Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Warriors 114 x 111 Celtics

Após as vitórias surpreendentes contra Portland Trail Blazers e Denver Nuggets, fora de casa, o embalado time do Boston Celtics teve um compromisso bem mais difícil na noite de domingo (25): enfrentar o Golden State Warriors, melhor campanha da Conferência Oeste e da NBA, que defendia uma série de 18 jogos sem ser derrotado em sua ORACLE Arena. Não faltou vontade aos celtas, que conseguiram impedir um massacre, mas a força do Warriors prevaleceu e a vitória veio sem maiores problemas: 114 a 111.

Na melhor fase de sua carreira, o ala-armador Klay Thompson foi o cestinha da partida, com 31 pontos em 32 minutos, com nove desses pontos sendo marcados em arremessos longos. Fiel escudeiro de Thompson e franchise player do Warriors, o armador Stephen Curry também foi bem e deixou um duplo-duplo: 22 pontos e 11 assistências. O pivô Andrew Bogut, assim como Curry, terminou o jogo com dois dígitos em dois fundamentos, com 13 pontos e 13 rebotes.

Mesmo duelando contra Bogut e errando muitos arremessos de longe, Jared Sullinger conseguiu fazer uma boa partida pelo Celtics, terminando o jogo com 26 pontos. Mais uma vez titular na armação, Evan Turner anotou 19 pontos e ficou perto de um triplo-duplo. Tyler Zeller e Avery Bradley, com 15 pontos cada, também tiveram uma boa atuação.

A derrota em Oakland atrapalhou a ascensão do Boston Celtics na tabela. Com 27 derrotas em 42 jogos, a equipe verde e branca tem 35,7% de aproveitamento, a quinta pior campanha do Leste e a sétima pior em toda a liga. O Golden State Warriors, alheio ao drama celta, vai passeando na temporada: 36 vitórias, 85,7% de aproveitamento e liderança geral. Além disso, são cinco vitórias nos últimos cinco duelos.

Ainda em sua série de jogos no Oeste, o Boston Celtics encara mais um back-to-back na noite desta segunda-feira (26), quando encara o Utah Jazz, no EnergySolutions Arena, em Salt Lake City. O Golden State Warriors terá um dia a mais de descanso e só volta a atuar nesta terça-feira (28), quando recebe o Chicago Bulls, na ORACLE Arena.

Destaques do Warriors

Klay Thompson (31 pontos e dois rebotes)

Stephen Curry (22 pontos e 11 assistências / duplo-duplo)

Andrew Bogut (13 pontos e 13 rebotes / duplo-duplo)

Destaques do Celtics

Jared Sullinger (26 pontos e nove rebotes)

Evan Turner (19 pontos, sete rebotes e sete assistências)

Tyler Zeller (15 pontos e cinco rebotes)

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

3 comentários

  1. Digor33

    Gustavo, não entendi quando vc falou “conseguiram impedir uma massacre”?

    • Gustavo Arruda

      Caro Digor33, quando falei que o Celtics ‘conseguiu impedir um massacre’, quis reforçar que o Golden State Warriors era amplo favorito e que tinha tudo para conquistar uma vitória larga, por sua força e repertório ofensivo, enquanto o Celtics não atravessa uma boa fase. Abraço e continue participando!

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.