Visite nossas Redes Sociais
Curta e siga nossas redes para ter acesso a conteúdos exclusivos, além de manter-se sempre atualizado sobre novos artigos no site.

Knicks 120 x 116 Celtics

Vivendo o seu pior momento na temporada 2015/2016 da NBA, o Boston Celtics apostou em uma reação em grande estilo, no clássico contra o New York Knicks, em pleno Madison Square Garden, para seguir na zona de classificação para os playoffs da Conferência Leste e se reerguer nesta edição da liga. A iniciativa celta, porém, ficou apenas no papel: no duelo disputado na noite de terça-feira (12), o Alviverde não conseguiu aproveitar os problemas dos Knickerbockers, que ficaram sem os astros Carmelo Anthony e Kristaps Porzingis nos minutos finais, e foi derrotado por 120 a 114.

O grande símbolo do Boston Celtics na partida foi o armador Isaiah Thomas: apesar de ser o cestinha da partida, com 34 pontos, e contribuir com oito assistências, o camisa 4 deixou a desejar nos momentos decisivos do jogo e acertou apenas um arremesso em oito tentativas de longa distância. O ala Jae Crowder, com sua raça habitual, foi o principal auxiliar de Thomas, com 21 pontos em 33 minutos. Mais uma vez reserva, o ala-pivô Jared Sullinger fez 14 pontos e pegou sete rebotes.

Pelo New York Knicks, o destaque absoluto foi o ala-pivô letão Kristaps Porzingis, que fez 16 pontos no primeiro período de jogo e comandou a sua equipe em quadra, principalmente depois da saída do ala Carmelo Anthony, que machucou o tornozelo. Mesmo fora dos minutos finais, por ter cometido a sexta falta, Porzingis foi o cestinha dos Knickerbockers, com 26 pontos. O ala-armador Arron Afflalo, com 24 pontos, liderou o ataque do Knicks na reta final de jogo e substituiu Anthony com estilo, enquanto o reserva Derrick Williams, com 15 pontos e 10 rebotes, anotou um duplo-duplo.

A vitória sobre o Boston Celtics recolocou o New York Knicks na briga pelos playoffs da Conferência Leste: com 20 vitórias em 40 jogos, os nova-iorquinos ultrapassaram o Alviverde e ocupam o nono posto. Os celtas, que chegaram a quatro jogos sem vitória, também estão com 50% de aproveitamento na temporada, mas com dois jogos a menos que o rival e uma vitória a menos que o oitavo colocado Orlando Magic.

Depois de um clássico eletrizante, New York Knicks e Boston Celtics não terão tempo de descansar e já voltam a jogar na noite desta quarta-feira (13), em compromissos duríssimos. Os Knickerbockers visitam o rival Brooklyn Nets, no Barclays Center, enquanto os celtas, após três jogos seguidos fora de casa, voltam a jogar no TD Garden, contra o Indiana Pacers.

Destaques do Knicks

Kristaps Porzingis (26 pontos e seis rebotes)

Arron Afflalo (24 pontos e três rebotes)

Derrick Williams (15 pontos e 10 rebotes / duplo-duplo)

Destaques do Celtics

Isaiah Thomas (34 pontos e oito assistências)

Jae Crowder (21 pontos e oito rebotes)

Jared Sullinger (14 pontos e sete rebotes)

 

https://www.youtube.com/watch?v=lfjZE1maJJ4

Author avatar
Gustavo Arruda
Gustavo, 28 anos, é maranhense de São Luís, jornalista formado pela UFMA e repórter do Imirante.com. Fanático por esportes, principalmente futebol e basquete, é torcedor celta desde 2003, quando ouviu pela primeira vez o TD Garden lotado entoando "Let's go, Celtics!", e escreve no Celtics Brasil desde julho de 2011, com mais de 1.700 textos publicados. Nas horas vagas, é goleiro, armador, tio do João Gabriel e da Alice, e também dá seus pitacos sobre o maior campeão da NBA no Twitter: @gustavoarruda01.

Postar comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado.