Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Mavs 92 X 99 Celtics

Com uma virada espetacular e mais uma grande apresentação de Paul Pierce, o Boston Celtics vence o Dallas Mavericks por 99 x 92 e conquista sua segunda vitória consecutiva e a nona seguida atuando fora de casa.

http://www.youtube.com/watch?v=o0LEI_LI-KQ&feature=channel_page

O destaque do time Celta foi o ala Paul Pierce, que marcou 31 pontos (18 deles no último quarto), pegou 5 rebotes e deu 3 assistências. Ray Allen converteu 20 pontos, pegou 3 rebotes e distrbuiu 2 assistências. O armador Rajon Rondo anotou seu segundo Triplo-Duplo (dois digitos em 3 fundamentos) na carreira, com 19 pontos, 15 rebotes e 14 assistências. Kevin Garnett marcou 16 pontos, pegou 5 rebotes e deu 3 assistências.

Pelo Mavericks o destaque e cestinha da partida foi o ala-pivô alemão Dirk Nowitzki, que converteu 37 pontos e pegou 8 rebotes. Josh Howard terminou a partida com 17 pontos, 3 rebotes e 2 assistências. Antoine Wright converteu 10 pontos e pegou 3 rebotes. O armador veterano Jason Kidd anotou 3 pontos, pegou 6 rebotes e distribuiu 10 assistências.

A partida logo começou com a liderança no placar do time mandante, que permaneceu na frente do marcador até o último quarto. No fim do 1° quarto o Mavericks vencia a partida por 21 x 17.

No segundo a diferença construída pelo time de Dallas aumentou, o Celtics errava muitos arremessos e sua defesa não conseguia conter os avanços do Mavericks. O Dallas Mavericks venceu o 2° período por 30 x 23 e foi para o intervalo vencendo por 51 X 40, diferença de 11 pontos.

Na volta dos vestiários o time de Dallas continuou melhor no jogo e a equipe Celta permanecia com muitos erros ofensivos. Com 6:37 para o fim do 3° quarto o Mavericks abriu uma diferença de 15 pontos no placar, a maior da partida, 65 x 50. Mas no fim do período o time Green encostou no placar. O Celtics venceu o quarto por 29 X 24 e foi para o último e decisivo perdendo por 75 x 69, 6 pontos em desvantagem. No terceiro período o técnico Celta Doc Rivers foi excluído da partida, por cometer 2 faltas técnicas, que foram feitas em sequência, ambas por reclamação quanto a decisões da arbitragem. Rivers não viu a reação de seu time, pois teve de ficar nos vestiários no último período.

Nos 12 minutos finais do jogo algo incrível aconteceu. Alguns torcedores do Mavericks acreditavam que a partida estava ganha, quando seu time abriu uma vantagem de 15 pontos no placar. Mas o Celtics mostrou uma grande força de vontade e o porque foi campeão da última temporada, e conseguiu encostar no marcador. Com 5:37 para o fim do jogo, com um arremesso certeiro de Paul Pierce o Celtics empatou a partida pela primeira vez no jogo, 84 x 84.

Nos minutos seguintes o ataque Celta, que não vinha realizando um bom desempenho nos 2 primeiros quartos, voltou a pontuar e a defesa conseguia conter o ataque do time de Dallas. Com apenas 0:38 para o fim da partida, com mais uma cesta de Pierce (ele foi decisivo para a virada do Celtics, convertendo 18 de seus 31 pontos no período) a equipe Celta vencia por 95 X 91. Restando 0:31 o alemão Dirk Nowitzki errou um arremesso e com 0:26 ele sofreu uma falta de Leon Powe e foi para a linha de lance livre. Nowitzki converteu apenas 1 dos 2 arremessos a que tinha direito, isso forçou o time de Dallas a anotar cestas de 3 pontos, pois o Mavs perdia a partida àquela altura por 95 x 92 e marcar cestas simples de 2 pontos não era suficiente para empatar o jogo.

Nos últimos segundos só restou ao Mavericks cometer faltas para paralisar a partida e assim tentarem converter arremessos, mas a pontaria do Dallas Mavericks não funcionou e o time não conseguiu acertar as cestas que tentou, enquanto isso o Celtics converteu 4 arremessos de lance-livre, em virtude de duas faltas cometidas pelo Mavericks. O Boston Celtics venceu o último quarto por 30 x 17, além de vencer a partida por 99 X 92.

Essa é a segunda virada espetacular da equipe Celta em pouquíssimo tempo. No jogo 4 das finais da temporada passada, disputado em LA contra o Lakers, o Celtics chegou a estar em 24 pontos de desvantagem no 2° quarto. Mas conseguiu reagir e venceu a partida por 97 X 91. Na última noite o time Green também perdia por uma grande diferença (15 pontos), mas realizou outro virada sensacional e venceu o jogo por 99 x 92.

Com a parada para o All Star Weekend o Boston Celtics possui o maior número de vitórias de toda liga, 44. O Lakers tem 42 e o Cavaliers 40 triunfos. Mas o time de melhor campanha é o LA Lakers, que possui menos derrotas na NBA, 10, contra 11 de Celtics e Cavs.

A liga volta a ter jogos apenas na próxima terça-feira, 17/02, em virtude da realização do fim de semana das estrelas.

Boston Celtics: Números

Paul Pierce – 31 pontos (18 deles no último quarto), 5 rebotes e 3 assistências.
Ray Allen – 20 pontos, 3 rebotes e 2 assistências.
Rajon Rondo – 19 pontos, 15 rebotes e 14 assistências.
Kevin Garnett – 16 pontos, 5 rebotes e 3 assistências.

Dallas Mavericks: Números

Dirk Nowitzki – 37 pontos e 8 rebotes.
Josh Howard – 17 pontos, 3 rebotes e 2 assistências.
Antoine Wright – 10 pontos, 3 rebotes e 1 assistência.
Jason Kidd – 3 pontos, 6 rebotes e 10 assistências.

Por: Flávio Di Donato Catandi

Author avatar
Flávio Catandi
Jornalista e Radialista apaixonado por basquete. Participa do Celtics Brasil desde 2008. Já foi redator, colunista e hoje é editor do site. Nas horas vagas gosta de escrever roteiros e gravar curtas e documentários. Pode ser encontrado na cidade de São Paulo com uma camiseta Celta.

1 comentário

  1. Flávio Di Donato Catandi

    O 1° Triple-Double de Rajon Rondo foi anotado no dia 03/12 de 2008, contra o Indiana Pacers. O armador Celta marcou 16 pontos, pegou 13 rebotes e distribuiu 17 assistências.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *