Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Isaiah Thomas é eleito o jogador do mês da Conferência Leste

Em Janeiro de 2017, vimos Isaiah Thomas fazer história e entrar no rol de maiores cestinhas celtas em um único mês.

O Celtics, se aproveitando da boa fase de seu camisa 4, terminou o mês com 10 vitórias em 14 jogos.

Quanto a Thomas, suas incríveis atuações acabaram o rendendo o prêmio de melhor jogador da Conferência Leste no mês de Janeiro.

No último mês, o jogador, recrutado com a 60ª (e última) escolha do 2011 NBA Draft, angariou 32.9 pontos, em média, por partida. Larry Bird e Paul Pierce foram os únicos jogadores do Celtics a terem maior média de pontos em um único mês.

Entretanto, Thomas não chamou atenção apenas pelos pontos marcados, já que o anão mais querido de Boston também teve 6.9 assistências por jogo, no primeiro mês do ano. Essa média é a maior de sua carreira no quesito, também considerando apenas 30 dias para análise.

Pela Conferência Oeste, Stephen Curry e Kevin Durant, ambos do Golden State Warriors, ficaram com a honraria.

Em outro giro, importante dizer que, se depender de Thomas, o mês de Fevereiro promete ser tão bom quanto o último. Afinal, no primeiro jogo celta do presente mês, o camisa 4 liderou o Celtics na vitória por 109 x 104 sobre o Raptors, ao deixar o TD Garden com 44 pontos, sendo que 19 foram no quarto derradeiro. Foi o segundo jogo consecutivo do armador com 40 ou mais pontos e o quinto em 2016/2017.

Além disso, na presente temporada, Thomas tem a incrível média de 29.7 pontos por jogo, que é a segunda maior média no ranking de cestinhas da temporada, ficando atrás apenas de Russell Westbrook, do Oklahoma City Thunder, que tem surreais 30.7 pontos por confronto. Por fim, o anão de Boston lidera a NBA em pontos no 4° quarto, com a média de 10.5 marcados nos doze minutos finais.

Author avatar
Rômulo Portugal
Rômulo é carioca, advogado, e fã de futebol, NBA e NFL. Acompanha o Celtics desde 2003. Seu fanatismo pelo maior campeão da NBA o fez torcer para os demais times de Boston. Como bom carioca, é Vascaíno. Tem Paul Pierce como primeiro e grande ídolo na NBA.

5 comentários

  1. HENRIQUE CLAUDINO

    O Celtics Brasil tem grupo de whatsap?
    Se sim como posso me inserir?

  2. Junior

    Se continuar assim só tem uma palavra para definir esse ano do Thomas MVP. Nem Mais Nem Menos.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.