Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

De volta após um mês lesionado, Marcus Smart quer se redimir com a torcida celta

Reserva mais acionado do Boston Celtics, o armador Marcus Smart deve voltar às quadras nesta sexta-feira (23), no duelo diante do Detroit Pistons, após ficar um mês no Departamento Médico. Smart desfalcou o time verde e branco de Massachusetts por um ato curioso, mas nada profissional: depois da derrota por 108 a 107 no clássico contra o Los Angeles Lakers, pela temporada 2017/2018 da NBA, o camisa 36 esmurrou um quadro na parede do hotel e foi parar no hospital, onde teve que retirar um caco e pegar 20 pontos na mão direita.

Em entrevista ao repórter Scott Souza, do Providence Journal, Smart manifestou mais uma vez o seu arrependimento com o ato no hotel em Los Angeles, disse que a lesão poderia ter sido ainda mais séria e deixou claro que quer se redimir com os torcedores do Boston Celtics, que criticaram o comportamento do armador nas redes sociais e estão insatisfeitos com a queda de produção da equipe, agora na vice-liderança da Conferência Leste.

“Eles tiraram um pedaço de vidro da palma da minha mão. Os médicos falaram que o vidro ficou entre os dois tendões. Eles até comentaram que eu deveria jogar na loteria porque quase fiquei sem os tendões. Agradeço a Deus por isso todos os dias. Poderia ter sido pior, e fico feliz que não seja. Fiquei devastado, apenas pelo fato de não poder fazer nada para ir lá e ajudar. Eu sou um competidor. Uma coisa é sentar no banco devido a algo que aconteceu e que você não pode controlar, outra coisa é quando você pode controlar. Senti como se tivesse deixado meu time na mão”, lamentou o camisa 36.

Com Marcus Smart de volta, o Boston Celtics quer encerrar um jejum de três jogos sem vitórias na temporada 2017/2018 contra o Detroit Pistons. A partida entre a franquia de Michigan e o time verde e branco de Massachusetts começa às 21h e será disputada na Little Caesars Arena.

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

1 comentário

  1. Fernando Silva

    Embora tenhamos sofrido 28 pts em dois quartos contra os Pistons, o jogo está no começo do Q4 agora, a boa nova é não levar mais de 30, as vezes quase 40 pts por quarto.

    Evidentemente a defesa não se resume ao Smart.

    Porém ele é sim uma peça importante e com a nossa defesa de volta, a companha voltará ao normal.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.