Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Boston Celtics e Jaylen Brown chegam a acordo de extensão de contrato por 4 anos e 115 milhões de dólares

Depois de alguns dias em negociação, o Boston Celtics enfim encaminhou a extensão de contrato com Jaylen Brown. De acordo com Chris Haynes, do Yahoo Sports, o Celtics ofereceu inicialmente uma quantia de 80 milhões de dólares por uma extensão de contrato por 4 anos, mas a proposta foi recusada pelo atleta. As negociações perduraram até a data de hoje, 21, até que os dois lados chegaram em um acordo.

O atleta receberá o salário fixo de 103 milhões durante os 4 anos de contrato, sendo que o acordo contempla também 8 milhões em incentivos, caso o atleta vença o prêmio de Most Valuable Player (MVP), Melhor Defensor do Ano (DPOY) ou caso faça parte de uma das três equipes ideais da NBA. Jaylen Brown também embolsará 4 milhões se vir a completar 65 ou mais jogos com a camisa celta, e se o time vir a ganhar mais de 49 jogos na temporada regular e chegue na segunda rodada dos playoffs.

Embora Brown tenha potencial para se tornar uma estrela no futuro, parte da torcida e também da imprensa o encaram hoje ainda como um jogador em desenvolvimento, que pode contribuir muito com o time em um possível título na temporada. A equipe elogia muito sua performance defensiva em particular.

“Ele definitivamente tem um grande potencial. Nós e a nossa equipe técnica sabemos da sua capacidade. Ele é atlético o suficiente para proteger os caras. Então, quando ele entender isso e encarar isso de frente, será um jogador melhor”, disse Marcus Smart, sobre Brown, em dezembro de 2017 em uma entrevista concedida para Chris Forsberg, da ESPN.

Jaylen Brown completará 23 anos nessa semana, no dia 24. Na temporada passada, teve uma média de 13,0 pontos, 4,2 rebotes por jogo e 46,5% de aproveitamento em arremessos de quadra. Tal desempenho pode ter decepcionado aqueles que esperavam que o atleta tivesse um grande ano após sua ótima performance durante os playoffs de 2018.

Mas e você, torcedor? O que achou da extensão do contrato? Foi um bom custo-benefício para o Celtics? Deixe sua opinião nos comentários!

Author avatar
Junior Santos
Paulista, 24 anos, Administrador e Analista Financeiro. Apaixonado por futebol e basquete, principalmente por dois times que usam as cores verde e branco: Palmeiras e Boston Celtics. Encontrou na escrita um hobby e busca contribuir com o entretenimento esportivo.

5 comentários

  1. Jonas Broetto

    Na minha opinião ficou muito alto esse contrato do Brown, mas não tem o que fazer mais. Esperar que ele renda o seu máximo nessa temporada.

  2. Samukarj

    Muito dinheiro para um jogador normal, na boa estamos caminhando para mais um ano de perdido.

    Sonhar com titulo com esse elenco? só louco para esperar isso mesmo, DA conseguiu piorar o time (grande trabalho). O Nets que estava morto a cada dia se reforça e renova com os principais jogadores.

  3. Fernando Henrique

    Parando pra pensar um pouco, saiu menos caro do que o pessoal ta falando por ai. Se ele ganhar os 8M de bônus é porque foi pra um dos times ideais da temporada, e só isso já coloca qualquer jogador nesse patamar de salario. E se o time ganhar 50 jogos e for pras finais da conferência com ele de titular e peça importante, mesmo que não chegue no nível dos times ideais da temporada, não vou reclamar do salário

    De resto, pouca diferença faz pro CAP da equipe. Quando o contrato do Hayward acabar vem a renovação do Tatum. Se o time perde o Brown não consegue contratar alguém a altura. As fichas estão nos jogadores do atual elenco, mudanças pontuais só com trocas através do desenvolvimento de jogadores como o Edwards ou o Langford

  4. Espero que ele realmente apresente o Basquete que todos esperamos; que não seja apenas “mais um” no time, mas sim um atleta de alto nível…aí sim poderemos dizer que está recebendo um salário justo.

  5. Fernando Silva

    Eu sou favorável a dar oportunidades aos nossos jovens draftados.

    Tentamos, com boas justificativas, mais um banner com KI e GH. Sabemos o que ocorreu.

    O contrato do Brown é uma tomada de posição.

    Sim, ele tem que ser cobrado de acordo.

    No mais, apoio a iniciativa do DA e penso que tenhamos talento suficiente nos nossos jovens.

    Acredito que veremos Kemba, Smart, Brown, Tatum e Rob Willy em quadra, com Carsen, GH e Kanter sendo bem usados. Javonte e Grant devem fechar o fundo um Semi.

    Smart e GH serão titulares conforme o adversário.

    Evidente que, se GH voltar a ser GH, é titular e a cereja do bolo que tanto precisamos.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *