Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Prévia – Final NBA 2009 – Lakers X Magic

Hoje (04/06), às 22:00 (horário de Brasília) acontecerá o primeiro jogo da decisão da NBA, entre Los Angeles Lakers e Orlando Magic. A partida será disputada no Staples Center, ginásio do Lakers.

Irei analisar as campanhas das 2 equipes até chegarem a finalíssima:

Campanha – LA Lakers

O time de Los Angeles foi o melhor do oeste e obteve a segunda melhor campanha dentre toda a liga (atrás apenas do Cleveland Cavaliers) na temporada regular. A equipe 14 vezes campeã da NBA terminou a Regular Season com um aproveitamento de 65 vitórias e apenas 17 derrotas. O Lakers permaneceu boa parte da temporada regular, sem poder contar com seu pivô Andre Bynum, contundido, mas Pau Gasol conseguiu suprir muito bem sua ausência e jogando ao lado de Lamar Odom ajudou o time de LA a vencer partidas muito difíceis e importantes. Um dos trunfos do Lakers durante a Regular Season foi derrotar o até então imbatível Cleveland Cavaliers, que não perdia nenhuma partida atuando em seus domínios. O triunfo da equipe de LA contra o Cavs em Cleveland, foi conquistado no dia 08 de fevereiro, quando o Lakers venceu por 101 X 91. O time de Los Angeles ficou na briga pela melhor campanha da temporada regular até as últimas partidas, mas com 2 derrotas consecutivas (durante uam viagem pelo leste) para Atlanta Hawks (86 X 76) e Chralotte Bobcats (94 X 84) e mais um revés fora de casa, dessa vez para o Portland Trail Blazers (106 X 98), acabaram tirando o Lakers da briga, o que abriu caminho para o Cleveland Cavaliers confirmar a melhor campanha.

Na primeira rodada dos playoffs o LA Lakers enfrentou o Utah jazz e sem encontrar muitas dificuldades venceu a equipe de Salt Lake City na série melhor de sete partidas por 4 X 1. A única partida que terminou com vitória do Jazz foi obtida em Salt Lake City, com um buzzer beater de Deron Williams, em uma vitória apertada por 88 X 86, na terceira partida da série. Todos os 4 triunfos do Lakers foram obtidos com uma diferença maior ou igual a 10 pontos. Mas as 2 séries seguintes seriam marcadas por polêmicas, brigas e um certo equilíbrio.

Na semifinal da conferência oeste o Lakers enfrentou o Houston Rockets. No dia 03/04, com 6 jogos restantes para a pós-temporada Lakers e Rockets se enfrentaram no Staples Center. O time de LA venceu o confronto por 93 X 81, as desavenças começaram ali, a partida foi marcada por um intenso jogo físico e muita disputa, no final o ala-armador do Rockets Ron Artest disse a Kobe Bryant que queria enfrentá-lo nos playoffs, dito e feito. No primeiro round e durante boa parte da temporada o Rockets não pode contar com Tracy “canela de vidro” McGrady, que teve sua lesão no joelho direito agravada, McGrady só voltará na próxima temporada. Mesmo jogando fora de casa e sem contar com T-Mac e Mutombo, que se aposentou após sofrer uma grave lesão durante a série contra o Portland Trail Blazers, o Rockets venceu o primeiro jogo da série por 100 X 92. No segundo o Lakers venceu por 111 X 98 e empatou a série, o jogo foi marcado por muita polêmica e jogadas um tanto quanto violentas, Derek Fischer, armador do Lakers foi suspenso para o jogo 3. Podemos dizer que a terceira partida decidiu a série, pois além de perder o jogo, por 108 X 94, o Rockets também perdeu seu pivô Yao Ming, que fraturou o pé esquerdo e não jogaria mais nessa temporada.  No jogo 4 o time de Houston venceu por 99 x 87.

Na quinta partida da série o Lakers triunfou por 118 X 78, se igualando a maior derrota do Rockets em playoffs, que havia sido para o Dallas Mavericks em 2005, por 116 x 76. No sexto jogo da série muitos acreditavam que o Lakers venceria a partida, garantindo uma vaga na final do oeste, mas mesmo sem contar com Tracy McGrady, Mutombo e Yao Ming o Rockets conseguiu forçar uma sétimo jogo, e venceu o sexto duelo, por 95 X 80. O Lakers fechou a série jogando em casa e bateu o Houston Rockets por 89 X 70.

Na decisão do oeste o Lakers encarou o Denver Nuggets. As 3 primeiras partidas da série foram muito equilibradas e decididas nos segundos finais. O Nuggets conseguiu vencer um jogo fora de seus domínios, conquistando um mando de quadra, que foi recuperado logo no duelo seguinte, decisivo para a série, quando o time de LA venceu em Denver por 103 X 97. O Nuggets obteve o triunfo no quarto, por 120 X 101 (maior derrota do Lakers nos playoffs da atual temporada). No quinto duelo o time de LA ganhou por 103 x 94, logo após a partida ocorreram acusações por parte de um jogador não identificado do Nuggets, de que o Lakers havia comprado o resultado, mas nada foi comprovado. Parecia que o time de Denver forçaria uma sétima partida, mas, mesmo jogando em casa o Nuggets sofreu uma lavada, perdendo por 119 X 92. Até o quarto jogo da série apenas 3 jogadores do Lakers tinham boas atuações, Trevor Ariza, Kobe Bryant e Pau Gasol, mas nas duas´”últimas” partidas, Lamar Odom resolveu dar as caras, o que foi suficiente para o Lakers fechar a série em 4 x 2.

Campanha – Orlando Magic

O Orlando Magic, time que comemora 20 anos de existência na atual temporada foi o terceiro melhor time do leste e o quarto da NBA na temporada regular. Terminou com uma campanha de 59 vitórias e 23 derrotas. O Magic não perdeu nenhuma partida para o Cleveland Cavaliers atuando em seus domínios, venceu os 2 duelos em Orlando, por 99 X 88 e 116 X 87. A má, ou melhor, péssima notícia para o Orlando Magic foi a grave lesão de seu armador Jameer Nelson, que sofreu uma lesão no ombro esquerdo no começo de fevereiro (02/02) e não atua mais desde então. Para o lugar de Nelson o Magic contratou o armador do Houston Rockets, Rafer Alston e “passou” a função de armar a equipe para Hedo Turkoglu.

No primeiro round o Magic encarou o Philadelphia 76ers e acabou perdendo p primeiro jogo da série em Orlando, por 100 X 98, com um buzzer de Andre Iguodala. O time de Orlando conseguiu se recuperar da derrota e venceu o duelo seguinte, por 96 X 87. Agora o Magic precisava ganhar uma partida em Philadelphia para recuperar o mando de quadra. O triunfo do Orlando bateu na trava na primeira partida fora de casa, quando perdeu por 96 X 94, mas ele veio logo no jogo seguinte, com uma vitória graças a um buzzer de Turkoglu, por 84 x 81. O Magic venceu a partida seguinte em seu ginásio, por 91 X 78 e foi para Philadelphia com a chance de fechar a série. Mesmos em contar com sua principal estrela e melhor jogador defensivo da temporada, Dwight Howard o time de Orlando triunfou fora de seus domínios, por 114 x 89 e fechou a série me 4 X 2.

Na semifinal do leste, o Magic encarou o atual campeão Boston Celtics e as 2 equipes protagonizaram uma série muito equilibrada. O time de Orlando obteve um triunfo em Boston na primeira partida da série, por 95 x 90, mas logo em seguida foi derrotado e obteve um novo triunfo na terceira partida. No quarto duelo da série o Magic tinha a chance de ficar muito próximo da classificação, caso vencesse abriria 3 X 1 na série, mas foi derrotado com um buzzer beater sensacional de Glen Davis, por 95 X 94. O Celtics venceu o duelo seguinte e tinha um belo retrospecto a seu favor, pois o time de Boston nunca havia sido derrotado em uma série, quando vencia por 3 x 2. Mas o Magic acabou com essa escrita, ganhando os 2 últimos duelos e fechando a série em 4 X 3.

No embate final, o Orlando Magic enfrentou o Cleveland Cavaliers e muitos acreditavam que a equipe de LeBron chegaria a mais uma final, a segunda em sua história, mas com uma forte defesa e um ataque arrasador, o time de Orlando deu poucas chances ao Cavs na série, ganhou o primeiro jogo por 107 x 106 e acabou com a invencibilidade do Cleveland Cavaliers nos playoffs (já que o Cavs havia varrido seus 2 adversários na pós-temporada, por 4 X 0, contra Detroit Pistons e Atlanta Hawks). A equipe da terra do Mickey perdeu o segundo com uma cesta de 3 pontos de James, restando apenas 1 segundo! O Magic triunfou no terceiro e quarto duelos, 99 X 89 e 116 X 114 (após uma prorrogação) respectivamente. Na quinta partida LeBron James teve uma partida digna de MVP, com 37 pontos, 14 rebotes e 12 assistências no triunfo do Cavs, por 112 X 102. Na sexta partida o Magic não desperdiçou sua chance de fechar a série e venceu por 103 x 90, com 40 pontos do superpivô do Orlando Magic, Dwight Howard.

Confrontos na Temporada Regular

O Orlando Magic ganhou as 2 partidas que disputou com o LA Lakers na temporada regular. Em Orlando, o Magic triunfou por 106 X 103 e em Los Angeles por 109 X 103. Um jogador decisivo para os triunfos do time de Orlando nessas 2 partidas foi o armador Jameer Nelson, que marcou 27 pontos na primeira partida e 28 na seguinte, uma média de 27,5 pontos por jogo.

Duelo – Quartetos Fantásticos

 Kobe Bryant + Trevor Ariza + Pau Gasol + Lamar Odom

                                                          X

Dwight Howard + Rashard Lewis + Hedo Turkoglu + Mickael Pietrus

Os oito jogadores acima podem ser considerados as principais armas de cada equipe para obter a vitória.

Pelo Lakers temos Bryant, Ariza, Gasol e Odom, Lamar Odom que resolve jogar em momentos decisivos, como aconteceu na série contra o Nuggets. Os atletas que precisam aparecer são: Andre Bynum, que vem realizando até agora atuações pífias nos playoffs e Derek Fischer, que fez uma brilhante temporada, mas não vem jogando tão bem na pós-temporada.

Pelo Magic Lewis, Howard, Turkoglu e Pietrus foram fundamentais para o time de Orlando chegar até aqui. Existem rumores de que Jameer Nelson pode retornar para disputar a final, o que não seria um bom negócio, já que está há muito tempo sem atuar (quase 4 meses). O melhor seria poupá-lo para próxima temporada. Como já foi visto no sexto jogo da série contra o Sixers, o Magic não precisa de Dwight Howard para vencer, lógico que quando ele está em quadra, melhor para sua equipe, mas o Magic mesmo assim, tem um jogo forte, com muita defesa. Na ocasião o Orlando Magic triunfou por 114 x 89.

Los Angeles lakers X Orlando Magic

O LA Lakers chega a sua trigésima final de NBA, sendo que das 29 anteriores perdeu 15 e ganhou 14. O técnico do Lakers tenta se igualar a Red Auerbach como maior vencedor da liga, com 10 títulos, “Red” levantou 10 troféus com o Celtics e P-Jax, 6 com o Bulls e 3 com o Lakers. Phil Jackson tem um belo retrospecto a seu favor, o técnico nunca foi derrotado, quando venceu a primeira partida de uma série da pós-temporada. P-Jax tem uma campanah de 43 – 0, quando vence o primeiro jogo em séries de pós-temporada.

Já o Magic disputa sua segunda final da história. Perdeu sua primeira e até então única decisão para o Houston Rockets, em 1994/95, por 4 X 0. A equipe contava com estrelas como Penny Hardawy e Shaquille O´Neal no elenco. Nada melhor do que um título para comemorar 20 anos de história.

Jogo 1 – Los Angeles – 04/06 – 22:00
Jogo 2 – Los Angeles – 07/06 – 21:00
Jogo 3 – Orlando – 09/06 – 22:00
Jogo 4 – Orlando – 11/06 -22:00
Jogo 5 (Se Necessário) – Orlando – 14/06 – 21:00
Jogo 6 (Se Necessário) – Los Angeles – 16/06 – 22:00
Jogo 7 (Se Necessário) – Los Angeles – 18/06 – 22:00

Por: Flávio Di Donato Catandi

Author avatar
Flávio Catandi
Jornalista e Radialista apaixonado por basquete. Participa do Celtics Brasil desde 2008. Já foi redator, colunista e hoje é editor do site. Nas horas vagas gosta de escrever roteiros e gravar curtas e documentários. Pode ser encontrado na cidade de São Paulo com uma camiseta Celta.

1 comentário

  1. Gustavo Miglioretti

    GO MAGIC GO!

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.