Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Prévia – Boston Celtics (10-14) x New York Knicks (6-15)

Disposto a retomar o caminho das vitórias e melhorar a campanha na atual temporada da NBA, o Boston Celtics terá um duro compromisso nesta sexta-feira (13): enfrentará o arquirrival New York Knicks, no TD Garden, a partir das 22h30 (horário de Brasília). Será o segundo confronto entre as duas equipes em menos de uma semana e o 25º jogo do Celtics em 2013/2014.

Após uma semana de resultados fantásticos, que resultaram em uma folga maior na liderança da Divisão do Atlântico e também a aproximação dos 50% de aproveitamento, o Celtics sofreu duas derrotas doídas diante de velhos conhecidos: contra o Brooklyn Nets, de Pierce e Garnett, e diante do Los Angeles Clippers, agora treinado por Doc Rivers. A sequência negativa resultou em um sinal de alerta em Boston, já que o Toronto Raptors está a um jogo de igualar a campanha na divisão e, por tabela, tirar o Celtics do G-8 do Leste.

Ainda sem poder contar com Rajon Rondo, que está na reta final de recuperação de sua grave lesão no joelho direito, o técnico Brad Stevens manterá o quinteto titular das últimas partidas e deve contar com o retorno dos ala-pivôs Kris Humphries e Kelly Olynyk, sendo que Olynyk volta após dez jogos de ausência por conta de uma torção no tornozelo direito.

Vindo de uma grande vitória sobre o Chicago Bulls em pleno Madison Square Garden, o Knicks aposta neste confronto em Boston para animar um pouco mais a torcida e o próprio time em busca de uma reação que resulte na zona de classificação para os playoffs. Os Knickerbockers possuem uma campanha negativa de 15 derrotas em 21 jogos e precisam urgentemente de uma reação para almejar algo grande ainda nesta temporada.

Para enfrentar o Celtics, o treinador Mike Woodson terá sérias dores de cabeça para montar o quinteto. Ainda sem contar com o pivô Tyson Chandler, que está com problemas na fíbula, o técnico não poderá escalar Raymond Felton, lesionado na coxa esquerda. Iman Shumpert, também titular, é dúvida para o confronto.

As duas equipes se enfrentaram apenas uma vez nesta temporada: no último dia 8, o Celtics foi até o Madison Square Garden e aplicou ao Knicks um dos maiores massacres de sua história, vencendo por 114 a 73. Jordan Crawford, com 23 pontos e sete assistências, liderou o Alviverde em uma vitória épica, enquanto Carmelo Anthony registrou 19 pontos pelo time nova-iorquino.

Ficha Técnica

Local: TD Garden (Boston, MA)

Horário: 22h30 (horário de Brasília)

Transmissão: @Celtics_Brasil

Boston Celtics: Jordan Crawford, Avery Bradley, Jeff Green, Brandon Bass e Jared Sullinger. T: Brad Stevens.

New York Knicks: Pablo Prigioni, Iman Shumpert (Tim Hardaway Jr.), Carmelo Anthony, Andrea Bargnani e Kenyon Martin. T: Mike Woodson.

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

7 comentários

  1. Fernando C S

    Stevens fez algumas alterações e o time melhorou. É impressão minha ou o Lee está mesmo fora de posição?

  2. João guama cabano

    ganhamos e que vitoria huuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu lets go celticsssssssssssssssssssssssss

  3. Rafael Taborda

    E a freguesia continua… Bradley foi incrível nas duas de 3 no finzinho…!

  4. Fernando Nakashook

    Grande jogo, destaque para o Sully que dominou no começo da partida.
    E não sei se fui só eu que achei isso, mas o block do Olynyk deu um moral legal pro time e acho que foi um dos lances decisivos da partida.
    Bradley acertou aquelas duas de 3 no final, mas durante o jogo não foi tão bom assim.
    Agora que mudança é essa do Crawford? Esqueceu o que aprendeu até agora? Porque tudo que ele tentou ontem foram jogadas fominhas e impossíveis.

  5. Marcos

    Eu gostei do jogo do Jeff Geen #dunkface assumindo a responsa no ‘clutch’ como tem que ser.

    Lee total na sorte no 1 quarto, mas depois acabou. E a freguesia continua…

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.