Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Celtics 126 x 94 Hornets

Encerrando uma série de cinco jogos consecutivos como mandante pela temporada 2018/2019 da NBA, o Boston Celtics deu um pouco de sossego ao seu torcedor e conquistou, na noite desta quarta-feira (30), uma de suas vitórias mais tranquilas nesta edição da liga. Com mais de 18 mil pessoas no TD Garden, o time verde e branco de Massachusetts fez um segundo tempo impecável diante do Charlotte Hornets, venceu por 126 a 94 e encurtou a distância para os líderes da Conferência Leste.

Depois de um primeiro tempo marcado pelo equilíbrio e pela forte artilharia das duas equipes, que combinaram para 122 pontos em 24 minutos, o Boston Celtics voltou com tudo do intervalo e encaminhou a vitória com expressivos 35 a 16 no terceiro quarto, apostando suas fichas em um forte jogo coletivo e defesa atenta. Mesmo com a vitória encaminhada, o Alviverde não diminuiu o ritmo no último quarto, ampliou a vantagem e garantiu a festa de seu torcedor.

Mais uma vez no banco de reservas, o ala-armador Jaylen Brown mostrou habilidade na quadra de ataque, empolgou o torcedor verde e branco com enterradas e terminou o jogo não só como cestinha do Boston Celtics, mas também com um duplo-duplo: 24 pontos e 10 rebotes. Entre os titulares, o ala Jayson Tatum anotou 20 pontos, enquanto o armador Terry Rozier, substituto do lesionado Kyrie Irving, fez um duplo-duplo com 17 pontos e 10 assistências.

Principal jogador do Charlotte Hornets e selecionado para o NBA All-Star Game como titular, o armador Kemba Walker foi o cestinha da equipe da Carolina do Norte em Boston, com 21 pontos. O ala francês Nicolas Batum também se destacou pelo Hornets, com 13 pontos e quatro assistências. Na rotação, o principal nome foi o ala-armador Malik Monk, que fez 16 pontos e pegou dois rebotes.

Mesmo com a vitória, o Boston Celtics continua na quinta colocação da Conferência Leste, com 32 triunfos em 51 partidas e 62,7% de aproveitamento. Já o Charlotte Hornets, que venceu 24 dos 50 jogos disputados e tem 48% de aproveitamento, permanece na oitava posição do Leste.

Após cinco partidas seguidas em casa, a equipe do Boston Celtics volta a atuar como visitante na noite desta sexta-feira (1º), às 22h30 (horário de Brasília), contra o New York Knicks, no Madison Square Garden. Também nesta sexta, o Charlotte Hornets recebe o Memphis Grizzlies em seu Spectrum Center.

Destaques do Celtics

Jaylen Brown (24 pontos e 10 rebotes / duplo-duplo)

Jayson Tatum (20 pontos e cinco rebotes)

Terry Rozier (17 pontos, 10 assistências e cinco rebotes / duplo-duplo)

Destaques do Hornets

Kemba Walker (21 pontos e duas assistências)

Malik Monk (16 pontos e dois rebotes)

Nicolas Batum (13 pontos e quatro assistências)

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

14 comentários

  1. Celso Cachali Jr

    Mais uma partida que o coletivo fez toda a diferença, fica um time sem vaidade.
    Rozier tem que ser titular em alguma franquia o mlk é muito bom e tem muito futuro.
    Brown crescendo se tivesse com este pick dos ultimos 10 jogos, seria o segundo maior pontuador do time.

    Falam de Davis, mas não trocaria Tatum e Brown por Davis, mesmo sabendo que ele é insano de jogador, top 5.
    Sobre Kyrie querer ir para o Lakers se é verdade eu não sei, temos a reposição caseira com Rozier, claro que não na mesma qualidade.

    • Renato Rissi

      eu trocaria de olhos fechados…

      • Marco Antônio de Paula

        Ainda bem que o Ainge tem os olhos bem abertos.

        • Renato Rissi

          to vendo mesmo…tão abertos que só promete, promete, e ganhamos um único titulo em em 15 anos de seu ‘mandato’….sem contar as pífias e vergonhosas campanhas de 05/06 e 06/07…..o pedido pra sair de Pierce (culpa de danny, que montou um time ridículo)…..enfim, eu to cansado dessa conversinha de ‘a mas no futuro o time vai ficar bom, temos que preservar os futuros all star’…..todo ano mesma conversa fiada e não ganhamos nada. Eu quero saber de títulos, ganhar campeonatos. Não ficar esperando que algum draft vire um all star…

  2. Marchall

    Eu não sei como tem cara pedindo para trocar o Jayson Tatum. Vocês que falam isso não manjam absolutamente nada de NBA.

    Peguem a evolução do Tatum na temporada anterior e na temporada atual. Cresceu em arremessos e cresceu em rebotes.

    Media de 15pts por partida e tem 20 anos só!

    TATUM É INEGOCIÁVEL

  3. Marcio Varella

    tatum será melhor que Davis, anotem ai

  4. Teobaldo

    O time titular do Celtics que eu queria para a temporada 2019/2010: Irving, Tatum, Duran, Davis (na 4) e Dwight Howard.

    Considerando as regras, impedimentos, multas, etc., pergunto: É possível?

    Abraços!

  5. Marco Antônio de Paula

    Acho que fizemos uma partida muito boa. Apesar da fragilidade do Adversário, time mostrou muita postura e seriedade em quadra. Acho que o pessoal está meio receioso com a possibilidade de ir para New Orleans, Rozier, Brown e Tatum fizeram uma grande partida. Horford também muito bem. Geralmente contra adverários que não jogam muito forte no garrafão, estamos no sobressaindo bem. Unico lado negativo é essa insistência do Stevens e não dar chance pro Calouro Williams nesses jogos. Ter que aturar Yabubaleia com seus 680 kgs é complicado. Não sei o que o Stevens vê de futuro para o Celtics nesse Yabubaleia com seu traseiro do tamanho de uma jamanta. Chances pro Williams já. De resto é recuperar o Kyrie para os jogos mais cascudos e tentar garantir o mando de quadra para os Playoffs.

  6. samucarj

    Marcos,

    O Cousins está calminho porque está voltando de lesão e ainda longe do ideal fisicamente, quando tiver 100% quero ver ele ficar calmo quando não receber a bola.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.