Por críticas a árbitros e James Harden, armador celta Marcus Smart é multado pela NBA

O armador Marcus Smart, do Boston Celtics foi punido pela National Basketball Association (NBA) na tarde de terça-feira (6), por criticar publicamente os árbitros da liga. O camisa 36 fez os comentários em entrevista ao Boston Globe no último sábado (3), após a derrota celta por 123 a 120 para o Houston Rockets, e terá que pagar uma multa de US$ 15 mil.

No relato para o Boston Globe, Smart disse que o armador James Harden, do Houston Rockets, tem um estilo de jogo onde procura sempre cavar uma falta, enrolando um braço no marcador, e afirmou que é muito difícil fazer uma marcação mais forte por causa da arbitragem, que marca a infração na maioria dos lances. Contra o Boston Celtics, Harden teve um desempenho sofrível nos arremessos, acertando apenas seis bolas em 18 tentativas, mas teve 13 lances livres para cobrar e atrapalhou os planos do ala-armador celta Jaylen Brown: responsável pela marcação do camisa 13, Brown se pendurou em faltas e atuou por apenas 24 minutos.

“Quando você enfrenta um cara que recebe esses tipos de marcações da arbitragem, é bem parecido como estar pendurado com problemas de falta. Você tem que jogar corretamente, ser realmente sólido. Você não pode jogar com a defesa que deseja, porque sabe que a arbitragem vai marcar a falta nove vezes em cada 10 oportunidades. Não importa se suas mãos estão para cima ou não, ele ainda recebe essas marcações. Nós vimos isso nesta noite algumas vezes, e nós vimos isso em todos os outros jogos. Ele tem uma maneira de usar suas mãos, nos agarrando, nos puxa para ele, e acabam marcando essas faltas. Ele está fazendo isso por um longo tempo e tem o benefício da dúvida”, disparou Smart.

Dono da maior média de lances livres cobrados por partida na temporada 2017/2018 da NBA, com 10,1 tentativas por duelo, James Harden já tinha se envolvido em uma polêmica com arbitragem e com Marcus Smart no primeiro jogo entre Celtics e Rockets, disputado no dia 28 de dezembro e vencido pelo Alviverde por 99 a 98. O armador da franquia texana teve 15 lances livres para cobrar em Boston, mas fez duas faltas em Smart nos segundos finais da partida e facilitou a vitória dos donos da casa. Na ocasião, Harden criticou a marcação das faltas sobre o camisa 36 celta e a presença de apenas dois árbitros no jogo, já que um deles se machucou no aquecimento, mas não foi punido pela NBA.

“Antes de mais nada, eu quero saber como só tem dois árbitros em um jogo com transmissão nacional pela televisão? Essa é a primeira questão. Muitos agarrões, muita espera. Quero dizer, de que outra maneira eu deveria me livrar? O cara (Smart) estava com os dois braços enrolados em todo o meu corpo. É difícil. Há um monte de faltas que precisam ser marcadas, porque isso muda a dinâmica do jogo”, criticou o jogador do Rockets.

Em meio a essas polêmicas, Marcus Smart e o Boston Celtics se preparam para o próximo compromisso pela temporada 2017/2018 da NBA. O time verde e branco de Massachusetts encerra uma série de três duelos fora de casa nesta quinta-feira (8), diante do Minnesota Timberwolves, a partir das 22h (horário de Brasília), no Target Center.

Publicidade

Gustavo Arruda
Gustavo Arruda
Gustavo, 26 anos, é maranhense de São Luís, estudante de Jornalismo e repórter esportivo do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011. Nas horas vagas, é goleiro, armador, consumidor de danone, tio do João Gabriel e dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

10 Comentários

  1. Publicidade

  2. Josue simplicio disse:

    O James Harden é o Neymar da Nba, só encontar ja dão falta. Mas numa decisão de 7 jogos os Celtics sairão vitoriosos.

    5

    0
    • Rafael Santos disse:

      Exatamente o que eu iria falar, mas com uma diferença, nem sempre é falta no Neymar, a arbitragem esta de olho e nao apita mais tudo contra ele, agora o Harden…

      1

      0
  3. Rafael Santos disse:

    E o Smart mentiu? Alguns caras são protegidos demais pelos árbitros, e o Harden é o principal deles, alguns lances chegam a ser bizarros….claro que ele tem o jogo dele e procura o contato, ele é nisso, mas alguns são bizarros e os caras chamam a falta…enfim, precisamos focar em nossos erros, como evitar os dois turnovers ridiculos que fizemos contra Houston, mas é bom falar, mesmo que venha uma multa, para dar uma “pressionada” na arbitragem, nessa estou com o Smart.

    9

    0
  4. drakes disse:

    Outro dia saiu uma matéria analisando os dados do relatório da NBA sobre arbitragem, o Celtics era o 9 mais prejudicado, sendo que outros três times da sua divisão estavam no top 10 (O nets era o mais prejudicado), é bizarra até essa estatística demostra que as escolhas de equipes de árbitros quando jogam times do Atlântico tem sérios problemas e precisa-se fazer algo.

    Smart também aparecia na reportagem,não me lembro a posição,mas ele era um dos 10 jogadores com mais erros de arbitragem marcados contra si, sendo que era o único deles com uma % menor de bola nas mãos, famoso %USG.

    A organização Boston e outras do Atlântica deveriam exigir que a NBA reconheça a bizarrice e faça um plano para melhorar o nível das arbitragens escolhidas, por que não é aleatória, por que existe uma concentração de erros; antes que alguém pensa outro não passa da décima quinta posição.

    6

    0
    • Marcos disse:

      Deixa eu adivinhar que um time da Califórnia e outro de NY não são tão prejudicados?
      Mas que coincidência, hehe

      #paz

      3

      1
      • drakes disse:

        Orlando é o primeiro e Houston é o 2. O artigo se chama Which NBA Team Is Wronged By The Refs The Most?” do 538, seria o normal os times que perdem de muito estarem sem grandes problemas em uma estatística de erros e não marcações nos últimos dois minutos, e nunca uma concentração em apenas uma divisão.

        È a diferença é brutal, o Nets foi 28 vezes prejudicado mais do que a soma de magic (7), rockets (8) e Pistons (8), e a passividade da NBA quanto ao assunto, é um desinteresse constrangedor.

        1

        0
  5. Marcos disse:

    Quando seu time de futebol é o Vasco (Santos ou Inter também se solidarizam) os erros de arbitragem contra você já são mais do que esperados.
    O Celtics até que é pouco garfado na comparação com os times do esporte da bola chutada.

    Sobre o jogo do Houston a culpa foi 0% do Harden.
    Perdemos por lances bizarros e falta de confiança do próprio time.

    O Smart pode fumar aquilo, mas é um cara sincero.
    Achei a multa meio alta (deve ser padrão), o cara não foi tão agressivo nas palavras.
    O Harden também precisava ser multado por pressionar a arbitragem na entrevista.

    []s verdes

    6

    2
  6. drakes disse:

    Comentário de ontem, mas hoje Celticsblog dividiu cada grupo de contratos do celtics:

    Fully Guaranteed Contracts (9): Kadeem Allen (two-way), Jaylen Brown, Gordon Hayward, Al Horford, Kyrie Irving, Marcus Morris, Terry Rozier, Jayson Tatum, Guerschon Yabusele
    Total: $103.2 million
    Partial/Non-Guaranteed Contracts (3): Abdel Nader, Semi Ojeleye, Daniel Theis
    Total: $4.1 million ($1.4 million guaranteed)
    Free Agents (5): Aron Baynes, Jabari Bird (expected to be restricted), Shane Larkin, Greg Monroe, Marcus Smart (restricted)
    Total: $27.6 million
    First Round Draft Picks (1): Boston’s own, currently project to be #27.
    Total: $1.6 million
    Esqueceram o salário de 92,857 do Demetrius Jackson.

    Analisando é difícil que o Celtics não entre nas penalidades, mas sempre é possível ocorrer trocas que de um lado melhorem o time por outro diminuam o cap.

    3

    0
    • Lucas Oliveira disse:

      Destes, tenho minhas duvidas que o Baynes renove… A verdade é que o Pistons poderia ter renovado por um valor maior que o Celtics ofereceu, mas ele acabou se movimentando antes do Pistons montar a equipe. Sabendo disso, é bem provável que ele queira renovar por mais ano que vem…
      Importante destacar também que um dos motivos dele ter deixado o Spurs pelo Pistons foi para ter um papel maior e embora ele tenha um papel importante em Boston, em termos de minutagem ele continua baixa, de 15,5 para 17,8.

      Pelo que eu entendi, no caso do Smart a renovação iria elevar ele para 6 milhões no ano e o Celtics está apostando que consegue baixar este valor na FA. É uma aposta, mas temos antecedentes como o caso do Patrick Beverley (jogador bem similar), que saiu do Houston (onde iria para 6 milhões) e assinou com o Clippers por 5.5 milhões.

      0

      1
  7. Fernando Silva disse:

    Sobre o Smart: ele não foi desrespeitoso, mas expôs a sua opinião.

    A multa foi pesada e o Harden foi protegido até pela administração da NBA.

    A NBA protege os seus ídolos. Sabemos disso.

    Smart deveria estudar um pouco os Pistons das Jordan Rules.

    Quanto ao jogo, perdemos por outras razões. Harden teve uma participação menor desta vez.

    0

    0

Deixe um comentário