Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Prévia – Boston Celtics (42-20) x Oklahoma City Thunder (39-24)

Passando por um momento de oscilação na reta final da temporada regular 2019/2020 da NBA, o Boston Celtics enfrenta o Oklahoma City Thunder na noite deste domingo (8), às 19h (horário de Brasília), no TD Garden, em duelo que terá transmissão do SporTV 3 para todo o Brasil. Enquanto o time verde e branco de Massachusetts quer afastar a má fase e ganhar fôlego na briga pela vice-liderança da Conferência Leste, o Thunder luta para se aproximar dos quatro melhores colocados da Conferência Oeste. Será o segundo jogo entre Celtics e Thunder nesta edição da liga: no dia 9 de fevereiro, em Oklahoma City, o Alviverde levou a melhor por 112 a 111.

Depois de ganhar força na excursão pela Conferência Oeste, o Boston Celtics teve uma queda de rendimento nas últimas semanas, sofrendo três derrotas em quatro partidas e se distanciando do Toronto Raptors, que agora tem duas vitórias de vantagem na segunda colocação da Conferência Leste. Para não complicar ainda mais a situação, o Celtics precisa aproveitar o fator casa e conquistar uma vitória sobre o Thunder, até porque sete dos próximos nove jogos do Alviverde serão como visitante.

Contra o Oklahoma City Thunder, a equipe do Boston Celtics contará com o retorno do ala Gordon Hayward ao quinteto titular, após se recuperar de uma contusão no joelho direito. Por outro lado, o Alviverde continua sem o ala-armador Jaylen Brown, que sofre com uma lesão muscular na coxa direita. Na rotação, os armadores Carsen Edwards e Tremont Waters, além dos pivôs Tacko Fall e Vincent Poirier, são desfalques por estarem a serviço do Maine Red Claws na Liga de Desenvolvimento da NBA (G-League).

Mesmo depois de ser derrotado pelo Boston Celtics em casa durante o mês de fevereiro, o Oklahoma City Thunder não se abateu e manteve o ritmo na temporada, conquistando sete vitórias nos últimos 10 jogos, resultados esses que mantiveram a equipe na luta pelo mando de quadra no primeiro round dos playoffs da Conferência Oeste. Animado pelos bons resultados e com fama de visitante indigesto, o Thunder promete lutar até o último segundo em sua revanche contra o Celtics no TD Garden.

Além da boa fase, outro ponto positivo para o Oklahoma City Thunder é o Departamento Médico quase vazio: dos destaques da equipe, apenas o ala-armador Andre Roberson é desfalque, já que ainda se recupera de lesão no joelho esquerdo. Diante desse cenário, o técnico Billy Donovan deve escalar o Thunder com força máxima, tendo como destaques o veterano armador Chris Paul e o jovem ala Shai Gilgeous-Alexander.

FICHA TÉCNICA

Local: TD Garden (Boston, MA)

Horário (de Brasília): 19h

Transmissão: SporTV 3 e NBA League Pass

BOSTON CELTICS: Kemba Walker, Marcus Smart, Gordon Hayward, Jayson Tatum e Daniel Theis. Treinador: Brad Stevens

OKLAHOMA CITY THUNDER: Chris Paul, Luguentz Dort, Shai Gilgeous-Alexander, Danilo Gallinari e Steven Adams. Treinador: Billy Donovan

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

29 comentários

  1. Paulo

    Difícil ver o time em casa
    Perdendo
    E com Oje e Wanna em quadra.

    • Marco Antônio de Paula

      Mais um derrota vergonhosa em casa do time do Zé Chiclete. . Mais um jogo ganho que pipocamos com a última bola na mão. Será que ainda vão insistir naquela desculpa que o time estava mal pela falta do Kemba? Duas derrotas ridículas nas mãos dele. Entendi que o time não tem uma jogada de aproximação, mas ele vacilou. Time não tem plano tático defensivo e nem ofensivo. Joga muito nas bolas forçadas e nas jogadas individuais. Zé Chiclete parado com os braços cruzados acomodado me dá ânsia de vômito. Nosso time tem muito a cara dele. A cara da omissão, da falta de vontade. Jogamos no estilo do tecnico, acomodados e sem vibração. Tatum voltou a jogar mal, mas coitado, os adversários estão dobrando e marcando ele mais em cima, e ele não tem um técnico para orientar ele a buscar uma saída. Tatum encaixotado e o técnico mascando chiclete, esse é o retrato do jogo. Smart um leão, as vezes afobado, mas pelo menos demonstra raça em quadra. Hayward é um cara sem sangue, tem a cara do técnico. Kemba perdido, encaixotado, time não tem uma jogada ensaiada pro cara. Theis joga dentro de suas limitações. Falta atitude nesse time. Mas quando os comandantes são isso e acomodados é complicado exigir intensidade dos jogadores. Infelizmente não reconheço nesse time do Ainge e do Stevens o nosso Celtics de vibração, de respeito, hoje o TD Garden virou casa de festas dos juízes e dos nossos adversários.

    • Pirado

      Outra vergonha no TD… os caras estão jogando sem a pegada que precisa…. time tem, mas necessário estar inteiro e focado…

      • Marco Antônio de Paula

        Olha pra expressão do técnico mascando chiclete e de braços cruzados o tempo todo e me diga. O que esse cara pode trazer de intensidade e vontade pro time?. O time é o retrato dele, só não cruzam os braços , pois isso é impossível dentro de quadra. Mas eles adotam o estilo ‘Somos todos Stevens”

  2. Marcos

    Só para dizer que o rival trucidou Bucks e Clippers, pra quem acha que não é favorito.

    Enquanto isso, no struggle para empatar com OKC…

    Abs verdes,

  3. Fernando Silva

    Derrota nos detalhes. O jogo estava perdido. Viramos. O jogo estava ganho e perdemos.

    Não gostei a escolha da última jogada: bola na mão do Tatum era mais do que manjado. O defensor adversário, muito bom.

    GH estava livre. Theis poderia arremessar.

    Achei que faltou apoio moral depois da perda da bola pelo Kemba.

    • Marco Antônio de Paula

      Fernando pára com esse papo. Contra os Nets foi a mesma coisa. Jogo ganho. Não tem detalhe, tem falta de capacidade mesmo. O time não tem uma jogada de lateral para manter posse ou cavar uma falta. Igual ao jogo dos Nets. O que esperar de jogada quando o Chiclete pede tempo? Bola forçada pro Tatum se virar. Não tem uma tática de infiltração, não tem arremesso fácil. O jogo é sempre o mesmo. Jogadores que se virem com sua técnica. Se a bola cair, bom, senão paciência. Isso não é detalhe, isso e falta de capacidade tática. Vamos perdendo a cada ano com esses caras no comando e vamos culpando tudo, detalhes, contusões, nervosismo, arbitragem, só não culpamos esses caras que estão no comando do Celtics fracassando a cada ano.

      • Fernando Silva

        É fato que perdemos vários jogos nos minutos, as vezes segundos finais.

        Estou de acordo que Stevens poderia ter evitado boa parte destas derrotas.

        Mas, entendo que sejam os detalhes do jogo: a bola decisiva, o pedido de tempo, a condução da partida, a administração dos segundos finais (aliás falhamos novamente neste jogo).

        São pontos importantes para quem deseja brigar ao menos pela conferência e por eles vejo Stevens AINDA ingênuo na NBA.

        Ele até esteve mais vibrante na partida.

        De toda a forma, se tivessemos um banco, ou se Brown estivesse em quadra…

        Adiante. Próximo jogo.

      • Fernando Silva

        Algo que me passou pela cabeça algumas vezes no Q4: Adams tem dificuldade no lance livre e não exploramos a carência do adversário, que poderia nos ter dado a vitória.

  4. Fernando Silva

    Aliás, a bola deveria ter sido colocada ba mão do Kemba para recuperar a falha anterior.

    • Fernando Silva

      Entendo que nada tenha mudado. Completos teríamos vencido todos os 4 jogos anteriores.

      Mas,.é fato, isso.não esconde os problemas do time.

    • Hahahaha, Kemba e Hayward no crunch time são isso aí mesmo.
      Vão pegar 100 bolas e perder/errar 99.

      O Tatum tinha que ter recebido a lateral e a falta.
      Ou vcs acham que Giannis, James, Leonard vão deixar o armador sair batendo bola de costas?
      Já tá na hora de alguém avisar aos treinadores que na NBA quem joga são as estrelas.
      Na última bola demorou todo o relógio para o Theis dar para o garoto, nem dá para contar como erro e sim desespero.

      Não adianta, é esperar para acabar o contrato do Stevens e não renovar,
      O estilo de jogo não existe, exceto por marcação zona vez ou outra.
      E, quando pinta um craque, o cara quer “distribuir” os méritos e bolas.

      Abs verdes,

  5. Daniel

    Cansei , time previsível , time frouxo , mais um ano na fila

  6. Vitor

    Pra mim já chega desse time. Até a próxima temporada amigos, Abraços verdes.

  7. Marchall

    Os chupadores do Svirgens e do Dani Aids somem daqui quando passamos essa vergonha, curioso hein?! (edilmar; Gabriel e amigos do casal)

    Continuem ai vivendo do time do futuro e defendendo esses fracassados igual vocês!
    Esse técnico amador não consegue mandar nem na própria namorada, imagina num time da NBA?
    E aguentem ai os Lakers serem campeões, porque pra vocês fracassados e defensores desses DNA de derrota, foi “burrice” o que eles fizeram. Burrice é o que vocês fazem, com medinho de tudo!

    Enquanto não contratarem jogadores de verdade pra fazer par com J.Tatum e J.Brown seremos o eterno time de chacota!

    AQUI É CELTICS, TIME DE HOMENS!

    Pode mandar esses menininhos embora!

    • Gabriel

      UE mas vc n queria trocar o Brown?

    • EDMAR

      Tá apaixonado cara? Não consegue mais ficar um dia sem me citar? Vai lá no Lakers Brasil que é o seu lugar. Vocês chatos que só sabem falar mal estão acabando com o site que era de debate inteligente. Sumiram os que tinham conteúdo e só ficaram os boçais repetidores de mantra.

      • Marcos Pastich

        Isso é verdade! os caras que sempre comentaram basquete com embasamento nunca mais vieram aqui porque sempre são agredidos. Mas isso não é só aqui. É um fenômeno global do ativista de sofá! (O cara fica o dia todo destilando ódio, sentado no sofá, sem fazer nada pra mudar e esperando sempre que os outros tomem uma atitude). Estou sentindo falta de mais embasamento e menos ódio.Também estou chateado com essas derrotas, entendo que deveríamos ter vencido esses jogos e perdemos nos detalhes mesmo (O que não é desculpa, já que as séries de Playoffs se decidem nos detalhes mesmo).

      • Isso é verdade, acompanho o site desde as vacas magras de 2012, lembro que na época tinha jogo que eram mais de 50 comentários, sempre discutindo os erros e o que dava pra melhorar, até os rages eram mais embasados. Hoje parece que a galera só quer saber de xingar os outros.

  8. Heitor

    O banco do sacramento da um banho no nosso hein

  9. Marchall

    Dani Aids:

    *Salário máximo no Kemba Walker (É um bom jogador mas quem não aceitaria cap máximo)
    *Apunhalou Isaiah Thomas pelas costas
    *Perdeu trade ridícula pelo Drummond
    *Ousadia zero no mercado
    *Salário máximo no Gordon Hayward que tinha se destacado poderosas 1 temporada pelo Jazz.

    Brad Svirgem:

    *Coach de todos os Small ball
    *Center não tem espaço no time
    *Trade por mais Small Ball
    *Ojeleye e Wannamaker em quadra
    *51pts tomados em apenas um quarto
    *Sem comando de grupo

    Chega de brincar né? Sou torcedor do maior da NBA e quero ver gente competente nesse time. Não um velho caduco brincando de mercado imobiliário e um nerd de vídeo game amador comandando um time da NBA.

    VOLTA BOSTON CELTICS

  10. JOAO ANDRE

    Entendo que alguns questionem os que culpam Ainge e Stevens pelo momento Celtics, mas convenhamos que falta ousadia . O Boston, por similaridade, é como Real Madrid ou Barcelona , esses times tem que brigar sempre pelos títulos, não existe isso de ” programar para o futuro”. Estamos falando do maior ( por enquanto…) campeão da NBA. Entendo que não dar para ganhar sempre, mas o Celtics tem que entrar em quadra e na competição com objetivo claro, vencer!!!!

  11. Acho que desde que comecei a acompanhar a NBA, nunca vi uma temporada tão equilibrada, dos 16 times que vão aos Playoffs, creio que no minimo 8 tem totais chances de levar o anel, e vai ser justamente aquele que tiver capacidade de levar TODO o jogo em um bom nível. E nesse patamar o Celtics está em desvantagem, o time não consegue manter o ritmo o jogo todo, e Wanamaker joga um jogo bem e 10 ruins.
    A derrota é totalmente aceitável, mas mais uma vez o time demonstrou as mesmas fragilidades de todo o campeonato, não temos ” O CARA”. Era para ser o Kemba, mas ele está demonstrando que não é aquele jogador pra dar a bola nos minutos finais e deixar resolver, a expectativa é que Tatum se torne esse jogador.

    • Marcos Pastich

      É verdade! E o pior é que fica aquele gostinho de que poderíamos estar nesse patamar com algumas trocas. O nosso banco realmente deixa muito a desejar. Eu estava olhando as rotações dos nossos últimos confrontos que perdemos por pouco. Rockets, Jazz e OKC ( Times de Playoffs). Todos eles usaram apenas 4 reservas na rotação além do quinteto inicial. Com médias altas de minutos ( em média de 19 Min pra cada jogador).Mas o detalhe é que todos eles tiveram jogadores vindo do banco com 2 dígitos de pontuação, menos nós. Contra o Houston o nosso banco fez apenas 4 pontos. E Não é só a questão dos pontos do banco, mas como eles descansam o time titular com minutagem mais alta. Nesses jogos as estrelas deles fizeram mais pontos por minutos que os nossos craques. Acredito que com o time todo recuperado de lesões a qualidade do banco vai aumentar um pouco mas ainda não é o suficiente. Apesar disso, sinto que temos que trabalhar a cabeça de alguns jogadores como Tatum, Kemba e Brown para o clutch time. Me parece que ficamos perdidos e sem opções toda vez que entramos nesse momento.

    • Teobaldo

      Reclamo a ausência de “um cara” desde a saída do Pierce. Não temos ninguém pra assumir a bronca na hora que o bicho pega. Ontem, com o Kemba, e nos últimos 4 jogos também, foi sintomático. Abraços!

    • Gabriel

      Temporada muito equilibrada mesmo, inclusive Thunder e Jazz são times excelentes e mto bem treinados, estamos com desfalques e com isso fazendo nosso banco jogar mais minutos que o normal e nossos titulares tbm com minutos sobrecarregados em uma temporada regular, coisas que geram de forma indireta derrotas mesmos, bancários com minutos elevados diminuem logicamente o nível da equipe em mais minutos e titulares com muitos minutos desgasta mto o jogador ainda mais agora com uma sequência grande de back2backs até o final da temporada, temos totais condições de conseguir a segunda colocação do leste, e se não acontecer paciência e vamos focar em assegurar que nossos melhores jogadores cheguem saudáveis nos offs. Kemba é exatamente o que o Celtics precisa, o time está sendo formado para Brown e Tatum, Walker em um time novo tem rendido bem, nos últimos está mal devido a lesão. Derrotas em uma temporada com 82 jogos é normal, mas muitos “torcedores” Se emocionam e acham que estamos em tank! Sempre os mesmos discursos, apenas críticas e insultos.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *