Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Prévia – Philadelphia 76ers (2-21) x Boston Celtics (7-14)

Em má fase na temporada 2014/2015 da NBA e precisando de uma série de vitórias para se aproximar da zona de classificação para os playoffs da Conferência Leste, o Boston Celtics pega a estrada e joga a sua 22ª partida na competição, na noite desta segunda-feira (15). Pela segunda vez no torneio, o maior campeão da história da liga visita o Philadelphia 76ers, em confronto que será disputado no Wells Fargo Center.

Depois de muitos tropeços em 2013/2014, o Philadelphia 76ers caminha para um desempenho ainda pior nesta temporada. Com apenas duas vitórias em 23 compromissos, a franquia da Filadélfia está na última posição da Conferência Leste e da liga, com um aproveitamento de míseros 8,7%. Apesar de terem acontecido apenas 1/4 dos jogos na temporada, o Sixers não deve mostrar sinais de reação nos próximos jogos, por se tratar de uma equipe em reconstrução e ter um plantel bem limitado.

Para tentar surpreender os celtas e conquistar a terceira vitória no torneio, o treinador Brett Brown aposta todas as suas fichas nos jovens Michael Carter-Williams e Nerlens Noel. Atuando como ala-armador em algumas partidas, MCW é o principal destaque do 76ers e já tem dois triplos-duplos na temporada, enquanto Noel ainda está se adaptando ao estilo de jogo da NBA. No banco de reservas, Tony Wroten é a principal esperança.

Em sua segunda temporada de reconstrução, o Celtics ainda vive um dilema: jogar para ganhar e mostrar que merece mais atenção de futuros agentes livres ou ‘tankar’ novamente para selecionar algum atleta promissor no próximo Draft. Pela fragilidade do adversário e a curta distância para a zona dos playoffs, a expectativa é de que o Celtics vá com tudo para cima do 76ers e conquiste mais uma vitória, melhorando o seu aproveitamento decepcionante.

Apesar da pouca força do oponente, a equipe celta terá desfalques importantes. Ainda sem contar com o brasileiro Vitor Faverani, que se recupera de cirurgia no joelho esquerdo, o Celtics não terá os calouros Marcus Smart e James Young, além do ala-armador Marcus Thornton, que vinha sendo um dos principais pontuadores no banco de reservas. Por outro lado, o técnico Brad Stevens ganha o retorno de Avery Bradley, que não esteve em quadra na derrota diante do New York Knicks.

Ficha Técnica

Local: Wells Fargo Center (Philadelphia, PA)

Horário: 22h (horário de Brasília)

Philadelphia 76ers: Hollis Thompson, Michael Carter-Williams, Luc Mbah a Moute, Robert Covington e Nerlens Noel. T: Brett Brown

Boston Celtics: Rajon Rondo, Avery Bradley, Jeff Green, Jared Sullinger e Tyler Zeller. T: Brad Stevens

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

5 comentários

  1. Mauricio Green

    Jogo fraco os aros ficaram amassados. De 3 então nem se fala, n´s Bradley… Mas foi moleza.

    Valeu ver o KO brincando de fazer pontos. A defesa e a vontade melhoraram. Ele ainda sente muito quando tem machups com jogadores de elite. Mas claramente esta se desenvolvendo.

    O que tenho certeza é que o 76 vai pelo caminho errado, tankar indefinidamente é ridículo e não desenvolve ninguém.

    • Rondonildo

      Cara os primeiros minutos de jogo foi de arder os olhos.
      Olynyk depois de ficar algumas partidas zerado, finalmente ontem as bolas cairam.
      E o Noel me parece ser promissor. É o primeiro ano dele pois na temporada passada ficou fora por uma lesão.Lembrando q ele é de Massachusetts, se ele se tornar um bom jogador poderia vim pra Boston em uma futura FA.

  2. Renato

    Bater em morto nem comemoro. Olynyk pensou que tava jogando final da NBA kkkkkkkkk, mas mostra como ele pode ser um grande jogador se melhorar sua defesa.

  3. PHABIO PASSOS

    bem, temos 3 a 4 jogos que dar, pra ganhar, se fosse as duas derrotas besta pra hornets e new york, podia esta bem na tabela, se nao ganhar proximos jogos, melhor fechar o ginasio e dar ferias aos funcionarios….

  4. Teobaldo

    Eita timão, sô! Espancamos o poderoso 76ers. Agora vai!!!!!! Let’s go Celtics!

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.