Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

NBA divulga calendário da próxima temporada

Na última semana, a NBA divulgou o calendário de jogos de todas as equipes para a temporada 2015/2016. E o dia de abertura da temporada será 27 de outubro. Neste dia, às 20h no horário oficial americano (22h no horário de Brasília), o Atlanta Hawks recebe o Detroit Pistons, na Phillips Arena, e o Chicago Bulls recebe o Cleveland Cavaliers, no United Center. Fechando a rodada de abertura da temporada, às 22h30 no horário americano (0h30 de Brasília), o atual campeão Golden State Warriors recebe o New Orleans Pelicans, na Oracle Arena.

A jornada do Boston Celtics na temporada 2015-2016 começa no dia seguinte, 28 de outubro (quarta-feira), quando recebe o rival de divisão Philadelphia 76ers no TD Garden.

Abaixo o calendário completo para a próxima temporada (clique na imagem para ter maior detalhamento dos jogos). Blocos verdes expressam jogo como mandante e marrons jogos como visitante.

Jogos festivos

Os jogos festivos, que celebram importantes feriados do calendário americano, são uma tradição do calendário da NBA.

No dia 11 de novembro, o Veteran’s Day (Dia dos Veteranos) – data que homenageia os veteranos de guerra das forças armadas americanas-, o Celtics receberá o Indiana Pacers.

Em duas das mais tradicionais datas do calendário americano, o Thanksgiving Day (Dia de Ação de Graças) e o Christmas Day (Natal), o Celtics terá uma breve folga na tabela.

No dia 18 de janeiro, o Martin Luther King Day (Dia de Martin Luther King), o Celtics viajará a Dallas para enfrentar o Mavericks.

E na data mais tradicional para o torcedor do Boston Celtics, o St. Patrick’s Day (Dia de São Patrício), o Celtics também terá folga no calendário. Porém, no dia anterior, 16 de março, o Celtics irá receber o Oklahoma City Thunder, em partida televisionada para todo o território americano. Nesta noite, portanto, haverá algumas referências a esta importante data.

Viagens

Nesta temporada, o Celtics será a equipe da Conferência Leste que mais viajará para fazer jogos. Serão 49.258 milhas (79.273 quilômetros) viajadas durante a temporada. Contribuindo para essa larga distância, o Celtics terá dois períodos na temporada com cinco partidas consecutivas fora de casa.

A primeira viagem do Celtics começa no dia 29 de novembro, quando a equipe de Boston visita o Orlando Magic. No dia seguinte, o Celtics viaja à Miami para enfrentar o Heat.

Após esses dois confrontos contra equipes da Conferência Leste, o Celtics viaja até o México, para fazer aquela que será a primeira partida de temporada regular da história da franquia fora do território americano e canadense. Este jogo será na Arena da Cidade do México, no dia 3 de dezembro, e o adversário será o Sacramento Kings, nova equipe do ex-armador da franquia, Rajon Rondo.

Depois da partida no México, o Celtics viaja ao Texas para enfrentar o San Antonio Spurs, no dia 5 de dezembro. E fechando esta primeira viagem, o Celtics vai à New Orleans, enfrentar o Pelicans.

Já a segunda grande viagem do Boston Celtics será na reta final da temporada regular, contra equipes da Conferência Oeste, localizadas no extremo oeste americano.

Esta viagem começa no dia 26 de março, quando o Celtics visita o Phoenix Suns. Dois dias depois, o Celtics vai a Los Angeles para visitar o Clippers, do ex-técnico do Celtics, Doc Rivers, e do lendário ala do Boston Celtics, Paul Pierce.

A seguir, vem um back-to-back (duas partidas em noites consecutivas) ingrato para o Celtics. No dia 31 de março, o Celtics vai a Portland enfrentar o Blazers. E no dia seguinte, o Celtics vai à Oakland, enfrentar o atual campeão, Golden State Warriors.

E para fechar a viagem ao Oeste, o Celtics volta a Los Angeles para enfrentar o tradicional rival Lakers, no dia 3 de abril. Este deve ser o último encontro entre o ala-armador angelino Kobe Bryant e o Boston Celtics. Bryant foi quem, do lado do Lakers, manteve a rivalidade Celtics-Lakers acesa nos últimos anos. Assim, sem Pierce do lado do Celtics e sem Bryant do lado do Lakers, dois futuros Hall da Fama, a maior rivalidade da NBA pode ter um hiato de baixa intensidade no confronto.

Reta Final

Após a última grande viagem do Celtics e do confronto contra o Lakers, a equipe de Boston finaliza a temporada com mais cinco partidas, uma contra um adversária da Conferência Oeste, e quatro contra adversários da Conferência Leste que possivelmente estarão brigando por vagas nos playoffs, inclusive contra o próprio Boston Celtics.

No dia 6 de abril, o Celtics recebe o New Orleans Pelicans, no último confronto contra equipes da Conferência Oeste.

Logo após o jogo contra o Pelicans, o Celtics tem seu último back-to-back da temporada. No dia 8 de abril, o Celtics recebe o Milwaukee Bucks. Na noite seguinte, a equipe de Boston viaja à Atlanta, onde visita o Hawks.

Para fechar a temporada, o Celtics terá duas partidas em casa contra possíveis adversários por vaga nos playoffs da Conferência Leste. No dia 11 de abril, o Celtics receberá o Charlotte Hornets. Já em 13 de abril, o Celtics fecha a temporada regular recebendo o Miami Heat.

Author avatar
Fábio Malet
Gaúcho de Porto Alegre, bacharel em Ciência da Computação e engenheiro de softwares sênior. Apaixonado por esportes, tem o jornalismo como um hobby e pretende, futuramente, fazer pós-graduação na área. Acompanha NBA desde o começo de 2007 e, pé-quente, viu seu Boston Celtics ser campeão na primeira temporada inteira a que assistiu. Torce também para Grêmio, Tottenham Hotspur, Boston Red Sox e Green Bay Packers.

33 comentários

  1. Danilo Jeolás

    A data seguinte ao St. Patrick´s Day é o jogo no Canadá. O jogo contra o Thunder é no dia 16.

    Gostei da tabela, muitas chances de estrearmos com duas vitórias e depois um grande teste em casa contra o Spurs.

    E grande sacada o jogo no México ser contra o Rondo.

    Espero a exemplo dos últimos anos, poder assistir um ou dois jogos, problema é esse dólar manuteboliano.

    • Fábio Malet

      Erro corrigido, Danilo. Jogo do Thunder é na noite anterior ao St. Patrick. Confundi as datas. Valeu!

      Quando sair o calendário de transmissões para o Brasil, veremos quantos jogos teremos do Celtão na TV. Com o SporTV na parada, espero que tenhamos mais jogos dessa vez. Se não, só nos resta o bom e velho firstrow. League Pass está fora de cogitação pelos valores que estão…

  2. Renato

    Gostei muito da tabela.

    Começamos com 3 jogos em casa e fechamos com 2 jogos em casa.

    Os jogos estao bem distribuidos, no mes que temos mais jogos fora de casa (Janeiro), tambem tem diversos jogos faceis.

    Vamos la celtao, volta logo NBA

  3. Andre

    Vcs sabem como comprar ingressos? Pretendo ir pra Boston e assistir o segundo jogo! Somente na ticketmaster?

  4. PP34

    Mais 2 meses ainda.
    Pelo menos tem a pré temporada pra matar a saudade de leve.
    Dá pra começar com um 8/0 logo de cara nessa temporada.
    Go Celtics!!!
    …sem PJIII!!!

  5. Maurício Green

    Que venha a temporada, mas falta muito ainda….

    Li uma analise lá de fora que o Celtics tem um dos calendários mais difíceis fisicamente, somando viagens e back-to-back.

    Mas acho que com nosso banco profundo e com nossas pernas novas seremos novamente os reis do back-to-back. Para mim era impressionante como jogávamos bem no fim da temporada no segundo jogo dos back-to-backs.

    Tenho especial interesse em Dezembro porque se tudo correr bem estarei lá para o Natal na casa do meu irmão. Se rolar serão no mínimo 2 jogos… Dos 5 que terá na época que estarei por lá (15 CEL, 18 ATL, 21 MIN, 27 NYK e LAL 30) estou doido para ir na mini revanche 15 e nos clássicos 27 e 30 LAL.

    E aí vamos começar as previsões?

    Aposto em (46-36)

    Margem baixa Baixo (42-40)
    Margem alta (50 – 32)

  6. pessoa

    Comecemos entao com o momento mãe dinah…
    Aposto entre 46 e 49 vitórias nessa temporada.

    Acho que as quatro primeiras colocações no leste são garantidas de cleveland cavaliers,atlanta hawks,chicago bulls e miami heat.Podemos ficar até em quinto lugar,na minha opinião(sim,sou otimista).

  7. PP34

    Eu creio em 47-35.
    Tenho fé em um início 8-0.

  8. Renato

    Acho que nossa grande vantagem é ter um elenco equilibrado, logo mesmo com lesões a equipe tende a manter o ritmo.

    Seguindo essa premissa, vejo Celtics com chances reais de ter entre 40 e 45 vitórias, e de forma otimista entre 45 e 50 vitórias.

    Também acredito ser difícil ficar entre os 4 primeiros colocados, mas o de quinto a oitavo tudo pode acontecer.

    Vou dar um palpite preciso 44-38, 6ª colocação do leste.

    • Gbrunus

      Acho q no fim da temporada nós vamos deslanchar com os times cansados e mesmo tendo uma temporada complicada em questão de viagens, o celtics tem um dos bancos mais fortes da nba top 3 na minha opinião, estou apostando entre 43 a 48 vitorias

  9. Danilo Jeolás

    Nos vejo entre 40 e 43 vitórias. O Leste melhorou nesta temporada.

  10. Billy Costigan

    O que voces acham de uma troca de Olynyk e Perry Jones por Gorgui Dieng?

    • pessoa

      Simplesmente por conter perry jones III na troca,ja sou contra,não gostaria se o garoto fosse trocado ou dispensado.Ele tem aqui em Boston a oportunidade de provar q não foi top 5 no mock draft de 2012 a toa.

      Mas caso aceitem olynik e outro jogador,poderia ser interessante pro celtics ja que ele defende o garrafao bem melhor que o olynik e que o zeller.Assim a posição 5 ficaria com dieng como titular e zeller no banco,provavelmente.

      Como ele defende bem o garrafao mas ofensivamente n é muito bom,precisaria de algum jogador bom ofensivamente para fazer dupla com ele.Formaria o garrafao com: david lee-gorgui dieng

      A questão é…aceitariam essa troca?

  11. Renato

    Ofereceria uma troca Olynyk e Jones III por Dieng com certeza.

    Acredito que o Jones III possa ser bom jogador, mas o Dieng ja e um bom jogador, e vem a resolver um dos nossos maiores problemas que e a posiçao 5.

    Na verdade prefiria Olynyk e Turner, mas pelo que tenho lido Turner caiu nas graças do Stevens, e nao deve ser trocado a nao ser que seja algo irrecusavel.

    Se Dieng vier, teriamos que usa-lo vindo do banco, pq acho que o garrafao titular deveria ser Zeller e Jhonson, mas ai vem o problema isso faria com que o Sullinger virasse terceiro reserva, ja que o garrafao reserva seria Dieng e Lee.

  12. Lucas

    Não sei se o pessoal ta muito otimista ou que estou muito pessimista. Acho que na situação ATUAL da NBA uma campanha positiva 41/42 vitórias seria o máximo pro Celtics, imagino uma campanha flutuando entre 38-42 vitórias, o leste ta BEM mais forte e convenhamos fomos um dos que menos se fortaleceram,. (vejo Cavs, ,hawks, wizards, bulls, bucks, heat…muito a frente da gente fora raptros, pacers que são melhores). Fora o Oeste que está um absurdo.
    Porem como o Celtics deve fazer trades visando um bom UP no time acho que esta campanha, lógico depende do que vai acontecer no decorrer da season.

  13. Renato

    Lucas,

    Com toda a certeza você está pessimista.

    Nossa realidade hoje é briga entre a 6ª e 8ª posição de playoff.

    O Celtics tende a ser uma equipe muito melhor na próxima temporada.

    A contratação do Amir Jhonson nos dá uma força defensiva de garrafão que não existia.

    A contratação do David Lee nos dá um pontuador confiável e experiência.

    A equipe após all star game foi TOP 3 da conferência e estará reforçada pelos atletas citados desde o início da temporada.

    Pense no risco de lesões de Wade, Lopez, Bosh, George, Al Jeferson, Ellis, Rose, Noah, Valenciunas, Al Horford, etc… todos jogadores com histórico de lesões e que são fundamentais para suas equipes.

    O Celtics tem sua força no coletivo e na qualidade de seu treinador, logo por não ter uma estrela tem o lado positivo de sentir menos a ausência de um jogador.

    O Celtics tem 3 bons Rookies que podem agregar valor durante a temporada.

    Ou seja, não consigo imaginar o Celtics com menos de 40 vitórias, e acho bem provável ficar na casa das 45 vitórias.

  14. pessoa

    Lucas,não vejo wizards,pacers e bucks superiores.Sinceramente, vejo o celtics concorrendo no pau a pau com wizards e bucks,ja o pacers acho que não se classifica nessa temporada, vou explicar:

    Pacers está com um perimetro recheado de bons jogadores,ofensivamente falando,principalmente agora com a chegada do Ellis.Mesmo assim,o backcourt não é tão bom defensivamente.Na ala,vão depender muito da saude do Paul George.

    Alem do mais,jordan hill não vai acrescentar muito ao time e myles turner será titular logo de cara ao que tudo indica,ou seja,no garrafão eles tem um cara experiente mas não muitobom e um novato no qual está sendo depositada toda a esperança dos torcedores.

    Alem dessas falhas,posso citar também o banco,que na minha opinião não vai ajudar muito.Ao contrario do celtics,que tem um dos melhores bancos da conferencia leste,alem de um quinteto titular confiavel e um tecnico de primeira qualidade.

  15. Quincy Adams

    iremos pras cabeças. Pierce voltará no meio da season, brigado com Doc. Técnico prodígio nos empurrará para o 5o posto perto dos offs. Ganharemos a final da conferência frente ao Cleveland no jogo 7, com a VERDADE se apresentando na última e decisiva bola. Iremos para uma série tranquila contra os Spurs, desfalcados das estrelas veteranas por diversas lesões. 4-2, com vareio no jogo fianl Teremos uma semana de festejos em Boston, o dia da parada será o maior carnaval da Terra… Quebrem os despertadores!!!

  16. Jota

    Eu também não estou muito otimista para a temporada. Apesar de estarmos mais fortes que na temporada passada, o Leste também melhorou muito. E muitos times que tinham desfalques na temporada passada, se reforçaram. Heat, Pacers, Raptors, Hornets, Pistons e etc… Estão todos reforçados e recuperados. Vai ser difícil brigar por essas 2 ou 3 vagas. Acredito ainda que nosso time será desmontado no máximo até a trade deadline, com a troca do Lee, Bradley, Turner e se bobear o Thomas.

    E pra ser ainda mais totalmente sincero, eu prefiro ir esse ano para o draft. Apesar de não termos chances de ser os piores (Nets, torcemos por vocês para serem os piores), é bom ter 2 chances na loteria. Esse ano teremos menos times realmente ruins brigando pelo top 3: Nuggets, Blazers, 76ers, Nets e só. O resto vem pra fazer uma temporada melhor: Lakers, Kings, Jazz, Wolves e Magic. Não vão acumular derrotas. Esse ano eles vêm pra evolução. Terminar no top 5 é bem possível. Quem sabe depois do empurrão para os Lakers, a NBA não queira nos ajudar também.

    A classe de 2016 terão jogadores que nós precisamos. Se em 2015 teve muitos centers que poderia nos ajudar por anos, em 2016 terá MUITOS Small Forwards, justamente o que precisamos. Tem pelo menos 5 bons SF no top 10 no próximo draft:

    Ben Simmons, Jaylen Brown, Brandon Ingram, Dragan Bender (Talvez um SF), Malik Newman (Que talvez jogue na 3 também)

    Bem Simmons é o mais “hypado”, por ser muito dominante para a idade. Acho que ele tem tudo para ser um dos melhores dessa classe. Imagina ele na nossa posição 3 carente. Mas o Ingram e Brown devem ser jogadores bem sólidos também.

    Fora a quantidade absurda de C que teremos no top 25. Seria IMPOSSÍVEL não sairmos com pelo menos 1 se tivermos 2 escolhas de loteria. Tem 7, SETE, centers no top 25 do próximo draft. 2 ou 3 Europeus

    Some isso à quantidade de pick que nós vamos ter. Teríamos GRANDES chances de atingir um top 5 se tivermos 3 escolhas de loteria. (A nossa, a dos Nets e a dos Mavericks). Imagine 2 picks no top 10. O sonho é possível.

    Acho que os Nets vem para a loteria, apesar de não terem ficado tão ruins como imaginamos. Se o Lopez se lesionar (Não tô rezando por isso, mas seria uma boa hihihi) aí sim podemos correr para o abraço porque uma escolha top 10 deles vem. E quem sabe a maldição da loteria não nos atinja, já que não é uma escolha “nossa”.

    No Oeste selvagem os Mavericks não vão se classificar. Duvido MUITO. Jazz e Wolves, por exemplo, tem quase tantas chances, se não mais, que eles. Fora que o Thunder vem brigar forte. Já tem pelo menos 6 vagas preenchidas: Warriors, Grizzlies, Spurs, Rockets, Clippers, Thunder. Sobraria 2 vagas para Kings, Wolves, Jazz, Pelicans, Suns e Mavericks. Chutaria que os Pelicans conseguirá a 7ª, aí sobraria 1 vaga para 4 times. Vejo o Wolves e o Jazz em pé de igualdade com os Mavericks. Suns sempre vem arrumadinho, principalmente adicionando a defesa no garrafão. Kings também tá com um quinteto titular forte. Mavericks com grandes chances de ficar fora dos playoffs. É o time com menos profundidade no banco.

    No Leste também a coisa tá forte: Cleveland, Hawks, Bucks, Bulls, Raptors, Wizards já estão garantidos, na minha opinião. Sobraria 2 vagas para Heat, Pacers, Pistons, Celtics, Hornets, Magic e Knicks. Heat se ficar completo garante a 7ª, restando 1 vaga para 6 times. Vai ser mais difícil do que vocês imaginam. Eu não ficaria surpreso com essa configuração.

    Então, pra concluir, temos grandes chances de irmos para o draft esse ano de novo, e acho até melhor pra ser sincero. Há grandes talentos para a posição que mais necessitamos, muito mais que no draft passado, que só tinha 2 Centers (Cauley-Stein e Okafor) e 3 Small Forwards (Kelly Oubre, Winslow e Johnson) bons. Talvez o Sam Dekker também, mas só vejo um role player nele.

    A classe é boa e temos enormes chances de termos 3 escolhas top 14 e sairmos com um time a ser montado por lá, com estrelas criadas em casa. Se não conseguimos seduzir ninguém na offseason, acho que essa pode ser a saída. Times em ascensão agora fizeram isso.

    Se conseguirmos 3 escolhas de loteria é praticamente impossível não termos sorte de subir uma escolha para o top 5 ou no mínimo conseguir um negócio de trade up.

    Imagina o time feito no draft:

    Dunn – Smart – Simmons – Sullinger – Poeltl
    Thomas – Hunter – Crowder – Johnson
    Rozier – Young – Mickey – Olynyk

    Com exceção do Thomas e Crowder, todos seriam “pratas da casa”. Sem a necessidade de tentar seduzir nenhum allstar no mercado.

    Lee não deve durar nesse time. Estimo que será trocado no máximo até a trade deadline, junto do Bradley e Turner.

    Não é uma ideia ruim esse draft. Já provamos que estamos em evolução, está na hora de pensarmos um pouco no futuro ao invés de perseguir uma seed fadada a ser varrida no 1º round.

    • pessoa

      Jota,essa é exatamente a nossa vantajem:o draft.Temos a pick do nets e com essa conferencia leste fortalecida,é praticamente impossivel o nets, nessa situaçao, conseguir uma boa campanha.Ou seja,podemos mesmo com uma boa campanha acabar conseguindo um bom jogador,quem sabe até o dunn(caso a pick acabe como uma top 5, acho que é bem possivel selecionarmos o garoto).O time ja tem muita qualidade e não é necessario um tank.Acho que esse time jovem tem que continuar pegando experiencia nos playoffs para uma nova era vitoriosa do celtao.

      Além do mais,mesmo se nós não nos preocupassemos com a classificação e sim com um draft, é bom lembrar que a pick do mavericks é bem protegida,o que pode nos impedir de conseguir 3 picks top 14.Acho que podemos nos contentar com uma possivel top 5 e uma top 18.Na minha opinião.

      • Jota

        Leste tá complicado, cara. Eu não vejo o Celtics, sinceramente, tão acima dos que estão disputando as 2 vagas restantes. Sendo que uma delas acredito já ser do Heat, por ter uma base melhor e ter 2 allstars (Que dependem da sua saúdo, é claro, mas mesmo assim). Pistons encorpou, assim como os Hornets, Magic e Knicks (Se conseguirem o Crawford então…). Além de ter os Pacers, que é sempre uma força, mas pode patinar sem o West e Hibbert. Raptors e Bucks estão acima. Pistons também tem uma boa base. Essa briga vai ser violenta pelas últimas duas vagas.

        Só comentei que se não formos para os playoffs, temos chances reais de montarmos um time via draft já nesse ano, com nossas picks e os rookies que já temos. Assim como o Thunder fez.

        A pick do Dallas é protegida top 7, se não me engano. Eles não vão ficar nesse top 7. Vão brigar pela última vaga até o final da temporada, mas vão morrer na praia. Estimo ficarem entre 10~13.

        Outra pick que não estamos nos atentando é a do Suns, que é protegida top 13. Essa pick é nossa também, não é? Se o Suns ficar acima do top 13 (O que é bem difícil) é nossa.

        Agora, meu comentário não é baseado no que EU quero. E sim na realidade. Não está tão fácil como alguns estão comentando em cima. Acham mesmo que estamos tão a frente de alguns times do leste?

        • pessoa

          Não acho que estamos muito a frente dos outros times,nem acho que será muito facil.Na verdade,vai ser muito dificil.

          Vejo 5 times além do alcance dos celtics:cavaliers,hawks,bulls,heat e raptors.

          Vejo 2 times que pegaremos no pau a pau:bucks e wizards

          Os demais ficarão de fora na minha opinião

          Tenho alguns motivos para estar tão otimista:no fim da temporada passada o celtao mostrou muita raça e coletividade,o que nos levou para os offs,felizmente.Era um time com falhas,mas mesmo assim,chegou aos offs.Nessa temporada está sendo corrigida a maioria das falhas,como a defesa de garrafão (com a chegada de amir johnson e jordan mickey),com caras para fazer mais de 20 pontos por jogo (david lee e isiah thomas),sem falar no acrescimo do rj hunter e perry jones III,que podem,na minha opinião,acrescentar muito ao celtics nessa temporada e nas que ainda virão.Vejo o celtics como um time com muita quimica,talento e juventude.Minha aposta previa seria…

          1-Cavaliers
          2-hawks
          3-bulls
          4-heat
          5-raptors
          6-celtics
          7-bucks
          8-wizards

          • pessoa

            *Se o jamal crawford realmente for para o knicks,o nivel do banco do new york eleva e muito.Se isso acontecer,colocaria o knicks em setimo,empurrando bucks para oitavo.

          • Jota

            Celtics chegou aos offs por mérito, claro, mas muito também por desfalques de outros times. Isso não podemos negar. E esses times desfalcados além de terem se recuperado, ainda conseguiram se reforçar.

            Sério que tu acha que o Celtics tá melhor que os Bucks e Wizards? Ou é clubismo?

            Bucks e Wizards foram bem melhores que nós na última temporada e eles se reforçaram. Wizards perdeu o Paul Pierce, mas tem um allstar, tem o Otto Porter terminando bem a temporada, tem agora o Oubre Jr. Bradley Beal jogando em alto nível para conseguir um contrato máximo. Bucks tem a MESMA base, a volta do Jabari Parker futuro allstar e a adição do Monroe que tanto sonhamos. É sério que, sinceramente, você acha que estamos acima deles?

            Colocaria o Leste assim:

            Cavaliers:
            Bulls
            Hawks
            Heat
            Raptors
            Bucks
            Wizards
            Celtics/Knicks/Hornets/Pistons (Magic e Pacers correndo por fora)

            E sobraria a última vaga para (Talvez com a oscilação dos Wizards sobraria 2). Mas tem tudo para terminar a temporada assim. E isso falo sem clubismo nenhum. Não vejo o Celtics preparado para ficar acima desses 7 times.

            Sinceramente a briga vai ser essa, pela 7 e 8 vaga, isso se o Wizards não encaixar, porque o oubre jogou MUITO bem na Summer League e vai dar a juventude que o Pierce infelizmente não dava. Aposto que ele consegue repetir os números do Pierce, então a base mantida e dois jogadores allstars, praticamente (Beal e Wall com 25 pontos por jogo).

            Enfim, a briga se concentra na última vaga, e o Celtics tá, sim, acima dos demais time. Mas aí tudo pode acontecer.

  17. drakes

    Provável 42 a 43 vitórias para Celtics.

    • drakes

      1. Cavs
      É o time mais forte.

      2. Bulls
      3. Hawks
      Dois perderam peças importantes, o bulls um dos melhores técnicos, além da saúde do Noah e Rose serem dúvidas.

      Depois vem um bloco que a sorte vai contar muito que vai até o 10
      4. Wizards
      5. Raptors
      Não me entusiasma nenhum dos dois, não vou ficar espantado se os dois perderem os playoffs.

      6. Bucks, eles ganharam jogadores e vão ter o Parker é verdade, mas perderam jogadores chave que ajudaram muito na temporada passada, praticamente estagnaram ao meu ver em termos de vitórias, mesmo assim a próxima campanha é mais criar um sistema de jogo, dar mais experiência para núcleo jovem.

      7. Celtics – é um time muito profundo, mas sem um franchise player, vai melhorar um pouquinho, o que ajuda na campanha final já que ganharam na última 40.

      8.Heat
      Acho o elenco bem complicado, tem Deng, Bosh e Wade três jogadores em nítida queda física, dois jogadores bem problemáticos para elenco: Hassan Whiteside e Dragić, de útil veio o winslow, mas pelo técnico que eles têm não acredito em muito tempo para o calouro.

      9. Hornets – tem Batum, Kemba, Al Jefferson e MKG, relativamente um bom banco, vão brigar pelos playoffs se não tiverem problemas de contusão podem chegar.

      10. Pistons – tiveram 32 vitórias, depois de várias temporadas parecia que iam além, para chegar vão ter que conseguir improvisar 9 vitórias…
      ————–
      Para baixo, são os times ao meu ver sem chances.
      11. Pacers – as notícias são Paul George de PF e Ellis, eu não vejo a defesa deles funcionar, Myles Turner para mim é um excelente jogador, mas quem viu a NCAA sabe que ele teve problemas em todos os jogos contra pivos fortes, tipo aqueles que ele vai enfrentar agora…Bird, para mim, vai para draft para criar um big three entre PG, MT (agora mais experiente e forte), e um rookie.

      12. Magic – vamos ver se eles chegam nos 30.
      13. Knicks – 17 vitórias, se improvisar 10 vai ser muito…
      14. Nets – se o Lopez se machucar e o time seguir apático, periga de ser a pior campanha da NBA, vai brigar com o Knicks qual time de NY é melhor…
      15. Sixers – tank team.

  18. Lucas

    sei que todo mundo fala do Wizards mas ele tem um cara que a gente não tem ninguem nem no mesmo nível. (wall é muito melhor que qualquer jogador nosso) e alem disso tem o Beal que acho ser muito subestimado, (só consideram um crazy shoter) o que ele não é mesmo. fora que bucks tem um elenco mais completo.(o Monroe que era um sonho, pelo menos da torcida, esta lá). Acho que o time vai fazer muitas trades pra melhorar o nível da equipe.

  19. Danilo Jeolás

    Nossa briga é pelo sétimo e oitavo posto e será mais complicado do que na última temporada.

    – Heat teve Bosh doente e claramente não queria perder a escolha Top 10 para o Sixers.

    – Elenco do magic não sossegou enquanto o Vaughn não saiu, chegando a perder seis jogos em sequência jogando em casa.

    – Pacers teve que quase escalar o Bird por conta das contusões.

    – P-Jax “lesionou” o Anthony, claramente jogando para o Draft. Antes que achem que é teoria da conspiração, lembrem-se que no jogo em Londres ele atuou, claramente por ser um Global Game.

    – Elenco do Hornets melhorou e na temporada passada Al Jefferson ficou um bom tempo no estaleiro.

    É verdade que Wizards e Hawks pioraram, mas nada suficiente para ficarem no nosso patamar de verdade.

    Recorde positivo já será um grande feito, mas mesmo isso é bastante desafiador.

    • PP34

      O Heat tem um time forte pra começar os jogos, mas tem que ver questão de lesão do Bosh que é comum. E Wade claramente vem em decadência, óbvio, o cara tá com 33 se não me engano. A não ser que o Winslow chegue arrebentando, não vejo tanto domínio por parte do Heat.
      Pacers vai depender do George que é um monstro, mas perdeu os dois caras do garrafão, vai pesar pra eles.
      Não acho que o Hawks tenha piorado, ao contrário, eles perderam Carrol, mas vão ter Sefolosha de volta. Não acredito no Korver jogando o que ele jogou na última temporada, mas Schroder tende a vir ainda melhor.
      E Splitter é um bom ganho pra eles.
      Toda essa confiança no Celtics se dá por conta da capacidade do Stevens, claro que ele é a principal peça desse time, essa expectativa é confiando nele.

      Cavs
      Bulls
      Hawks
      Wizards (J Wall e Beal são capazes de levar todo mundo nas costas)
      Daqui pra baixo o pau come entre quase todos os times que sobraram.
      Só mesmo Sixers, Kniks e Nets não tem nenhuma chance de pisar nos playoffs.

  20. Renato

    Vamos analisar os elencos de cada equipe do Leste:

    15) Sixers

    Titulares:

    Wroten – Stauskas – Thompson – Corvington – Noel

    Reservas:

    Canaan – Grant – Holmes – Landry – Okafor

    (Sem comentários – Pior equipe da NBA)

    14) Nets

    Titulares:

    Jack – Bogdanovic – Jhonson – Young – Lopez

    Reservas:

    Larkin – Ellington – Hollis – Robinson – Bargnani

    Com toda certeza equipe de loteria, se o Lopez se lesionar equipe de escolha TOP 5.

    13) Magic

    Titulares:

    Payton – Oladipo – Harris – Gordon – Vucevic

    Reservas:

    Watson – Fournier – Hezonja – Frye – Smith

    Um time para o futuro, o quinteto titular tem muito talento, mas a falta de experiência vai atrapalhar o desempenho. O Banco carece de defesa de garrafão.

    12) Knicks

    Titulares:

    Calderon – Affalo – Carmelo – Willians – Lopez

    Reservas:

    Galloway – Grant – Early – Porzingis – Seraphin

    Vai penar por causa do banco de qq forma é bem melhor que na última temporada.

    11) Hornets

    Titulares:

    Walker – Lamb – Batum – MKG – Al Jeferson

    Reservas:

    Roberts – Lin – Marvin – Kaminsky – Hawes

    Grande problema dessa equipe é o banco, falta defesa de garrafão e todos são muito limitados. O time titulares é muito bom.

    10) Pacers

    Titulares:

    G.Hill – Ellis – George – Turner – J.Hill

    Reservas:

    Douglas – Stuckey – Miles – Allen – Mahimmi

    Time titular muito bom, mas propenso a lesões, e fragilidade na posição 4 grave.

    09) Pistons

    Titulares:

    Jackson – Pope – Jhonson – Ersan – Drummond

    Reservas:

    Blake – Meeks – Butler – Morris – Baynes

    Essa equipe pode surpreender, garrafão muito forte, um armador TOP, um banco interessante, olho neles.

    Daí por diante divido as equipes em 2 blocos:

    A) Celtics, Raptors, Wizards e Bucks:

    Equipes talentosas e bem treinadas, mas que ainda tem alguns ajustes a fazer, falta pouco para dar um salto de qualidade.

    Brigam entra a 8ª até 5ª vaga

    B) Cavs, Heat, Bulls e Hawks

    Equipes prontas para brigar pelo título da conferência. Mesmo o Heat tendo o risco de lesões no papel é o time que pode ferir o Cavs.

    Brigam da 4ª vaga até a 1ª vaga, com muita vantagem a favor do Cavs.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.