesota Timberwolves: Ricky Rubio, Kevin Martin, Corey Brewer, Kevin Love e Nikola Pekovic. T: Rick Adelman

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

22 comentários

  1. Danilo Jeolás

    Jogo duríssimo, mas podemos vencer. Fundamental não apanharmos muito de Love/Pekovic.

  2. Renato

    Acho que esse jogo é tranquilo, porque o Wolves jogou ontêm e o time do Celtics tá 2 dias descansando.

    No celtics blog saiu a notícia para ficar de olho no Celtics em possível trade por ASIK, acho que se vingar essa trade nos tornaremos um time muito competitivo, já que com a volta do Rondo teríamos um quinteto inicial excelente, e um banco razoável.

    Rondo – Bradley – Green – Sullinger – ASIK

    Pressey – Crawford – G Wall – Olynyk – Hump

  3. João Pedro

    Let`s go C’s, jogo dificilimo mas mt importante, nao podemos perder em casa!!!

  4. Fernando C S

    Não acredito nestas trades acima. E não gostaria delas. Sobre o jogo, certamente teremos dificuldade com.o garrafão adversário. Não sei não.

  5. PHABIO PASSOS

    bem senhor educador
    Aluisio Oliveira, desculpe escrever errado,vc tem algum conhecimento sobre DILEXIA? por favor pesquise antes de falar se a pessoa e analfabeta, ou tem problema de escreve errado,isso pode acorreta em preconceito SEU e de SUA a MINHA pessoa,antes de escreve e falar da pessoa, pesquise…..desculpe SEU DOUTORADO, SEU MESTRADO E SE VC ´E UM PH DA EDUCAÇAO E DA PSICOLOGIA EDUCADITVA…..e s queria deixa uma recado pra moderadores sobre as pessoas que estam usando palavras chula e de biaxos escalao…..agora vou continuar escreve aqui, sei que aqui tem pessoas educadas e sem prencoceito..

  6. Marcos

    Galera,

    Se forçarmos o jogo em cima do armador espanhol, ele espana e o Love sozinho (e bem marcado, óbvio) não consegue. Essa é a chave do jogo. Bom jogo de Sully e Crawford podemos levar essa.

    Galera, outro dia um cara aí no blog comentou perguntando sobre a diferença do Rondo e do Crawford.
    Bom aqui está um vídeo feito pela organização da NBA: http://www.youtube.com/watch?v=zHFwwwle-qw

    O dia que o Crawford der uma assistência desse gabarito, me liga! Rsrsrs. Nada contra o J Crawf, gosto dele aliás, mas PG pra trollar o LeBron nessa liga só existem dois: Rondo e Parker (Chupa CP3).

  7. drakes

    Acho que tem muita fumaça nessas trocas como sempre ocorre, agora acho difícil o Parsons sair, ele é amigo do D12 e foi o cara que ajudou a recrutar.

    Como acho besteira o Hawks trocas o excelente contrato do Millsap pelo Asik.

    Green + Bass acho difícil mover juntos, para o Houston o Bass é provável, ele é o tipo de jogador que o Machale gosta. Não duvido que ele também goste do AB.

    Do jogo de hoje, não acho o Wolves um baita time, tirando o Love que tem que marca-lo bem, por que ele foi p cara do último confronto.

  8. Marcos

    Já estava pronto para dizer “jogo regular” do Sully antes de começar o 4o quarto e ele DESTRUIR os Timberwolves. Por lances de matar uma bola de 3 como aquela no final que acho que ele seria ainda melhor ao lado de um grande Center defensivo. Em algum lugar em Brooklyn, Garnett está sorrindo ao olhar as estatísticas de seu aluno…

    Ó vou falar aqui 2 coisas:
    1- Se Rondo voltar bem there’s no fu***** way de ficarmos de fora dos playoffs. Rondo – x – Green – x – Sully, comum banco com Crawf, Bass, Olynyk… Não vai ser campeão, mas vai deixar mt franquia sem dormir.

    2- Galera, o objetivo do Brad deve ser desenvolver o Cabeleira (eu acho). PORÉM, kard

  9. Marcos

    Asha Humprfries esta jogando mt. Como o Bass está acostumado a ficar no banco, começo a pensar que o Kardasha está cavando a vaquinha dele no time titular.

    []s verdes

  10. Danilo Jeolás

    Stevens está fazendo do Humphries um jogador importante.

    Vai ser conhecido como Brad Potter…

    • Brad realmente está fazendo um trabalho excelente! tem tudo para ser um TOP treinador da NBA com o tempo

    • Marcos

      O Kardasha era um jogador importante na regular campanha dos Nets do ano passado (foram aos offs). O motivo da torcida celta não gostar dele é a briga que ele estava envolvido contra o Garnett (C’s vs Nets) e depois por ter quebrado o Rondo (ACL – Bate na madeira 3 vezes).

      Porém, acho que o cara está tendo humildade o suficiente para sair do banco e ir fazendo o “garbage game” jogando na área pintada.

      Plus, AO CONTRÁRIO do GWall falastrão tem ficado quiteinho e trabalhando enquanto o outro se acha a última bolacha do pacote.

      Parabéns, ao Stevens pelo amplo domínio tático que vem exercendo, com bons timeouts e substituições, ao meu ver. Ele é do tipo que molda o time ao adversário (talvez porque os C’s tenham um plantel com 123423445 jogadores) mas que vem dando resultado e incomodando.

      []’s

  11. drakes

    Sobre minny e Celtics, que desastre o jogo do Rubio, os Wolves me dão a impressão que é um elenco de jogadores que fazem muito algo e nada do resto, tirando o Love.

    Vitor Faverani, ontem, fez um bom jogo, marcou bem e fez seus pontinhos, nessa temporada de rookie dele quando ele joga 12 a 15 minutos, ele vai bem.

    Piada do dia (eu espero) foi o Celtics trocar 1 pick primeiro round por Austin Rivers.

  12. Cesar

    pra mim o Bass é banco do Humphries fácil! Bass é responsável por metade dos turnovers do Celtics, tem uma mão de alface fdp. SEGURA A BOLA, PORRA

  13. João guama cabano

    ganhamos o jogo e que jogo

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.