Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Spurs 108 x 105 Celtics

QUE JOGO!!!

A torcida deseja sempre a vitória, mas existem jogos que o resultado se torna mero detalhe, isso configura o que foi a partida Spurs x Celtics.

Primeiro quarto – Celtics iniciou a partida a todo vapor, abrindo 10 pontos de vantagem com uma atuação excepcional do Bradley que marcou 12 pontos nos 5 minutos iniciais do quarto, após um tempo o Spurs se acertou e tomou conta do garrafão tirando a vantagem e fechando com 2 pontos de diferença. Placar 29 x 27 a favor do Spurs.

Segundo quarto – Os reservas do Spurs, em especial Diaw e West tomaram conta do jogo, nosso garrafão soft com Olynyk e Zeller era presa fácil para o Spurs, só não foi pior porque Turner mais uma vez veio bem do banco e diminuiu a diferença, de qualquer forma o placar ficou 29 x 22 a favor do Spurs.

No início do terceiro quarto o Celtics tentou uma reação administrada pela maior qualidade técnica do Spurs, Thomas entrou no jogo, mas pelo lado do Spurs Leonard acertava de tudo um pouco. Final 28 x 22 a favor do Spurs.

Ou seja, entramos no último quarto perdendo por 15 pontos, jogando na casa do Spurs, logo já era pensaria o torcedor… NÃO! O time do impossível treinado pelo Stevens dos magos voltou a aprontar.

Último Quarto – Como supra citado, Stevens tira Sullinger e coloca Jhonson como único homem de garrafão, pega o Crowder joga para posição 4 e Turner na 3, tira Thomas e coloca Hunter em seu lugar, ou seja, faz o time ficar alto e de forte marcação, faz o Spurs perder sua melhor arma que era o garrafão, e com isso gera um baita desgaste na rotação do Spurs o que leva a vários erros infantis, ofensivamente todo mundo contribui Hunter, Bradley, Turner, Crowder, Jhonson, e a partir da metade do quarto Thomas vem on fire do banco para trazer a vantagem para apenas 2 pontos faltando 17 segundos com posse de bola do Celtics, mas na jogada tentada pelo Thomas, Bradley erra o arremesso e o SPURS vence. Final 34×22 a favor do Celtics.

Resumo: Essa foi nossa melhor partida até agora na temporada, fizemos tudo que era possível, perdemos por jogar com uma equipe tecnicamente muito melhor, e por não ter respostas de garrafão para melhor rotação da NBA nesse quesito. Amir Jhonson fez sua melhor partida pelo Celtics, parece que cada vez mais, está entendendo o sistema de jogo e tem sido muito importante nos últimos jogos. Bradley continua a jogar muito bem dos 2 lados da quadra, hoje foram 4 em 6 arremessos de 3 pontos convertidos. Thomas é um jogador fundamental, mas não pode deixar outro jogador decidir faltando 17 segundos para acabar o jogo  a bola era DELE. Zeller favor passar no RH com carteira de trabalho e carta de referência, já deu para você no Celtics, na sua passagem em quadra foi quando perdemos o jogo.

Destaques:

Celtics

Jhonson – 11 Pontos e 11 rebotes

Bradley – 18 Pontos e 2 roubos de bola

Thomas – 23 Pontos e 8 assistências

Spurs

Leonard – 15 pontos e 8 rebotes

Aldridge – 17 pontos e 9 rebotes

Banco de reservas – 54 pontos (20 a mais que o nosso)

Próxima partida será contra o Pelicans, na casa do adversário dia 07-12 às 23:00

https://www.youtube.com/watch?v=U8j3_a_tNQo

Author avatar
Renato Machado
Meu nome é Renato Gaspar Machado, formado em Direito, atuo na área de liquidação financeira do Banco do Brasil, tenho 35 anos, Casado com 1 filha de 4 anos. Sou torcedor fanático do Celtics, apaixonado pela NBA. Moro no Rio de Janeiro.

12 comentários

  1. Jean Lucas dos Reis Brazuna

    Jogasso asso asso asso..tá dando de ver o trabalho do Stevens…é hj, tendo em vista o q tem em mãos e o que consegue tirar da equipe, o melhor coach pra mim…a evolução é muito notória ainda mais se considerar o tempo q teve, e as mudanças constantes dos jogadores…é o nosso franchising player hehe

  2. Jean Lucas dos Reis Brazuna

    Dando gosto*

  3. Stevens monstrando a cada jogo que tem vários truques na manga, a idéia de Crowder de PF é mt boa e podia ser mais usada.
    Eu tb gosto da marcação para defesa zona no 3o quarto que ele implantou (surpreende os caras e protege nossos jogadores de garrafão meio retardados – KO, Lee, etc…)
    As dobras na marcação no PG adversário tb são uma boa sacada, onde sempre o Crowder ou o AB tem vindo para fazer essa segunda cobertura (corre o risco de fica um livre para a bola longa, mas vale a pena)

    Ressaltar aqui algumas coisas:
    1- Até a metade do 2o quarto tinhamos batido apenas UM único lance-livre (Zeller). Time precisa ter consciência de inflitrar quando necessário. Os reservas do Spurs batem muito e o time não teve essa leitura do jogo.

    2- Pontuar no contra-ataque. Lideramos a Liga em roubadas de bola e quase quebramos nosso recorde de steal só no 1o quarto ontem. O problema é o que vem DEPOIS do roubo de bola. Por eemplo, o Turner levou dois tocos em uma jogada de 2×1. Cara, contra-ataque tem que pontuar, não me conformo com cara perdendo bandeja sem marcação. Aliás, tirando o Thomas, devia ser proibido fazer bandeja no contra-ataque, moçada vamos partir pra cravada! Vamos aproveitar somar todos esses pontos nos contra-ataques!

    GSW a sua hora vai chegar!

    Só para constar, IT4 é nosso melhor jogador, o único jogador do Celtics que pode fazer All-Star, meu jogador dos C`s favorito, mas ainda assim não é clutch (já perdemos uns 3 jogos com a última bola na mão dele). A decisão de deixar o AB chutar foi uma boa chance para variarmos isso. Acreditem se quiser, quando Smart voltar acho que devemos dar essa última bola na mão do garoto, ele fez bem esse papel no ano passado.

    []s verdes

    • Renato

      O time é limitado técnicamente, mas tem que tentar sempre a infiltração no contra ataque, erros vão acontecer e isso irrita mesmo, mas é melhor ir lá no garrafão do que os arremessos suicidas de fora com 3×2 no contra ataque (Thomas falo com vc).

      Esse lance do Turner me custou um copo, tava tomando uma cerva aqui em casa, aí ele tomou o toco e ficou de costas para cesta, pensei o animal vai tentar arremessar de novo com o 3 jogadores do Celtics para ele passar a bola, dito e feito, dei um chute na mesinha e o copo foi para o espaço, Turner FDP rsrs, mas mesmo assim ele tem sempre vindo bem do banco.

      Acho que o Celtics pode aprontar para cima do GSW, basta colocar o Bradley colado no Curry o jogo inteiro, para forçar os TO

  4. Everton Paiva

    Acho que o Zeller pode chamar o Lee para irem juntos ao RH! Não assisti esse jogo mas pelo último contra os Kings e como ele não foi mencionado (não sei se jogou) pede pra sair.

  5. Fernando C. da Silva

    Eu ainda teria paciência com o Lee. Acho que o Zeller pode ter uma companhia sueca no RH. O problema é que estes caras não estão jogando e, assim, fica mais difícil fazer negócio com ambos.

  6. Sander

    Ngm tem paciência com o Zeller (eu tbm não)
    Kkkkkkkkkkk

  7. Rodney

    Infelizmente perdemos o jogo no 2º quadro, o time precisa aprender a ter uma constante no jogo todo.

  8. David pessoa

    Mano,gostaria muito de ser surpreendido e o smart voltar antes do jogo contra GSW.Seria uma pedra maior ainda no sapato do Curry.

  9. Danilo Jeolás

    Nosso Franchise Player chama-se Brad Stevens. E podemos sim quebrar a série do Warriors.

  10. drakes

    Só vi um pedaços do jogo por replay, agradeço a visão do todo do resumo. Mas, sobre a campanha, apesar de boa partida, o Celtics fecha outros 10 jogos em 5×5…

    Agora contra Pelicans começa outra, e espero que volte a fazer 6×4, caso contrário a classificação vai ser bem complicada.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.